sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Philip Georg Bennett apitará Fluminense x Friburguense


Apitará Fluminense x Friburguense, na quarta-feira 5, no Maracanã, o árbitro Philip Georg Bennett. Ele será auxiliado por Luiz Antônio Muniz de Oliveira e João Luiz Coelho de Albuquerque. O trio é da Federação do Rio de Janeiro.

Philip Georg Bennett só apitou um jogo do Fluminense até hoje:
08/02/2014 - Flamengo 0 x 3 Fluminense - Maracanã (Rio de Janeiro)

PCFilho

Xadrez - Mate em 3! (Viswanathan Anand)

Viswanathan Anand vs Veselin Topalov, Monte Carlo, 2005.
Código FEN: 5b2/8/2p1b3/2p1Pp2/p1P2P2/k1B5/1NK5/8 w - - 1 0.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 3 lances!

(White to play and give checkmate in 3 moves!)

PCFilho

Xadrez - Mate em 2! (Sam Loyd)

Sam Loyd, Chicago Times, 1879.
Código FEN: 8/8/8/3pp3/4k3/8/4KQ2/8 w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 2 lances!

(White to play and give checkmate in 2 moves!)

PCFilho

História - Atlético Paranaense na Copa Libertadores

O goleiro Weverton, herói da disputa de pênaltis contra o Sporting Cristal (2014).
Foto: Reuters.

Em 2017, o Atlético Paranaense participa pela 5ª vez da Copa Libertadores da América. A estreia foi no ano 2000, com a vaga obtida ao vencer o Torneio Seletivo do Brasileirão - acabou eliminado nas oitavas-de-final pelo Atlético Mineiro. Em 2002, o Atlético Paranaense chegou como um dos favoritos, após ter conquistado o Campeonato Brasileiro, mas decepcionou, sendo eliminado na fase de grupos. A melhor campanha do clube curitibano no torneio sul-americano foi em 2005, quando terminou vice-campeão, perdendo a decisão para o São Paulo. Em 2014, foi novamente eliminado na fase de grupos.

Ao todo, o Clube Atlético Paranaense já disputou 39 partidas pela Copa Libertadores, com 19 vitórias, 7 empates, 13 derrotas, 59 gols-pró e 56 gols-contra.

I) Copa Libertadores da América 2000
16/02/2000 - Alejandro Villanueva (Lima) - Alianza Lima 0, Atlético Paranaense 3 (Luisinho Netto, Lucas e Kelly)
09/03/2000 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 1 (Kléber), Emelec 0
15/03/2000 - Centenário (Montevideo) - Nacional de Montevideo 1 (Diego Scotti), Atlético Paranaense 3 (Kelly 2 e Lucas)
22/03/2000 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 2 (Luisinho Netto e Lucas), Alianza Lima 1 (John Hinostroza)
04/04/2000 - George Capwell (Guayaquil) - Emelec 0, Atlético Paranaense 0
12/04/2000 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 2 (Luis Carlos Goiano e Luisinho Netto), Nacional de Montevideo 0
02/05/2000 - Mineirão (Belo Horizonte) - Atlético Mineiro 1 (Reginaldo contra), Atlético Paranaense 0
11/05/2000 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 2 (Kelly e Luisinho Netto), Atlético Mineiro 1 (Marques)
Definição por pênaltis. Para o Atlético Paranaense: Adriano chutou para fora, Silas, Kelly e Gustavo converteram. Para o Atlético Mineiro: Lincoln, Ramon, Irênio, Gallo e Guilherme converteram. Atlético Paranaense 3, Atlético Mineiro 5.
8 jogos, 6 vitórias, 1 empate, 1 derrota, 13 gols-pró, 4 gols-contra.
Eliminado nas oitavas-de-final.

II) Copa Libertadores da América 2002
05/02/2002 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 1 (Alex Mineiro), Bolívar 2 (Edgar Olivares e Joaquín Botero)
19/02/2002 - Olímpico (Riobamba) - Olmedo 2 (Max Macías 2), Atlético Paranaense 1 (Alessandro)
27/02/2002 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 1 (Flávio Luiz), América de Cali 1 (Pablo Jaramillo)
12/03/2002 - Hernando Siles (La Paz) - Bolívar 5 (Miguel Mercado, Horacio Chiorazzo 2, Martín Lígori e Julio César Ferreira), Atlético Paranaense 5 (Kleberson, Ilan 2, Dagoberto e Adriano)
19/03/2002 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 2 (Luisinho Netto 2), Olmedo 0
27/03/2002 - Pascual Guerrero (Cali) - América de Cali 5 (David Ferreira, Edison Mafla 2(1p), Tressor Moreno e Fabián Vargas (p)), Atlético Paranaense 0
6 jogos, 1 vitória, 2 empates, 3 derrotas, 10 gols-pró, 15 gols-contra.
Eliminado na primeira fase.

III) Copa Libertadores da América 2005
15/02/2005 - Atanasio Girardot (Medellín) - Independiente Medellín 2 (Juan Diego González e Neider Morantes), Atlético Paranaense 2 (Marcão e Dênis Marques)
01/03/2005 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 1 (Maciel), Libertad 0
10/03/2005 - Pascual Guerrero (Cali) - América de Cali 3 (Leonardo Mina Polo, Néstor Salazar e David Ferreira), Atlético Paranaense 1 (Vladimir Marín)
14/04/2005 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 2 (Fabrício e Lima), América de Cali 1 (Jorge Banguero)
20/04/2005 - Defensores del Chaco (Asunción) - Libertad 1 (Ismael Blanco), Atlético Paranaense 2 (Dênis Marques e Maciel)
10/05/2005 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 0, Independiente Medellín 4 (César Valoyes 2, Jorge Serna e David Montoya (p))
19/05/2005 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 2 (Lima e Cléo), Cerro Porteño 1 (Julio dos Santos)
26/05/2005 - La Olla Azulgrana (Asunción) - Cerro Porteño 2 (Julio dos Santos e Santiago Salcedo), Atlético Paranaense 1 (Lima)
Definição por pênaltis. Para o Cerro Porteño converteram: Glacinei Martins, Mario Darío Grana, Julio dos Santos e Pedro Sarabia. Diego defendeu a cobrança de Santiago Salcedo. Para o Atlético Paranaense converteram: Alan Bahia, Fabrício, Felipe Baloy, Vladimir Marín e Evandro. Cerro Porteño 4, Atlético Paranaense 5.
01/06/2005 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 3 (Evandro, Marcão e Lima), Santos 2 (Ricardinho e Deivid)
15/06/2005 - Vila Belmiro (Santos) - Santos 0, Atlético Paranaense 2 (Aloísio 2)
23/06/2005 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 3 (Aloísio, Fernandinho e Fabrício), Guadalajara 0
30/06/2005 - Jalisco (Guadalajara) - Guadalajara 2 (Francisco Palencia 2(1p)), Atlético Paranaense 2 (Lima 2)
06/07/2005 - Beira-Rio (Porto Alegre) - Atlético Paranaense 1 (Aloísio), São Paulo 1 (Durval contra)
14/07/2005 - Morumbi (São Paulo) - São Paulo 4 (Amoroso, Fabão, Luizão e Diego Tardelli), Atlético Paranaense 0
14 jogos, 7 vitórias, 3 empates, 4 derrotas, 22 gols-pró, 23 gols-contra.
VICE-CAMPEÃO.

IV) Copa Libertadores da América 2014
29/01/2014 - Nacional (Lima) - Sporting Cristal 2 (Irven Ávila e Lobatón), Atlético Paranaense 1 (Éderson)
05/02/2014 - Durival Britto (Curitiba) - Atlético Paranaense 2 (Manoel e Éderson (p)), Sporting Cristal 1 (Irven Ávila)
Definição por pênaltis. Para o Atlético Paranaense converteram: Éderson, Fran Mérida, Natanael, Mosquito e Manoel; Penny defendeu as cobranças de Deivid e Nathan. Para o Sporting Cristal converteram: Lobatón, Cazulo, Luis Advíncula e Maximiliano Nuñez; Weverton defendeu a cobrança de Marcos Delgado; Calcaterra chutou para fora; e Pedro Aquino chutou na trave. Atlético Paranaense 5, Sporting Cristal 4.
13/02/2014 - Durival Britto (Curitiba) - Atlético Paranaense 1 (Paulinho Dias), The Strongest 0
13/03/2014 - Monumental "U" (Lima) - Universitário de Lima 0, Atlético Paranaense 1 (Nestor Duarte contra)
20/03/2014 - Durival Britto (Curitiba) - Atlético Paranaense 3 (Bruno Mendes*, Felipe e Éderson), Universitário de Lima 0
26/03/2014 - Durival Britto (Curitiba) - Atlético Paranaense 1 (Dráusio), Vélez Sarsfield 3 (Allione, Lucas Pratto e Canteros)
08/04/2014 - Hernando Siles (La Paz) - The Strongest 2 (Manoel contra e Solíz), Atlético Paranaense 1 (Adriano)
* no jogo de 20/03/2014, o primeiro gol, de Bruno Mendes, foi creditado oficialmente como gol contra de Dalton.
8 jogos, 4 vitórias, 4 derrotas, 10 gols-pró, 10 gols-contra.
Eliminado na primeira fase.

V) Copa Libertadores da América 2017
01/02/2017 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 1 (Grafite (p)), Millonarios 0
08/02/2017 - El Campín (Bogotá) - Millonarios 1 (Jhon Duque), Atlético Paranaense 0
Definição por pênaltis. Para o Millonarios, Ayron del Valle e Andrés Cadavid converteram; Weverton defendeu a 2ª cobrança (Pedro Franco); Maximiliano Núñez chutou a 4ª cobrança no travessão. Para o Atlético Paranaense, Jonathan, Grafite, Carlos Alberto e Felipe Gedoz converteram. Millonarios 2, Atlético Paranaense 4.
15/02/2017 - Arena da Baixada (Curitiba) - Atlético Paranaense 3 (Felipe Gedoz 2(1p) e Pablo), Deportivo Capiatá 3 (Noguera e Néstor González 2)
22/02/2017 - Erico Galeano Segovia (Capiatá) - Deportivo Capiatá x Atlético Paranaense
...

PCFilho

quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

Vélez Sarsfield 2 x 0 Atlético Paranaense - Gols



25/02/2014 - Jose Amalfitani (Buenos Aires) - Vélez Sarsfield 2 (Fernando Tobio e Lucas Pratto), Atlético Paranaense 0

PCFilho

Grêmio 3 x 0 Atlético Nacional - Gols



25/02/2014 - Arena do Grêmio (Porto Alegre) - Grêmio 3 (Luan, Ramiro e Alan Ruiz), Atlético Nacional 0

PCFilho

Atlético Mineiro 2 x 1 Santa Fe - Gols



26/02/2014 - Independência (Belo Horizonte) - Atlético Mineiro 2 (Jô e Neto Berola), Santa Fe 1 (Omar Pérez)

PCFilho

Cruzeiro 5 x 1 Universidad de Chile - Gols



25/02/2014 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 5 (Ricardo Goulart 3, Dagoberto e Willian), Universidad de Chile 1 (Lorenzetti)

PCFilho

Xadrez - Mate em 3! (Paulo Cezar Filho)

Paulo Cezar Filho, Jornalheiros, 2014.
Código FEN: 8/B7/N2pp2p/2p1k3/7Q/8/B3K3/8 w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 3 lances!

(White to play and give checkmate in 3 moves!)

PCFilho

Xadrez - Mate em 2! (Felix Alexander Sonnenfeld)

Felix Alexander Sonnenfeld, O Globo, 1966.
Código FEN: 7B/Pp1p4/8/4Pp1p/p1B5/3N2n1/1P1NP3/k3K2R w K - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 2 lances!

(White to play and give checkmate in 2 moves!)

PCFilho

Descanse em paz, Loureiro Neto


No início do mês, o futebol carioca se despediu do radialista Jorge Nunes. Menos de um mês depois, já estamos lamentando a perda de outro ícone do rádio esportivo do Rio de Janeiro: faleceu na terça-feira, 25, aos 61 anos, Loureiro Neto, em decorrência de problemas cardíacos.

O português Manuel Fernandes Loureiro veio para o Brasil ainda criança, e desde a década de 70 trabalhou como repórter e comentarista esportivo, na TV Rio, na Rádio Vera Cruz, na Rádio Manchete e na Rádio Globo.

Loureiro Neto nunca escondeu suas duas paixões no Rio de Janeiro: o bairro de Copacabana e o Vasco da Gama, sempre citados em seus comentários. Ajudou o seu clube do coração a repatriar o ídolo Roberto Dinamite, em 1980, quando este já estava apalavrado com o Flamengo (confiram o relato aqui).

No final da década de 70, ele fez parte da equipe da Rádio Globo que alguns torcedores cariocas consideram a melhor da história do rádio esportivo: Jorge Curi, Waldyr Amaral, Mário Vianna, João Saldanha, Kléber Leite e Loureiro Neto.

Assim que terminar o próximo clássico do Campeonato Carioca, lá no céu Jorge Curi berrará com sua voz estrondosa: "Fiiiim de papo! Loureiro!"...

PCFilho

Resenha: Cabofriense 1 x 1 Tricolor

Foto: Photocamera.

Com uma formação ofensiva, três atacantes e tudo, o Fluminense partiu para cima da Cabofriense, o melhor dos times pequenos neste Campeonato Carioca (que venceu até os poderosos Botafogo e Vasco). Os ataques puxados pelo veloz Biro Biro davam muito trabalho ao adversário. Entretanto, o domínio tricolor não era convertido em gols. Faltava pontaria aos atletas do pó-de-arroz: foram ao todo mais de quinze finalizações fora do gol (Samarone me diz aqui o número exato: dezoito).

O Fluminense perdia chance atrás de chance. E quem não faz, leva, já dizia não-sei-quem. Aos 14 minutos do segundo tempo, a Cabofriense abriu o placar, com Daniel Tijolo de cabeça, completando cruzamento de Éberson. Um castigo dos deuses da bola.

Renato Gaúcho fez então o que sempre faz quando está perdendo: empilhou mais atacantes no time, e o Fluminense partiu para o abafa. A Cabofriense recuadinha, segurando o placar que lhe daria a vice-liderança. O Fluminense atacando afobadamente, chutando, chutando, chutando.

E não-sei-quem também dizia que água mole em pedra dura tanto bate até que fura. Foi dos pés de Walter que surgiu o gol de empate, já nos acréscimos. Dizem que Walter lembra o ídolo Romeu Pellicciari, do timaço pentacampeão em seis anos, do Fla-Flu da Lagoa, que também era gordinho. Mas hoje Walter me lembrou Gérson, com seu lançamento cinematográfico para Fred. O centroavante da Seleção, que havia perdido uma penca de gols feitos, desta vez fez o que dele se espera. Limpou e finalizou, sem chances para o goleiro Luís Cetin (formado no Fluminense, lembram-se dele?). Estava empatado o prélio.

Pouco depois, o árbitro apitou pela última vez: 1 a 1, placar final. O Fluminense segue na vice-liderança, e voltará a campo na quarta-feira 5, contra o Friburguense, no Maracanã.

PCFilho

Notas do onze:
Diego Cavalieri - 6,0
Bruno - 4,5
Gum - 5,0
Elivélton - 5,5
Aílton - 5,0
(Chiquinho) - 5,5
Diguinho - 6,5
Jean - 4,5
(Wagner) - 6,0
Darío Conca - 7,0
Biro Biro - 7,0
Rafael Sobis - 5,0
(Walter) - 7,5
Fred - 6,0
T. Renato Gaúcho - 5,0

Flamengo 3 x 1 Emelec - Gols



26/02/2014 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Flamengo 3 (Elano, Hernane e Everton), Emelec 1 (Escalada)

PCFilho

Unión Española 1 x 1 Botafogo - Gols



26/02/2014 - Santa Laura (Santiago) - Unión Española 1 (Cristian Chávez), Botafogo 1 (Ferreyra)

PCFilho

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Campeonato Carioca 2014 - Classificação após os jogos de hoje

Tabela adaptada do site Futbol24.

Resultados de hoje:
26/02 - Boavista 2 x 1 Friburguense - Eucy Resende (Saquarema)
26/02 - Audax Rio 3 x 5 Bonsucesso - Moça Bonita (Rio de Janeiro)
26/02 - Resende 2 x 2 Bangu - Estádio do Trabalhador (Resende)
26/02 - Duque de Caxias 0 x 2 Volta Redonda - Los Larios (Duque de Caxias)
26/02 - Cabofriense 1 x 1 Fluminense - Moacyrzão (Macaé)

PCFilho

Resultado da Mega-Sena - Concurso 1577

Dezenas sorteadas (26/02/2014):
11 - 14 - 25 - 32 - 51 - 59

Rateio:
- Sena: 1 ganhador x R$ 7.599.721,82.
(Rio de Janeiro/RJ)
- Quina: 86 ganhadores x R$ 26.213,16.
- Quadra: 6.004 ganhadores x R$ 536,38.

Estimativa de prêmio para o concurso 1578: R$ 3.000.000,00.

PCFilho

Xadrez - Mate em 4! (Jules de Riviere)

Jules de Riviere vs Paul Journoud, Paris, 1860.
Código FEN: r1bk3r/pppq1ppp/5n2/4N1N1/2Bp4/Bn6/P4PPP/4R1K1 w - - 1 0.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 4 lances!

(White to play and give checkmate in 4 moves!)

PCFilho

Fla denuncia amizade entre Flu e Obama


No início da madrugada desta quarta-feira, o Flamengo emitiu nota oficial de repúdio ao senhor Barack Obama, presidente dos Estados Unidos, com alegações de que o governo norte-americano teria um "trato entre amigos" com o Fluminense.

Segundo a nota, assinada pelo presidente Eduardo Flâmula de Mello, os órgãos de espionagem dos Estados Unidos - CIA, FBI e NSA - estariam fornecendo informações privilegiadas aos dirigentes tricolores. O vazamento dos e-mails trocados entre os cartolas rubro-negros, em dezembro, seria um dos frutos da ardilosa conexão Laranjeiras-Washington.

A recente goleada tricolor no Fla-Flu também teria tido participação do governo Obama. Arquivos do computador do técnico Jayme de Almeida, contendo todo o plano de jogo rubro-negro, teriam sido roubados pelos espiões norte-americanos e repassados ao treinador tricolor Renato Gaúcho. Assim, a tarefa do onze tricolor foi bastante facilitada - o Flu venceu o Fla por 3 a 0.

Neste momento, o Fluminense excursiona com seu time reserva pelos Estados Unidos, enfrentando times da Major League Soccer. E até mesmo essa viagem é alvo das acusações dos rubro-negros. Segundo eles, a excursão seria mero disfarce, para acobertar reuniões secretas entre cartolas tricolores e espiões norte-americanos.

A reportagem procurou os arquivos do WikiLeaks e não encontrou nenhum documento a respeito da suposta conexão Laranjeiras-Washington. Edward Snowden, delator dos esquemas de espionagem da CIA, não respondeu nossos e-mails sobre o assunto. O governo dos EUA também não se manifestou. Mário Bittencourt, advogado do Fluminense, apenas declarou que não gosta desse tipo de ficção, preferindo ler obras como O Pequeno Príncipe, de Antoine de Saint-Exupéry.

PCFilho

terça-feira, 25 de fevereiro de 2014

Xadrez - Mate em 2! (José Ernesto Coutinho)

José Ernesto Coutinho, O Estado de São Paulo, 1977.
Código FEN: 8/8/Q7/3kp3/1P6/8/K1N1P3/8 w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 2 lances!

(White to play and give checkmate in 2 moves!)

PCFilho

Arbitragem para Cabofriense x Fluminense


Apitará Cabofriense x Fluminense, nesta quarta-feira, 26, no Estádio Moacyrzão, em Macaé, o árbitro Grazianni Maciel Rocha. Ele será auxiliado por Rodrigo Figueiredo Henrique Corrêa e Carlos Henrique Alves de Lima Filho. O trio é da Federação do Rio de Janeiro.

Até hoje, o árbitro Grazianni Maciel Rocha já apitou 4 partidas do Fluminense em sua carreira, com 1 vitória tricolor, 2 empates e 1 derrota:

PCFilho

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

Xadrez - Mate em 4! (Marsel Efroimski)

Andjelija Stojanovic vs Marsel Efroimski, Olimpíada Feminina de Xadrez, Istambul, 2012.
Código FEN: 7k/p7/3qR2p/2p5/2Pp1b2/3P1B1r/PP5N/4R2K b - - 0 1.

As Pretas jogam e dão xeque-mate em 4 lances!

(Black to play and give checkmate in 4 moves!)

PCFilho

Ecos do Clássico Vovô

Helton Leite pula para defender o pênalti de Fred.
Foto: André Durão/Globoesporte.com.

Fred perdeu segundo pênalti seguido
Na vitória por 4 a 1 sobre o Boavista, o centroavante tricolor Fred já havia chutado um pênalti na trave. Ontem, contra o Botafogo, voltou a desperdiçar uma cobrança, desta vez parando em defesa de Helton Leite (que é filho de João Leite, goleiro lendário do Atlético Mineiro).

Fred é carrasco do Botafogo
Embora tenha passado em branco ontem, o centroavante da Seleção tem no Botafogo a sua maior vítima: dos 113 gols de Fred pelo Fluminense, 10 foram sobre o Botafogo. Na história do Clássico Vovô, apenas três jogadores têm mais gols que Fred: o tricolor Welfare (17), o alvinegro Heleno (16) e o tricolor Waldo (14).

Fluminense não era goleado há um ano
A derrota por 3 a 0 para o Botafogo foi a maior sofrida pelo Fluminense nos últimos doze meses. A última derrota do Tricolor por três gols de diferença havia ocorrido no dia 20/02/2013, pela Copa Libertadores: 3 a 0 para o Grêmio, no Engenhão.

Goleadas são raras no Clássico Vovô
A última goleada do Clássico Vovô havia acontecido em 06/05/2012, no primeiro jogo da final do Campeonato Carioca: Fluminense 4 x 1. Depois dela, até ontem, nenhum dos times havia marcado mais do que 1 gol em cada jogo. Antes de 2012, a última goleada ocorrera em 13/03/2005: Fluminense 4 x 0. A última goleada do Botafogo fora em 02/10/2004: 4 x 1. No século XXI, além destas, houve apenas mais uma goleada no clássico: Fluminense 5 x 0 em 23/02/2003.

Foi o Vovô #351
O Clássico Vovô acontece desde 1905. Foram até hoje 131 vitórias tricolores, 106 empates e 114 triunfos alvinegros, com 560 gols do Fluminense e 507 gols do Botafogo. A lista com todos os 351 resultados pode ser vista aqui.

Cartão amarelo só para Diego Cavalieri
A transmissão da TV Bandeirantes flagrou o goleiro do Botafogo Helton Leite fazendo a mesma marca no gramado que Diego Cavalieri, mas só o arqueiro do Fluminense foi punido com o cartão amarelo. A punição, aliás, não está prevista nas Regras do Jogo da FIFA.

PCFilho

domingo, 23 de fevereiro de 2014

Campeonato Carioca 2014 - Classificação após a 10ª rodada

Tabela adaptada do site Futbol24.

Resultados da 10ª rodada:
22/02 - Madureira 2 x 2 Friburguense
22/02 - Resende 0 x 3 Flamengo
23/02 - Fluminense 0 x 3 Botafogo
23/02 - Volta Redonda 1 x 2 Bangu
23/02 - Nova Iguaçu 3 x 0 Boavista
23/02 - Duque de Caxias 1 x 0 Audax Rio
23/02 - Bonsucesso 3 x 0 Macaé
23/02 - Vasco 1 x 2 Cabofriense

PCFilho

Resenha: Tricolor 0 x 3 Botafogo

Foto: Netflu.

Atuando todo de laranja, o Fluminense teve uma tarde dominical desastrosa no Maracanã. Enfrentando o time misto do Botafogo, saiu derrotado por 3 a 0, perdeu pênalti e viu a liderança do Campeonato Carioca escapar para o Flamengo.

Antes mesmo do início do jogo, o árbitro João Batista de Arruda resolveu aparecer: inventou um cartão amarelo para Diego Cavalieri, por uma infração que não está prevista nas Regras do Jogo da FIFA. Uma palhaçada que, espero, o departamento jurídico do Fluminense conseguirá anular nos tribunais. Era apenas o começo da catástrofe tricolor.

A arbitragem continuou a prejudicar o Fluminense com a bola rolando. Ainda na primeira metade da etapa inicial, o Fluminense teve um gol legítimo anulado por um suposto impedimento, e dois jogadores alvinegros deveriam ter sido expulsos: o troglodita Aírton por duas faltas violentas seguidas, e o lateral Júnior César por um carrinho criminoso que poderia ter quebrado a perna de Darío Conca.

O Botafogo construiu o placar em cima de falhas individuais da defesa do Fluminense. Ainda no primeiro tempo, Bruno rebateu errado para o meio e Henrique aproveitou para assinalar 1 a 0. Já na etapa complementar, o mesmo Henrique ampliou após bate-rebate, e Bolatti escorou cruzamento de Júnior César para dar números finais ao placar.

Ainda houve uma chance para diminuir o vexame, em cobrança de pênalti. As arquibancadas pediram Darío Conca - que, apesar da derrota, era o melhor dos 22 em campo - mas foi Fred que bateu. E perdeu.

Definitivamente, era uma tarde para esquecer.

PCFilho

Notas do onze:
Diego Cavalieri - 6,5
Bruno - 1,5
Gum - 4,5
Elivélton - 4,5
Carlinhos - 3,0
(Chiquinho) - 5,0
Valencia - 5,5
(Wagner) - 5,0
Diguinho - 5,0
Jean - 5,0
Darío Conca - 8,0
Rafael Sobis - 5,0
(Walter) - 5,0
Fred - 4,0
T. Renato Gaúcho - 3,0

Cartão amarelo para Diego Cavalieri não está previsto nas Regras do Jogo


Extraído diretamente das Regras do Jogo da FIFA:

"Um jogador deve receber um cartão amarelo se cometer qualquer uma das sete seguintes infrações:
1. Comportamento anti-esportivo.
2. Desaprovação com palavras ou gestos às decisões da arbitragem.
3. Infração persistente das Regras do Jogo.
4. Retardar o reinício do jogo
5. Não respeitar a distância regulamentar em um tiro de canto, tiro livre ou arremesso lateral.
6. Entrar ou retornar ao campo de jogo sem a permissão do árbitro.
7. Abandonar intencionalmente o campo de jogo sem a permissão do árbitro."

Desafio o árbitro João Batista de Arruda, o comentarista Renato Marsiglia, ou qualquer outra pessoa, a encontrar nas Regras do Jogo o motivo para o cartão amarelo recebido por Diego Cavalieri, por "efetuar uma marca no gramado" (!!!).

PCFilho

Xadrez - Mate em 5! (Vesna Rozic)

Vesna Rozic vs Sara Vombek, Ljubljana (Eslovênia), 2007.
Código FEN: 4r1k1/3q1p2/2pb1Ppp/1b2B3/1P1PQ3/P5R1/2B3PP/6K1 w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 5 lances!

(White to play and give checkmate in 5 moves!)

PCFilho

Descanse em paz, Mario Travaglini

Mario Travaglini.
30/04/1932 - 20/02/2014.

Na última quinta-feira, 20, faleceu, aos 81 anos, um dos treinadores mais importantes da história do futebol brasileiro, o multicampeão Mario Travaglini.

Mario Travaglini conquistou títulos importantes por quatro grandes clubes brasileiros. No Palmeiras, foi campeão do Paulistão de 1966 e da Taça Brasil de 1967. No Vasco, levantou o Campeonato Brasileiro de 1974. No Fluminense, comandou a famosa Máquina Tricolor nas conquistas do Torneio de Paris e do Campeonato Carioca de 1976. No Corinthians, foi campeão paulista em 1982.

Ele foi um dos introdutores da filosofia do futebol moderno no Brasil, na década de 70, conseguindo aliar com sucesso a versatilidade dos esquemas táticos europeus ao talento dos jogadores brasileiros. Na Copa do Mundo de 1978, na Argentina, Mario Travaglini foi supervisor técnico da Seleção Brasileira, sob o comando técnico de Cláudio Coutinho. Mario Travaglini foi treinador também de Sport Recife, Portuguesa, São Paulo, Ferroviária, Vitória e São Bento.

No Fluminense, a passagem de Mario Travaglini foi entre junho de 1976 e maio de 1977. Foram ao todo 63 partidas sob seu comando técnico, com 36 vitórias, 14 empates e 13 derrotas. Além das conquistas do Campeonato Carioca e do Torneio de Paris, o Tricolor teve excelente campanha no Campeonato Brasileiro de 1976, tendo sido eliminado de forma dramática na semifinal, em um dia de temporal no Rio de Janeiro, na disputa de pênaltis.

Os amantes do futebol brasileiro agradecem por suas imensas colaborações para nosso esporte. Descanse em paz, Mario Travaglini.

PCFilho

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Resultado da Mega-Sena - Concurso 1576

Dezenas sorteadas (22/02/2014):
13 - 15 - 21 - 26 - 30 - 46

Rateio:
- Sena: acumulou!!!
- Quina: 88 ganhadores x R$ 21.264,00.
- Quadra: 5.886 ganhadores x R$ 454,16.

Estimativa de prêmio para o concurso 1577: R$ 7.000.000,00.

PCFilho

Xadrez - Mate em 2! (Manuscrito Florentino, 1600)

Manuscrito Florentino, 1600.
Código FEN: 8/8/1N1Q4/1k6/8/8/N7/7K w - - 0 1.

Um problema encontrado em um antigo manuscrito, datado de 1600: as Brancas jogam e dão xeque-mate em 2 lances!

(A problem found in an old manuscript, dated 1600: White to play and give checkmate in 2 moves!)

PCFilho

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

Arbitragem para Fluminense x Botafogo



Apitará Fluminense x Botafogo, no domingo 23, no Maracanã, o árbitro João Batista de Arruda (RJ). Ele será auxiliado por Silbert Faria Sisquim (RJ) e Eduardo de Souza Couto (RJ).

João Batista de Arruda já apitou 5 jogos do Fluminense até hoje. Foram 4 vitórias tricolores e 1 empate:

PCFilho

Xadrez - Mate em 4! (Claus Pitschel)

Claus Pitschel vs Adolf Anderssen, Leipzig, 1851.
Código FEN: r5rk/2p1Nppp/3p3P/pp2p1P1/4P3/2qnPQK1/8/R6R w - - 1 0.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 4 lances!

(White to play and give checkmate in 4 moves!)

PCFilho

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Campeonato Carioca 2014 - Classificação após a 9ª rodada



Resultados da 9ª rodada:
19/02 - Resende 1 x 3 Duque de Caxias
19/02 - Bangu 0 x 2 Vasco
19/02 - Macaé 0 x 1 Fluminense
19/02 - Friburguense 1 x 0 Nova Iguaçu
19/02 - Flamengo 2 x 0 Madureira
20/02 - Audax Rio 2 x 1 Boavista
20/02 - Cabofriense 1 x 0 Bonsucesso
20/02 - Botafogo 1 x 1 Volta Redonda

PCFilho

Xadrez - Mate em 2! (Fernando Teixeira)

Problema composto por Fernando Teixeira (problem composed by Fernando Teixeira).
Código FEN: k7/P2N1Np1/B2p1pP1/1P1PpK2/4P3/Q1P2PRP/6p1/6B1 w - e6 0 2.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 2 lances!

(White to play and give checkmate in 2 moves!)

PCFilho

quarta-feira, 19 de fevereiro de 2014

Resenha: Macaé 0 x 1 Tricolor

Nesta quarta-feira 19, o Fluminense venceu o Macaé por 1 a 0, gol de Fred, no Estádio Moacyrzão, em Macaé. Foi a sétima vitória seguida do Tricolor, que alcançou os 22 pontos e segue na liderança do Campeonato Carioca de 2014.

O melhor jogador tricolor em campo foi o goleiro Diego Cavalieri, que executou duas defesas dificílimas, garantindo a vitória do Fluminense. Os defensores Diguinho, Valencia, Gum e Elivélton também tiveram atuações seguras.

O gol do Fluminense, marcado aos 30 do primeiro tempo, nasceu do sagrado pé esquerdo de Darío Conca: o argentino levantou na área, Gum escorou para o meio, e Fred cabeceou para as redes. Foi o primeiro gol do centroavante da Seleção Brasileira na temporada.

No domingo 23, tem Clássico Vovô no Maracanã. Fluminense e Botafogo repetirão o duelo mais tradicional do futebol brasileiro, que ocorre desde 1905. Com ingressos a preços mais honestos (40 reais), a expectativa é de recorde de público do Campeonato até aqui. Nos vemos lá!

PCFilho

Notas do onze:
Diego Cavalieri - 9,0
Bruno - 6,0
Gum - 7,5
Elivélton - 7,0
Carlinhos - 5,0
(Chiquinho) - 6,0
Valencia - 7,0
Diguinho - 8,0
Jean - 6,0
Darío Conca - 7,5
Rafael Sobis - 5,5
(Walter) - 6,0
Fred - 7,5
(Wagner) - 6,0
T. Renato Gaúcho - 7,0

Resultado da Mega-Sena - Concurso 1575

Dezenas sorteadas (19/02/2014):
01 - 04 - 05 - 14 - 45 - 56

Rateio:
- Sena: 1 ganhador x R$ 111.503.902,49.
- Quina: 709 ganhadores x R$ 16.432,41.
- Quadra: 42.590 ganhadores x R$ 390,78.

Observação: o ganhador, da cidade de Santa Bárbara d'Oeste (SP), levou o segundo maior prêmio individual da história da Mega-Sena.

Estimativa de prêmio para o concurso 1576: R$ 3.000.000,00.

PCFilho

Xadrez - Mate em 2! (Geoff Foster)

Geoff Foster, Koldijk Memorial Tourney, 2007.
Código FEN: 8/1K1N4/2R1pp2/1p1k4/2nbn2q/6r1/Q5BB/3R4 w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 2 lances!

(White to play and give checkmate in 2 moves!)

PCFilho

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Xadrez - Mate em 3! (Boris Gelfand)

Gata Kamsky vs Boris Gelfand, Elista, 2007.
Código FEN: 8/7k/1p6/5p2/1P6/4QKPN/2q5/2r5 b - - 0 1.

As Pretas jogam e dão xeque-mate em 3 lances!

(Black to play and give checkmate in 3 moves!)

PCFilho

Wagner dos Santos Rosa apitará Macaé x Fluminense


O árbitro Wagner dos Santos Rosa (RJ) apitará Macaé x Fluminense, nesta quarta-feira 19, no Estádio Moacyrzão, em Macaé. Ele será auxiliado por Jackson Lourenço Massarra dos Santos (RJ) e Eliziane Vidal dos Santos Durães (RJ).

Até hoje, Wagner dos Santos Rosa apitou duas partidas do Fluminense em sua carreira:
28/04/2002 - Fluminense 3 x 2 Volta Redonda - Laranjeiras (Rio de Janeiro)
02/02/2003 - Fluminense 2 x 2 Vasco - Maracanã (Rio de Janeiro)

**********

O Fluminense já enfrentou o Macaé 7 vezes, com 5 vitórias, 1 empate e 1 derrota. Confiram aqui a lista com todos os resultados da história do confronto.

PCFilho

O auxiliar da linha de fundo, por Mario Alberto

Auxiliarzão de posto
Charge de Mario Alberto, jornal Lance!, 17/02/2014.


segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Xadrez - Mate em 2! (James Pierce)

James Pierce, Chess Problems, 1873.
Código FEN: 4N3/3p4/3B4/3k4/P2N4/5R2/K5B1/8 w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 2 lances!

(White to play and give checkmate in 2 moves!)

PCFilho

Bomba! Flamengo pedirá anulação da própria vitória contra o Vasco

Fotos: Globoesporte.com Marcelo de Lima Henrique.

Amigos, uma verdadeira bomba está prestes a estourar no Campeonato Carioca. Segundo esta reportagem apurou, o Flamengo tomará uma atitude raríssima nesta segunda-feira: solicitará formalmente à Federação do Rio de Janeiro que anule sua vitória contra o Vasco, obtida graças aos erros grosseiros da arbitragem. "O Flamengo é um clube que tem vergonha na cara, e jamais admitiria, em qualquer campeonato, obter pontos dessa forma, prejudicando um clube inocente", declarou o presidente Eduardo Flâmula de Mello, baluarte da ética e da moral.

O ofício pedindo a anulação do jogo será entregue à noite, na sede da Federação, diretamente ao presidente da mesma, Rubens Lopes da Costa Filho. O Flamengo inclusive já estuda o calendário, para tentar propor uma data para o novo duelo. Segundo uma fonte ligada aos dirigentes rubro-negros, o dia primeiro de abril parece ser o mais apropriado, apesar de cair em uma terça-feira.

A atitude ética da diretoria do Flamengo só não é inédita na história do futebol do Rio de Janeiro porque, em 1927, o Fluminense devolveu o troféu do Torneio Início conquistado em campo, após descobrir por conta própria que descumprira o regulamento da competição.

A louvável atitude rubro-negra nos enche de esperanças para que, em um futuro próximo, possamos ver um esporte limpo, honesto, sem falcatruas, e decidido exclusivamente pelo mérito dos atletas envolvidos nas disputas.

PCFilho

domingo, 16 de fevereiro de 2014

Futilidades futebolísticas

I) O personagem da semana
Rosário Central e River Plate jogavam no Gigante de Arroyito, quando o personagem da semana apareceu...



II) Parágrafo único
Na dúvida, favorece-se o Flamengo.

Na primeira foto, gol legítimo do Vasco anulado.
Na segunda, gol polêmico do Flamengo validado.

III) Hidrante
Viram o árbitro assistente na primeira foto acima? Está definitivamente provado: o auxiliar atrás do gol é mais inútil que um hidrante.

IV) Craques
- Fred e Ronaldo: 0,9 gols por jogo.
- Romário: 0,95 gols por jogo.
- Pelé: 1 gol por jogo.
- Walter: 1 gol a cada 12 minutos.

V) Rafael Nadal assistiu a Flamengo x Vasco no Maracanã
Mas feliz mesmo no Rio de Janeiro foi Novak Djokovic em 2012...


VI) Preços dos ingressos e públicos presentes
- Fluminense x Boavista, sábado (R$ 30): 13.582 pagantes / 17.512 presentes.
- Vasco x Flamengo, domingo (R$ 80): 13.245 pagantes / 16.972 presentes.

PCFilho

Campeonato Carioca 2014 - Classificação após a 8ª rodada


Resultados da 8ª rodada:
15/02 - Eduardo Guinle (Nova Friburgo) - Friburguense 3 (Marcelo, Ziquinha e Luís Felipe), Audax Rio 0
15/02 - Moacyrzão (Macaé) - Macaé 0, Nova Iguaçu 0
15/02 - Raulino de Oliveira (Volta Redonda) - Volta Redonda 1 (Gilberto), Madureira 0
15/02 - Correão (Cabo Frio) - Cabofriense 1 (Carlinhos), Resende 0
15/02 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Fluminense 4 (Darío Conca, Rafael Sobis e Walter 2), Boavista 1 (Gilcimar)
16/02 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Vasco 1 (Fellipe Bastos), Flamengo 2 (Elano e Gabriel)
16/02 - Teixeira de Castro (Rio de Janeiro) - Bonsucesso 0, Bangu 1 (Matheus Pimenta)
16/02 - Raulino de Oliveira (Volta Redonda) - Duque de Caxias 1 (Dória contra), Botafogo 2 (Ferreyra e Jorge Wagner (p))

Jogos da 9ª rodada:
19/02 - Moça Bonita (Rio de Janeiro) - Bangu x Vasco
19/02 - Estádio do Trabalhador (Resende) - Resende x Duque de Caxias
19/02 - Eduardo Guinle (Nova Friburgo) - Friburguense x Nova Iguaçu
19/02 - Moacyrzão (Macaé) - Macaé x Fluminense
19/02 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Flamengo x Madureira
20/02 - Moça Bonita (Rio de Janeiro) - Audax Rio x Boavista
20/02 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Botafogo x Volta Redonda
20/02 - Correão (Cabo Frio) - Cabofriense x Bonsucesso

PCFilho

Xadrez - Mate em 2! (Denis Saunders & Andy Sag)

Denis Saunders/Andy Sag, The Problemist, 1985.
Código FEN: nn2BBb1/N1b5/8/p1NkPR2/p2PRK2/8/P1Q5/8 w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 2 lances!

(White to play and give checkmate in 2 moves!)

PCFilho

sábado, 15 de fevereiro de 2014

Resenha: Tricolor 4 x 1 Boavista

Na noite deste sábado, 15, o Fluminense voltou a vencer no Campeonato Carioca: fez 4 a 1 sobre o Boavista, de virada, no Maracanã. O triunfo, porém, não veio tão facilmente quanto o placar faz pensar.

O atacante Gilcimar, de cabeça, abriu o placar para a equipe de Saquarema, mas o onze tricolor logo retomou as rédeas do jogo. Fred chutou um pênalti na trave, mas pouco depois Darío Conca empatou, e fomos para o intervalo com o placar em 1 a 1.

No segundo tempo, água mole em pedra dura tanto bate até que fura: quando eram decorridos dezenove minutos, Rafael Sobis enfim virou para o Fluminense, 2 a 1. O primeiro gol de Rafael Sobis no ano, um gol que coroa a aplicação do craque gaúcho, que sempre encharca a camisa de suor.

E então Renato pôs Walter no time. E quando Walter entra, amigos, ele se torna o centro do show. No Fla-Flu de semana passada, ele entrou e encaçapou um. Neste sábado, contra o Boavista, ele entrou de novo e guardou mais dois. Mal estreou no Fluminense, e o gordinho já meteu três gols. Têm que respeitar.

Com a sexta vitória seguida, o Fluminense segue na ponta da classificação do Campeonato Carioca de 2014. Somos os líderes por mais uma semana...

PCFilho

Notas do onze:
Diego Cavalieri - 7,5
Bruno - 5,0
Gum - 7,0
Elivelton - 6,5
Carlinhos - 7,5
Valencia - 7,5
Diguinho - 7,0
Jean - 6,0
Darío Conca - 8,5
(Wagner) - 6,0
Fred - 6,0
(Chiquinho) - 7,0
Rafael Sobis - 8,0
(Walter) - 9,0
T. Renato Gaúcho - 7,0

Campeonato Carioca 2014 - Classificação após os jogos de hoje



Resultado de quinta-feira (jogo adiado):
13/02 - Moça Bonita (Rio de Janeiro) - Botafogo 2 (Henrique (p) e Bolatti (p)), Bonsucesso 0

Resultados do sábado:
15/02 - Eduardo Guinle (Nova Friburgo) - Friburguense 3 (Marcelo, Ziquinha e Luís Felipe), Audax Rio 0
15/02 - Moacyrzão (Macaé) - Macaé 0, Nova Iguaçu 0
15/02 - Raulino de Oliveira (Volta Redonda) - Volta Redonda 1 (Gilberto), Madureira 0
15/02 - Correão (Cabo Frio) - Cabofriense 1 (Carlinhos), Resende 0
15/02 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Fluminense 4 (Darío Conca, Rafael Sobis e Walter 2), Boavista 1 (Gilcimar)

Jogos do domingo:
16/02 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Vasco x Flamengo
16/02 - Teixeira de Castro (Rio de Janeiro) - Bonsucesso x Bangu
16/02 - Raulino de Oliveira (Volta Redonda) - Duque de Caxias x Botafogo

PCFilho

Resultado da Mega-Sena - Concurso 1574

Dezenas sorteadas (15/02/2014):
06 - 27 - 28 - 33 - 46 - 48

Rateio:
- Sena: acumulou!!!
- Quina: 459 ganhadores x R$ 14.318,71.
- Quadra: 29794 ganhadores x R$ 315,12.

Estimativa de prêmio para o concurso 1575: R$ 105.000.000,00.

PCFilho

Xadrez - Mate em 2! (William Crane Jr)

William Crane Jr, Sydney Town and Country Journal, 1877.
Código FEN: 8/4B3/8/8/1K1kp3/4p3/8/5B1Q w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 2 lances!

(White to play and give checkmate in 2 moves!)

PCFilho

Teófilo Cubillas, Didi, Tinga...


O sujeito da foto acima se chama Teófilo Juan Cubillas Arizaga.

Cubillas é o oitavo maior goleador da história das Copas do Mundo, com 10 gols marcados. Um deles, um dos mais belos da história dos Mundiais, uma pintura de cobrança de falta, em 1978, contra a Escócia (vejam aqui).

Ele marcou ao todo 45 gols pela Seleção Peruana - é o maior artilheiro da história da equipe, com a qual conquistou a Copa América de 1975.

Com estas credenciais, não pairam muitas dúvidas sobre o fato de Cubillas ser o maior futebolista da história do Peru.

Cubillas é preto.

Preto como Didi, o brasileiro que treinou a Seleção Peruana, foi o grande mestre de Cubillas, e é até hoje reverenciado pelo povo do Peru.

Será que os peruanos racistas que imitaram macacos para vaiar Tinga, esta semana, em jogo da Copa Libertadores, sabem quem é Cubillas? Será que os imbecis sabem quem foi Didi?

O racismo é inadmissível em qualquer lugar do planeta. Mas no Peru, um dos países mais miscigenados da Terra, é mais do que isso. É incompreensível. É praticamente uma auto-flagelação, mesmo tendo sido praticado contra um estrangeiro.

Rivellino e Cubillas.

O regulamento da Copa Libertadores prevê a eliminação sumária do clube como punição a papelões como o que aconteceu no Estádio Huancayo.

E eu não espero nada menos que isso: a exclusão do Real Garcilaso da Copa Libertadores. Vamos ver se a Conmebol terá peito para fazer cumprir suas próprias regras.

Espero que tenha.

PCFilho

#SomosTodosTinga

sexta-feira, 14 de fevereiro de 2014

Flamengo escalará Amaral no próximo jogo da Copa Libertadores

O árbitro Rowan Atkinson expulsando o rubro-negro Amaral.
(Foto: AFP Jayme de Almeida)

Após ter Amaral expulso na estreia da Copa Libertadores, o Flamengo garante que o volante não está suspenso para a segunda partida, contra o Emelec, no próximo dia 26, no Maracanã. Procurado pela reportagem, o supervisor de futebol Serginho foi enfático: "ouvi nosso departamento jurídico, e fui informado que não existe suspensão automática nos torneios da Confederação Sul-Americana".

O rubro-negro carioca perdeu 4 pontos no Campeonato Brasileiro de 2013 por ter escalado André Santos na última rodada, em que ele estava suspenso. Derrotado nas duas instâncias do Superior Tribunal de Justiça Desportiva e também na Justiça Comum brasileira, o Flamengo ainda recorre da perda dos pontos na Corte Arbitral do Esporte, argumentando que seu atleta poderia ter atuado. Em caso de nova derrota, o clube já cogita novos recursos, à NASA, à CIA e ao FBI.

O clube da Gávea não teme uma nova punição na Copa Libertadores. O treinador Jayme de Almeida conta com o volante Amaral para conter os velozes atacantes do Emelec no dia 26, admitindo: "ele é peça fundamental do meu esquema tático".

O Flamengo também tomou ações contra o árbitro Rowan Atkinson, que, além de expulsar Amaral, assinalou dois pênaltis contra o clube, algo que não acontecia em um só jogo desde 1938. Serginho esbravejou: "Uma palhaçada esse juiz dar dois pênaltis contra nós. Quem ele pensa que é, o Mister Bean? Será que ele não sabe o que é o Flamengo?". O advogado rubro-negro Assefinho já impetrou ação contra o árbitro na ONU.

A Portuguesa recebeu ligações de dirigentes do Flamengo, sondando a possibilidade de, por via das dúvidas, também escalar um jogador suspenso na Copa Libertadores. Desta vez, entretanto, os dirigentes da Lusa frustraram os planos rubro-negros: "esqueceram que não jogamos este torneio, ó pá?".

PCFilho

Marcelo de Lima Henrique apitará Fluminense x Boavista

Charge de Aroeira.

Apitará Fluminense x Boavista, no sábado 15, no Maracanã, o árbitro Marcelo de Lima Henrique (RJ). Ele será auxiliado por Thiago Henrique Neto Corrêa Farinha (RJ) e Thiago Rosa de Oliveira (RJ).

Até hoje, o árbitro rubro-negro Marcelo de Lima Henrique apitou 22 jogos do Fluminense. Foram 9 vitórias tricolores, 3 empates e 10 derrotas:
15/01/2006 - Fluminense 4 x 0 Portuguesa - Giulite Coutinho (Mesquita)
01/03/2006 - Fluminense 2 x 0 América - Maracanã (Rio de Janeiro)
01/04/2007 - Americano 1 x 0 Fluminense - Moça Bonita (Rio de Janeiro)
23/07/2008 - Vasco 3 x 3 Fluminense - Maracanã (Rio de Janeiro)
25/01/2009 - Cabofriense 3 x 1 Fluminense - Alair Corrêa (Rio de Janeiro)
24/03/2009 - Friburguense 1 x 3 Fluminense - Eduardo Guinle (Nova Friburgo)
12/04/2009 - Flamengo 1 x 0 Fluminense - Maracanã (Rio de Janeiro)
04/10/2009 - Flamengo 2 x 0 Fluminense - Maracanã (Rio de Janeiro)
31/01/2010 - Flamengo 5 x 3 Fluminense - Maracanã (Rio de Janeiro)
26/05/2010 - Fluminense 2 x 1 Flamengo - Maracanã (Rio de Janeiro)
22/08/2010 - Vasco 2 x 2 Fluminense - Maracanã (Rio de Janeiro)
21/08/2011 - Vasco 1 x 1 Fluminense - Engenhão (Rio de Janeiro)
27/11/2011 - Fluminense 1 x 2 Vasco - Engenhão (Rio de Janeiro)
01/02/2012 - Fluminense 1 x 2 Boavista - Engenhão (Rio de Janeiro)
26/02/2012 - Fluminense 3 x 1 Vasco - Engenhão (Rio de Janeiro)
13/05/2012 - Fluminense 1 x 0 Botafogo - Engenhão (Rio de Janeiro)
25/08/2012 - Vasco 1 x 2 Fluminense - Engenhão (Rio de Janeiro)
30/09/2012 - Flamengo 0 x 1 Fluminense - Engenhão (Rio de Janeiro)
27/03/2013 - Fluminense 3 x 1 Macaé - São Januário (Rio de Janeiro)
14/04/2013 - Flamengo 3 x 1 Fluminense - Raulino de Oliveira (Volta Redonda)
05/05/2013 - Botafogo 1 x 0 Fluminense - Raulino de Oliveira (Volta Redonda)
21/07/2013 - Fluminense 1 x 3 Vasco - Maracanã (Rio de Janeiro)

**********

Ao longo da história, Fluminense e Boavista já se enfrentaram 11 vezes, com 5 vitórias tricolores, 4 empates e 2 triunfos do clube de Saquarema. A lista com todas as partidas da história do confronto pode ser encontrada aqui.

PCFilho

Xadrez - Mate em 3! (Gyula Sax)

Gyula Sax vs Tamas Hradeczky, Budapest (Hungria), 1972.
Código FEN: 3rn2r/3kb2p/p4ppB/1q1Pp3/8/3P1N2/1P2Q1PP/R1R4K w - - 1 0.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 3 lances!
(White to play and give checkmate in 3 moves!)

Gyula Sax, 18/06/1951 - 25/01/2014.
Rest in peace.

PCFilho

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

Xadrez - Mate em 2! (British Chess Magazine)

British Chess Magazine, janeiro de 1899.
Código FEN: 4R2n/5pp1/3p1k1n/6p1/2P1Q1P1/8/5N2/K7 w - - 0 1.

As Brancas jogam e dão xeque-mate em 2 lances!

(White to play and give checkmate in 2 moves!)

PCFilho

História - Cruzeiro na Copa Libertadores

Cruzeiro x Internacional, Copa Libertadores de 1976.
Foto: Arquivo EM/D.A Press.

O Cruzeiro é um dos clubes brasileiros mais bem-sucedidos na história da Copa Libertadores, e joga a competição pela 15ª vez em 2015. Nas 14 participações anteriores, foram 2 taças levantadas (em 1976 e 1997) e 2 vice-campeonatos (em 1977 e 2009). Ao todo, o clube de Belo Horizonte tem 146 partidas disputadas no torneio, com 85 vitórias, 27 empates e 34 derrotas, 277 gols-pró e 144 gols-contra. O aproveitamento de pontos do Cruzeiro na Copa Libertadores é o melhor dentre todos os clubes do continente. O maior artilheiro do Cruzeiro na Copa Libertadores é Vanderlei Eustáquio de Oliveira, o Palhinha, com 20 gols marcados nas edições de 1975 e 1976.

Seguem abaixo as campanhas detalhadas de cada participação do Cruzeiro na Copa Libertadores, desde a estreia em 1967, com o timaço de Piazza, Tostão, Dirceu Lopes e companhia, até a edição de 2015.

I) Copa Libertadores da América 1967
19/02/1967 - Olímpico de la UCV (Caracas) - Deportivo Galicia 0, Cruzeiro 1 (Evaldo)
22/02/1967 - Olímpico de la UCV (Caracas) - Deportivo Itália 0, Cruzeiro 3 (Evaldo e Tostão 2)
18/03/1967 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Tostão e Zé Carlos), Deportivo Galicia 1 (Rafa)
20/03/1967 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 4 (Piazza (p), Vicente contra e Natal 2), Deportivo Itália 0
27/04/1967 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 4 (Dirceu Lopes, Piazza e Natal 2), Universitário de Lima 1 (Cruzado)
01/05/1967 - Nacional (Lima) - Sport Boys 1 (Muñante), Cruzeiro 2 (Neco e Evaldo)
03/05/1967 - Nacional (Lima) - Universitário de Lima 2 (Lobatón e Chumpitaz), Cruzeiro 2 (Marco Antônio e Evaldo)
10/05/1967 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Dirceu Lopes 2 e Piazza), Sport Boys 1 (Oswaldo Ramírez)
14/06/1967 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Davi e Evaldo), Nacional de Montevideo 1 (Mujica)
18/06/1967 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Natal), Peñarol 0
05/07/1967 - Centenário (Montevideo) - Peñarol 3 (Spencer, Cortés e Pedro Rocha), Cruzeiro 2 (Dirceu Lopes e Tostão)
09/07/1967 - Centenário (Montevideo) - Nacional de Montevideo 2 (J. C. Morales e R. Sosa), Cruzeiro 0
Campanha: 12 jogos, 9 vitórias, 1 empate, 2 derrotas, 27 gols-pró, 12 gols-contra.
Eliminado na fase semifinal.

II) Copa Libertadores da América 1975
23/02/1975 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Palhinha 2 e Nelinho), Vasco 2 (Jair Pereira e Roberto Dinamite)
09/03/1975 - Pascual Guerrero (Cali) - Deportivo Cali 1 (A. M. Torres), Cruzeiro 0
13/03/1975 - Atanásio Girardot (Medellín) - Atlético Nacional 1 (Retat), Cruzeiro 2 (Nelinho e Roberto Batata)
23/03/1975 - São Januário (Rio de Janeiro) - Vasco 1 (Luis Carlos), Cruzeiro 1 (Vanderlei)
06/04/1975 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Palhinha 2), Atlético Nacional 3 (Lóndero 2 e Victor Campaz)
10/04/1975 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Palhinha e Dirceu Lopes), Deportivo Cali 1 (Abel da Graça)
21/05/1975 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Palhinha 2), Rosário Central 0
23/05/1975 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Nelinho e Roberto Batata), Independiente 0
03/06/1975 - Gigante de Arroyito (Rosário) - Rosário Central 3 (Kempes 2(1p) e Cabral), Cruzeiro 1 (Dirceu Lopes)
06/06/1975 - La Doble Visera (Avellaneda) - Independiente 3 (Elbio Pavoni (p), Bertoni e Ruiz Moreno), Cruzeiro 0
Campanha: 10 jogos, 5 vitórias, 1 empate, 4 derrotas, 15 gols-pró, 15 gols-contra.
Eliminado na fase semifinal.

III) Copa Libertadores da América 1976
14/03/1976 - Defensores del Chaco (Asunción) - Sportivo Luqueño 1 (Sandoval (p)), Cruzeiro 3 (Roberto Batata, Nelinho e Jairzinho)
18/03/1976 - Defensores del Chaco (Asunción) - Olimpia 2 (Julio Díaz e Luiz Torres), Cruzeiro 2 (Jairzinho e Darci Menezes)
24/03/1976 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 4 (Palhinha 2, Eduardo e Jairzinho), Sportivo Luqueño 1 (Julio Cesar Nicolichia)
28/03/1976 - Beira-Rio (Porto Alegre) - Internacional 0, Cruzeiro 2 (Jairzinho e Joãozinho)
04/04/1976 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 4 (Jairzinho 2, Nelinho (p) e Eduardo), Olimpia 1 (Hugo Talavera)
09/05/1976 - Olímpico Atahualpa (Quito) - LDU Quito 1 (Polo Carrera (p)), Cruzeiro 3 (Palhinha 2 e Joãozinho)
12/05/1976 - Nacional (Lima) - Alianza Lima 0, Cruzeiro 4 (Roberto Batata, Joãozinho 2 e Jairzinho)
20/05/1976 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 7 (Jairzinho 4 e Palhinha 3), Alianza Lima 1 (Cesar Cueto)
30/05/1976 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 4 (Nelinho (p), Jairzinho, Palhinha e Ronaldo), LDU Quito 1 (Gustavo Tapia)
21/07/1976 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 4 (Nelinho, Palhinha 2 e Valdo), River Plate 1 (Oscar Más (p))
28/07/1976 - Monumental de Núñez (Buenos Aires) - River Plate 2 (J. J. López e Pedro González), Cruzeiro 1 (Palhinha)
Jogo extra em campo neutro, para desempate da decisão:
Campanha: 13 jogos, 11 vitórias, 1 empate, 1 derrota, 46 gols-pró, 17 gols-contra.
CAMPEÃO.

IV) Copa Libertadores da América 1977
03/07/1977 - Beira-Rio (Porto Alegre) - Internacional 0, Cruzeiro 1 (Joãozinho)
17/07/1977 - José António Páez (Acarigua) - Portuguesa da Venezuela 0, Cruzeiro 4 (Neca, Eduardo, Eli Carlos e Eli Mendes)
24/07/1977 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 0, Internacional 0
31/07/1977 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Lívio e Nelinho (p)), Portuguesa da Venezuela 1 (Juan César Silva)
06/09/1977 - La Bombonera (Buenos Aires) - Boca Juniors 1 (Carlos Veglio), Cruzeiro 0
11/09/1977 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Nelinho), Boca Juniors 0
Jogo extra em campo neutro, para desempate da decisão:
14/09/1977 - Centenário (Montevideo) - Boca Juniors 0, Cruzeiro 0
Na prorrogação, o empate em 0 a 0 persistiu. Definição por pênaltis. Para o Boca Juniors converteram Mouzo, Tesare, Mario N. Zanabria, Pernía e Felman. Para o Cruzeiro converteram Darci Menezes, Neca, Morais e Lívio. Gatti defendeu a cobrança de Vanderlei. Boca Juniors 5, Cruzeiro 4.
Campanha: 7 jogos, 4 vitórias, 2 empates, 1 derrota, 8 gols-pró, 2 gols-contra.
VICE-CAMPEÃO.

V) Copa Libertadores da América 1994
02/03/1994 - Palestra Itália (São Paulo) - Palmeiras 2 (Edílson 2), Cruzeiro 0
09/03/1994 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Ronaldo), Vélez Sarsfield 1 (Asad)
16/03/1994 - La Bombonera (Buenos Aires) - Boca Juniors 1 (Beto Acosta), Cruzeiro 2 (Paulo Roberto e Roberto Gaúcho)
25/03/1994 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Nonato e Luiz Fernando), Palmeiras 1 (Rincón)
31/03/1994 - José Amalfitani (Buenos Aires) - Vélez Sarsfield 2 (Trotta (p) e Asad), Cruzeiro 0
06/04/1994 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Luiz Fernando e Ronaldo), Boca Juniors 1 (Martínez)
21/04/1994 - Santa Laura (Santiago) - Unión Española 1 (Carreño), Cruzeiro 0
28/04/1994 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 0, Unión Española 0
Campanha: 8 jogos, 3 vitórias, 2 empates, 3 derrotas, 7 gols-pró, 9 gols-contra.
Eliminado nas oitavas-de-final.

VI) Copa Libertadores da América 1997
19/02/1997 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Aílton), Grêmio 2 (Zé Alcino e Emerson)
25/02/1997 - Nacional (Lima) - Alianza Lima 1 (Waldir Saenz), Cruzeiro 0
28/02/1997 - Nacional (Lima) - Sporting Cristal 1 (Julinho), Cruzeiro 0
12/03/1997 - Olímpico (Porto Alegre) - Grêmio 0, Cruzeiro 1 (Palhinha)
18/03/1997 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Reinaldo e Palhinha), Alianza Lima 0
11/04/1997 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Alex e Reinaldo), Sporting Cristal 1 (Manuel Marengo)
07/05/1997 - Olímpico Atahualpa (Quito) - El Nacional 1 (Kléver Chalá), Cruzeiro 0
14/05/1997 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Marcelo Ramos 2), El Nacional 1 (Joffre Arroyo)
Definição por pênaltis. Para o Cruzeiro converteram Palhinha, Ricardinho, Fabinho, Marcos Teixeira e Wilson Gottardo. Para o El Nacional converteram Joffre Arroyo, Rosero e Ordóñez. Kléver Chalá chutou para fora. Cruzeiro 5, El Nacional 3.
27/05/1997 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Elivélton e Alex), Grêmio 0
03/06/1997 - Olímpico (Porto Alegre) - Grêmio 2 (Mauro Galvão e Zé Alcino), Cruzeiro 1 (Fabinho)
23/07/1997 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Marcelo Ramos), Colo Colo 0
30/07/1997 - Monumental David Arellano (Santiago) - Colo Colo 3 (Ivo Basay 3 (2p)), Cruzeiro 2 (Marcelo Ramos e Cleisson)
Definição por pênaltis. Para o Colo Colo converteu Sierra; Dida defendeu as cobranças de Espina e Ivo Basay. Para o Cruzeiro converteram Ricardinho, Donizete, Fabinho e Marcelo Ramos. Colo Colo 1, Cruzeiro 4.
06/08/1997 - Nacional (Lima) - Sporting Cristal 0, Cruzeiro 0
13/08/1997 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Elivélton), Sporting Cristal 0
Campanha: 14 jogos, 7 vitórias, 1 empate, 6 derrotas, 15 gols-pró, 12 gols-contra.
CAMPEÃO.

VII) Copa Libertadores da América 1998
15/04/1998 - São Januário (Rio de Janeiro) - Vasco 2 (Luizão e Donizete), Cruzeiro 1 (Marcelo Ramos)
02/05/1998 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 0, Vasco 0
Campanha: 2 jogos, 1 empate, 1 derrota, 1 gol-pró, 2 gols-contra.
Eliminado nas oitavas-de-final.

VIII) Copa Libertadores da América 2001
13/03/2001 - Nacional (Lima) - Sporting Cristal 0, Cruzeiro 1 (Alessandro)
03/04/2001 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Geovanni 2), Emelec 0
06/04/2001 - Defensores del Chaco (Asunción) - Olimpia 3 (Víctor Quintana, Gabriel González e Francisco Esteche), Cruzeiro 4 (Geovanni 2, Jorge Wagner e Alessandro)
10/04/2001 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 5 (Luisão, Oséas 3 e Geovanni), Sporting Cristal 0
17/04/2001 - George Capwell (Guayaquil) - Emelec 0, Cruzeiro 0
01/05/2001 - Ipatingão (Ipatinga) - Cruzeiro 3 (Marcelo Ramos 2 e Alessandro), Olimpia 1 (Tomás González)
08/05/2001 - Olímpico Atahualpa (Quito) - El Nacional 1 (Diego Herrera (p)), Cruzeiro 2 (Juan Pablo Sorín e Geovanni)
15/05/2001 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 4 (Bolívar Gómez contra, Luisão, Marcus Vinicius e Marcelo Ramos), El Nacional 1 (Diego Herrera (p))
23/05/2001 - Palestra Itália (São Paulo) - Palmeiras 3 (Lopes 3), Cruzeiro 3 (Oséas, Geovanni e Jorge Wagner)
30/05/2001 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Alessandro e Cris), Palmeiras 2 (Francisco Arce e Alexandre)
Definição por pênaltis. Para o Cruzeiro converteram Marcelo Ramos, Cris e Marcus Vinicius. Jackson chutou para fora. Marcos defendeu as cobranças de Luisão, Ricardinho e Marcos Paulo. Para o Palmeiras converteram Lopes, Francisco Arce, Fernando e Muñoz. Alex e Galeano chutaram para fora, e André defendeu a cobrança de Felipe. Cruzeiro 3, Palmeiras 4.
Campanha: 10 jogos, 7 vitórias, 3 empates, 26 gols-pró, 11 gols-contra.
Eliminado nas quartas-de-final.

IX) Copa Libertadores da América 2004
04/02/2004 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Alex (p), Felipe Melo e Jussiê), Caracas 1 (Stalin Rivas (p))
10/02/2004 - Regional (Concepción) - Universidad de Concepción 1 (Fernando Solís (p)), Cruzeiro 3 (Alex, Maicon e Cristian Gómez contra)
17/02/2004 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Guilherme), Santos Laguna 1 (Matías Vuoso)
10/03/2004 - Corona (Torreón) - Santos Laguna 1 (Jared Borgetti), Cruzeiro 0
17/03/2004 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 5 (Cris, Guilherme 2, Leandro e Maicon), Universidad de Concepción 0
14/04/2004 - Brígido Iriarte (Caracas) - Caracas 2 (Paul Cominges e Ederlei Pereira (p)), Cruzeiro 3 (Márcio e Lima 2)
05/05/2004 - Pascual Guerrero (Cali) - Deportivo Cali 1 (Julián Téllez), Cruzeiro 0
13/05/2004 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Alex (p) e Guilherme), Deportivo Cali 1 (Tressor Moreno)
Definição por pênaltis. Para o Cruzeiro, Dudu chutou para fora e Breiner Castillo defendeu as cobranças de Alex e Edu. Para o Deportivo Cali, converteram Fredy Andrés Hurtado, Hernando Patiño e Andrés Mosquera. Gomes defendeu a cobrança de Alvaro José Domínguez. Cruzeiro 0, Deportivo Cali 3.
Campanha: 8 jogos, 5 vitórias, 1 empate, 2 derrotas, 17 gols-pró, 8 gols-contra.
Eliminado nas oitavas-de-final.

X) Copa Libertadores da América 2008
30/01/2008 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Ramires 2 e Marcelo Moreno), Cerro Porteño 1 (Cabrera (p))
06/02/2008 - Defensores del Chaco (Asunción) - Cerro Porteño 2 (Álvarez 2), Cruzeiro 3 (Thiago Heleno, Marcelo Moreno (p) e Ramires)
Obs.: partida suspensa aos 25 minutos do segundo tempo, devido a incidentes por parte da torcida do Cerro Porteño. O resultado de campo foi homologado pela Conmebol.
13/02/2008 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Marcelo Moreno, Ramires e Guilherme), Real Potosí 0
21/02/2008 - Nuevo Gasómetro (Buenos Aires) - San Lorenzo 0, Cruzeiro 0
04/03/2008 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Guilherme, Ramires e Marcelo Moreno), Caracas 0
18/03/2008 - Olímpico de la UCV (Caracas) - Caracas 1 (Juan Valencia), Cruzeiro 1 (Marcelo Moreno (p))
03/04/2008 - Ipatingão (Ipatinga) - Cruzeiro 3 (Marcelo Moreno 2 e Wagner), San Lorenzo 1 (Andrés Silvera)
16/04/2008 - Víctor Agustín Ugarte (Potosí) - Real Potosí 5 (Loayza, Pintos 2, Candia e Gatty), Cruzeiro 1 (Marcelo Moreno)
30/04/2008 - La Bombonera (Buenos Aires) - Boca Juniors 2 (Riquelme e Dátolo), Cruzeiro 1 (Fabrício)
Obs.: partida suspensa aos 43 minutos do segundo tempo, devido a incidentes por parte da torcida do Boca Juniors. O resultado de campo foi homologado pela Conmebol, e o estádio foi interditado para as fases seguintes.
07/05/2008 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Wagner), Boca Juniors 2 (Palacio e Palermo)
Campanha: 10 jogos, 5 vitórias, 2 empates, 3 derrotas, 19 gols-pró, 14 gols-contra.
Eliminado nas oitavas-de-final.

XI) Copa Libertadores da América 2009
19/02/2009 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Fernandinho (p) e Kléber 2), Estudiantes de La Plata 0
25/02/2009 - Olímpico Atahualpa (Quito) - Deportivo Quito 1 (Bagner Caicedo), Cruzeiro 1 (Ramires)
04/03/2009 - Olímpico Pátria (Sucre) - Universitário de Sucre 0, Cruzeiro 1 (Thiago Ribeiro)
18/03/2009 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Wellington Paulista 2(1p)), Universitário de Sucre 0
08/04/2009 - Ciudad de La Plata (La Plata) - Estudiantes de La Plata 4 (Juan Sebastián Verón, Gastón Fernández e Sánchez Prette 2), Cruzeiro 0
22/04/2009 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Léo Fortunato e Wagner), Deportivo Quito 0
07/05/2009 - Nacional (Santiago) - Universidad de Chile 1 (Manuel Villalobos), Cruzeiro 2 (Soares e Marquinhos Paraná)
14/05/2009 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Kléber), Universidad de Chile 0
27/05/2009 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Leonardo Silva e Zé Carlos), São Paulo 1 (Washington)
24/06/2009 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Wellington Paulista, Wagner e Fabinho), Grêmio 1 (Souza)
02/07/2009 - Olímpico (Porto Alegre) - Grêmio 2 (Réver e Souza), Cruzeiro 2 (Wellington Paulista 2)
08/07/2009 - Ciudad de La Plata (La Plata) - Estudiantes de La Plata 0, Cruzeiro 0
15/07/2009 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Henrique), Estudiantes de La Plata 2 (Gastón Fernández e Mauro Boselli)
Campanha: 14 jogos, 9 vitórias, 3 empates, 2 derrotas, 22 gols-pró, 12 gols-contra.
VICE-CAMPEÃO.

XII) Copa Libertadores da América 2010
27/01/2010 - Víctor Agustín Ugarte (Potosí) - Real Potosí 1 (Roberto Correa), Cruzeiro 1 (Wellington Paulista)
03/02/2010 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 7 (Wellington Paulista, Thiago Ribeiro, Kléber, Jonathan, Eliandro, Bernardo e Guerrón), Real Potosí 0
10/02/2010 - José Amalfitani (Buenos Aires) - Vélez Sarsfield 2 (Santiago Silva e Juan Manuel Martínez), Cruzeiro 0
24/02/2010 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 4 (Thiago Ribeiro, Kléber 2(2p) e Pedro Ken), Colo Colo 1 (Esteban Paredes)
11/03/2010 - Olímpico de la UCV (Caracas) - Deportivo Itália 2 (Richard Blanco e David McIntosh), Cruzeiro 2 (Kléber 2)
24/03/2010 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Fabinho e Pedro Ken), Deportivo Itália 0
31/03/2010 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Thiago Ribeiro e Kléber 2), Vélez Sarsfield 0
15/04/2010 - Monumental David Arellano (Santiago) - Colo Colo 1 (Rodrigo Millar), Cruzeiro 1 (Thiago Ribeiro)
29/04/2010 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Thiago Ribeiro 3), Nacional de Montevideo 1 (Mario Regueiro)
05/05/2010 - Parque Central (Montevideo) - Nacional de Montevideo 0, Cruzeiro 3 (Thiago Ribeiro, Diego Renan e Gilberto)
19/05/2010 - Morumbi (São Paulo) - São Paulo 2 (Hernanes e Dagoberto), Cruzeiro 0
Campanha: 12 jogos, 6 vitórias, 3 empates, 3 derrotas, 26 gols-pró, 12 gols-contra.
Eliminado nas quartas-de-final.

XIII) Copa Libertadores da América 2011
16/02/2011 - Arena do Jacaré (Sete Lagoas) - Cruzeiro 5 (Wallyson 2, Roger e Walter Montillo 2), Estudiantes de La Plata 0
22/02/2011 - Arena do Jacaré (Sete Lagoas) - Cruzeiro 4 (Wallyson 2, Ernesto Farías e Thiago Ribeiro), Guaraní de Asunción 0
02/03/2011 - Manuel Murillo Toro (Ibagué) - Deportes Tolima 0, Cruzeiro 0
16/03/2011 - Arena do Jacaré (Sete Lagoas) - Cruzeiro 6 (Walter Montillo, Wallyson, Roger 2(1p), Gilberto e Thiago Ribeiro), Deportes Tolima 1 (Christian Marrugo)
30/03/2011 - Defensores del Chaco (Asunción) - Guaraní de Asunción 0, Cruzeiro 2 (Thiago Ribeiro e José Ortigoza)
13/04/2011 - Ciudad de La Plata (La Plata) - Estudiantes de La Plata 0, Cruzeiro 3 (Thiago Ribeiro, Wallyson e Gilberto)
27/04/2011 - Palogrande (Manizales) - Once Caldas 1 (Luis Núñez), Cruzeiro 2 (Wallyson e José Ortigoza)
04/05/2011 - Arena do Jacaré (Sete Lagoas) - Cruzeiro 0, Once Caldas 2 (Diego Amaya e Dayro Moreno)
Campanha: 8 jogos, 6 vitórias, 1 empate, 1 derrota, 22 gols-pró, 4 gols-contra.
Eliminado nas oitavas-de-final.

XIV) Copa Libertadores da América 2014
11/03/2014 - Luis Franzini (Montevideo) - Defensor Sporting 2 (Felipe Gedoz 2), Cruzeiro 0
20/03/2014 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Everton Ribeiro e Júlio Baptista), Defensor Sporting 2 (Felipe Gedoz e Zeballos)
03/04/2014 - Nacional (Santiago) - Universidad de Chile 0, Cruzeiro 2 (Bruno Rodrigo e Miguel Samudio)
09/04/2014 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Ricardo Goulart, Bruno Rodrigo e Júlio Baptista), Real Garcilaso 0
16/04/2014 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Miguel Samudio), Cerro Porteño 1 (Ángel Romero)
30/04/2014 - General Pablo Rojas (Asunción) - Cerro Porteño 0, Cruzeiro 2 (Dedé e Dagoberto)
07/05/2014 - Nuevo Gasómetro (Buenos Aires) - San Lorenzo 1 (Gentiletti), Cruzeiro 0
14/05/2014 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Bruno Rodrigo), San Lorenzo 1 (Piatti)
Campanha: 10 jogos, 4 vitórias, 3 empates, 3 derrotas, 17 gols-pró, 10 gols-contra.
Eliminado nas quartas-de-final.

XV) Copa Libertadores da América 2015
25/02/2015 - Olímpico Pátria (Sucre) - Universitário de Sucre 0, Cruzeiro 0
03/03/2015 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 0, Huracán 0
19/03/2015 - Polideportivo Cachamay (Ciudad Guayana) - Mineros de Guayana 0, Cruzeiro 2 (Leandro Damião e Marquinhos)
08/04/2015 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 3 (Arrascaeta, Leandro Damião e Henrique), Mineros de Guayana 0
14/04/2015 - El Palacio (Buenos Aires) - Huracán 3 (Abila 2 e Mancinelli), Cruzeiro 1 (Leandro Damião)
21/04/2015 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 2 (Willian e Léo), Universitário de Sucre 0
06/05/2015 - Morumbi (São Paulo) - São Paulo 1 (Centurión), Cruzeiro 0
13/05/2015 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro 1 (Leandro Damião), São Paulo 0
Definição por pênaltis. Para o Cruzeiro, Marquinhos, Arrascaeta, Henrique e Gabriel Xavier converteram; Leandro Damião chutou na trave; e Rogério Ceni defendeu a cobrança de Manoel. Para o São Paulo, Rogério Ceni, Paulo Henrique Ganso e Centurión converteram; Souza chutou para fora; e Fábio defendeu as cobranças de Luís Fabiano e Lucão. Cruzeiro 4, São Paulo 3.
21/05/2015 - Monumental de Núñez (Buenos Aires) - River Plate x Cruzeiro
27/05/2015 - Mineirão (Belo Horizonte) - Cruzeiro x River Plate
...

PCFilho

Posts relacionados:
- História - Atlético Mineiro na Copa Libertadores.
- História - Botafogo na Copa Libertadores.
- História - Corinthians na Copa Libertadores.
- História - Flamengo na Copa Libertadores.
- História - Fluminense na Copa Libertadores.
- História - Grêmio na Copa Libertadores.
- História - Internacional na Copa Libertadores.
- História - Palmeiras na Copa Libertadores.
- História - Santos na Copa Libertadores.
- História - São Paulo na Copa Libertadores.
- História - Vasco na Copa Libertadores.