quarta-feira, 25 de maio de 2011

Não existe um rubro-negro maior do que ele

Durante o julgamento dos jogadores do Flamengo no Superior Tribunal de Justiça Desportiva, aconteceu uma situação, no mínimo, curiosa.

O julgamento absolveu o goleiro Felipe, o zagueiro Ronaldo Angelim, e o técnico Vanderlei Luxemburgo, pelo mau comportamento após a eliminação para o Ceará, na Copa do Brasil.

Ao justificar seu voto favorável aos flamenguistas, o auditor José Teixeira Fernandes declarou em alto e bom som:

"Não existe um rubro-negro maior do que eu, pode existir até igual, mas maior não!"

Conflito de interesses pouco é bobagem... ou eu novamente estou vendo coisas onde não existem?

PC

26 comentários:

  1. Palhaçada.

    Resumo: o Flamengo pode tudo. Invadir campo, xingar juiz (!!), comissão de arbitragem (!!), dar carrinho em goleiro...

    Qual vai ser a próxima absolvição?

    ResponderExcluir
  2. Então somos 2 que estão a ver coisas aonde não existem!

    ResponderExcluir
  3. As vezes tenho vergonha de ser brasileira...

    ResponderExcluir
  4. O cara "julga", e não tem o menor pudor de assumir que votou influenciado pela paixão. Esse país...

    ResponderExcluir
  5. Só rindo disso mesmo... só rindo pra não chorar dessa vergonha

    ResponderExcluir
  6. Quero v a reportagem disso nos canais da globo!

    ResponderExcluir
  7. Outra coisa que revolta é a atitude da imprensa. Não vi ninguém criticando esse absurdo.

    E ainda tem maluco que diz que a flapress não existe. Na boa, não consigo sequer respeitar alguém com essa opinião.

    ResponderExcluir
  8. hehehe os canais da Globo nem citam!

    ResponderExcluir
  9. Essa parada é quase tão bizarra quanto escolher como juiz o pai do traficante a ser julgado...

    ResponderExcluir
  10. O Pimenta jornalista assassino deve ser rubro-negro também. Vergonha!!!

    ResponderExcluir
  11. Eu achava q existia apenas a flapress e a fla-apito, agora vejo q tb existe a fla-justiça. Me pergunto: Qual será a próxima?! VERGONHA!!!!!

    ResponderExcluir
  12. Pessoal, essas coisas não são ao acaso...

    Há um claro procedimento de articulação entre os setores mídia-economia-justiça quando se trata desta referida equipe...

    Basta ver o histórico dos últimos 20 ou 30 anos no cenário do futebol carioca e brasileiro. Iremos nos assustar com tantos favorecimentos e "golpes de sorte". Dá até um livro. Quando eles ganham, é talento e competência; quando outros ganham, é sorte...

    ResponderExcluir
  13. Urubu sempre favorecido... stjfla, comissão de arbitragem, cbf... até a cbf que sempre ridicularizou a luta do urubu em ter um titulo que não ganhou já abriu as pernas!! Afirma agora q o titulo de 1987 é dos dois... quer mais o que ?? um dia eu hei de ver a globo falir.. e junto levar a mulambada!!!

    ResponderExcluir
  14. CABE UM COMENTÁRIO

    DOS JUIZES DO STJD

    4 SÃO BOTAFOGUENSES
    2 SÃO TRICOLORES
    E APENAS ESTE CITADO É RUBRO-NEGRO

    TEM QUE HAVER UM LIMITE MOÇADA...

    PC EXAGEROU HOJE.

    ST

    ResponderExcluir
  15. Edson,

    Exagerei por quê??

    Qual é a fonte para os times desses juízes?

    Algum deles teve o mesmo comportamento inaceitável?

    ResponderExcluir
  16. Lamentável, mas não estou surpreso.

    ResponderExcluir
  17. Post citado nos comentários em:
    http://flusocio.com.br/blog/2011/10/17/pela-lisura-total/

    ResponderExcluir

Regras para postar comentários:

I. Os comentários devem se ater ao assunto do post, preferencialmente. Pense duas vezes antes de publicar um comentário fora do contexto.

II. Os comentários devem ser relevantes, isto é, devem acrescentar informação útil ao post ou ao debate em questão.

III. Os comentários devem ser sempre respeitosos. É terminantemente proibido debochar, ofender, insultar e/ou caluniar quaisquer pessoas e instituições.

IV. Os nomes dos clubes devem ser escritos sempre da maneira correta. Não serão tolerados apelidos pejorativos para as instituições, sejam quais forem.

V. Não é permitido pedir ou publicar números de telefone/Whatsapp, e-mails, redes sociais, etc.

VI. Respeitem a nossa bela Língua Portuguesa, e evitem escrever em CAIXA ALTA.

Os comentários que não respeitem as regras acima poderão ser excluídos ou não, a critério dos moderadores do blog.