sexta-feira, 6 de setembro de 2013

100 anos de Leônidas da Silva

Doodle em homenagem ao centenário de Leônidas da Silva.

O Google surpreendeu com o doodle de hoje, homenageando o craque Leônidas da Silva, o Diamante Negro, que completaria 100 anos hoje, 6 de setembro de 2013.

Um dos maiores craques da história do futebol brasileiro, Leônidas da Silva foi ídolo por onde passou: São Cristóvão, Sírio Libanês, Bonsucesso, Peñarol, Vasco, Botafogo, Flamengo, São Paulo e Seleção Brasileira. Dizem algumas fontes que Leônidas era torcedor do Fluminense na infância - infelizmente, não chegou a atuar no clube do coração.

Na Seleção, Leônidas atuou em 19 partidas, tendo assinalado 21 gols. Foi talvez o principal responsável por inserir a Seleção como uma equipe de ponta no cenário mundial, com atuações extraordinárias na Copa do Mundo de 1938. No épico 6 x 5 contra a Polônia, ele marcou 3 gols, sendo 2 os decisivos na prorrogação. Fez parte, naquele Mundial, de uma das mais poderosas linhas de ataque da história do escrete: Lopes (Roberto), Romeu (Luisinho), Leônidas, Perácio (Tim) e Hércules (Patesko). Aquela Seleção terminou a Copa do Mundo na terceira colocação.

Curiosamente, Leônidas ficou célebre por uma "invenção" que não é exatamente sua: o gol de bicicleta. Embora executasse o movimento com rara perfeição, e tenha sido o primeiro a realizá-lo num jogo de Copa do Mundo (1 x 1 contra a Tchecoslováquia em 1938 - a bola não entrou, mas a torcida aplaudiu de pé), as pesquisas sugerem que o lance já era executado por outros futebolistas anteriormente, no Brasil e fora dele. No Brasil, o pioneiro da bicicleta seria Petronilho de Brito, num jogo realizado em 1922 (a propósito, uma curiosidade que une os "ciclistas": em 1930, após exibição de gala contra o Botafogo, Leônidas foi chamado pela torcida do Sírio Libanês de "Novo Petronilho"). Porém, anos antes de Petronilho, a bicicleta já teria sido executada pelo chileno Ramón Unzaga, em 1914. Em sua homenagem, o lance é chamado de "chilena" nos países da América Espanhola. [mais detalhes sobre estas e outras histórias, vocês podem encontrar no excelente livro "Do Fundo do Baú - Pioneirismos no futebol brasileiro", do meu amigo Laércio Becker]

Tendo inventado ou não a famosa bicicleta, o fato é que Leônidas foi um craque extraordinário, e um dos grandes responsáveis pela popularização do futebol no Brasil. Parabéns pelos 100 anos, gênio da bola!

PCFilho

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Regras para postar comentários:

I. Os comentários devem se ater ao assunto do post, preferencialmente. Pense duas vezes antes de publicar um comentário fora do contexto.

II. Os comentários devem ser relevantes, isto é, devem acrescentar informação útil ao post ou ao debate em questão.

III. Os comentários devem ser sempre respeitosos. É terminantemente proibido debochar, ofender, insultar e/ou caluniar quaisquer pessoas e instituições.

IV. Os nomes dos clubes devem ser escritos sempre da maneira correta. Não serão tolerados apelidos pejorativos para as instituições, sejam quais forem.

V. Não é permitido pedir ou publicar números de telefone/Whatsapp, e-mails, redes sociais, etc.

VI. Respeitem a nossa bela Língua Portuguesa, e evitem escrever em CAIXA ALTA.

Os comentários que não respeitem as regras acima poderão ser excluídos ou não, a critério dos moderadores do blog.