quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Efemérides tricolores - 14 de fevereiro


1960: em amistoso disputado no Estádio El Campín, em Bogotá, capital da Colômbia, o Fluminense ganhou por 1 a 0 do Millonarios, campeão colombiano. O gol da vitória tricolor foi de Maurinho. No mesmo dia, no Maracanã, a Seleção Carioca perdeu por 2 a 1 para a Seleção Paulista, na partida decisiva do quadrangular final do Campeonato Brasileiro de 1959, ficando com a segunda posição no torneio. O escrete do Distrito Federal atuou com: Manga [Botafogo]; Joel [Bangu], Zózimo [Bangu] e Altair [Fluminense]; Décio Esteves [Bangu] e Russo [Vasco]; Sabará [Vasco], Moacir [Flamengo], Henrique Frade [Flamengo], Pinga [Vasco] e Babá [Flamengo]. Décio Esteves marcou o gol de honra dos cariocas.

1965: em amistoso no Estádio Pedro Ludovico, em Goiânia, o Fluminense ganhou por 5 a 1 do Atlético Goianiense, graças aos gols de Amoroso, Joaquinzinho, Ubiraci (dois) e Jorginho.

1971: em sua segunda partida na Copa Libertadores, o Fluminense venceu o Deportivo Galícia, da Venezuela, por 3 a 1, no Estádio Olímpico de Caracas, graças aos gols de Cafuringa, Lula e Mickey.

1990: em jogo válido pelo Campeonato Carioca, no Estádio de Laranjeiras, o Fluminense ganhou por 3 a 0 do Nova Cidade, gols de Sílvio (dois) e Cocada.

2004: na partida única da semifinal do primeiro turno do Campeonato Carioca, diante de 35.759 presentes (30.845 pagantes) no Maracanã, o Fluminense venceu o Americano de Campos por 2 a 1, graças aos gols dos laterais Leonardo Moura e Júnior César. A decisão do turno seria contra o Flamengo, uma semana depois (vide 21 de fevereiro).

2007: no jogo de ida da primeira fase da Copa do Brasil, na Arena da Floresta, em Rio Branco, o Fluminense venceu a Adesg, do Acre, por 2 a 1, graças aos gols de Soares e Alex Dias. Era o início da campanha que culminaria na conquista do título da competição, em final contra o Figueirense (vide 6 de junho).

2016: em partida do Campeonato Carioca, no Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, o Fluminense ganhou por 4 a 0 do Tigres do Brasil, gols de Cícero (de bicicleta), Diego Souza, Osvaldo e Henrique.

****

Aniversariantes do dia:

Adalberto Lyrio Lopes (1954), zagueiro que integrou o plantel do Fluminense entre 1976 e 1977, tendo participado da conquista do Campeonato Carioca de 1976.

Gílson Pereira Porto, o Gílson Porto (1944), ponta-esquerda baiano, natural de Feira de Santana, que integrou o elenco do Fluminense entre 1962 e 1964. Foi bicampeão Carioca de aspirantes (em 1962 e 1963) e vice-campeão Carioca profissional (em 1963). Marcou um gol pelo time principal tricolor, na vitória sobre o Canto do Rio em 1963 (vide 1º de dezembro). Jogou posteriormente no Bahia, no Corinthians e no America.
Gilson Porto (foto: Revista do Esporte).

Juliano Mineiro Fernandes, o Juliano (1986), meio-campista revelado pelo Fluminense, com 3 gols marcados em 27 jogos no time profissional tricolor, entre 2005 e 2006. Fez parte do time campeão Carioca em 2005.

Jefferson Gabriel Orejuela Izquierdo, o Jefferson Orejuela (1993), meio-campista equatoriano, com 48 atuações pelo Fluminense, na temporada de 2017. Conquistou a Taça Guanabara, primeiro turno do Campeonato Carioca de 2017.
Jefferson Orejuela, meia equatoriano.

PCFilho

2 comentários:

  1. Sobre o aniversariante Jefferson Orejuela: está emprestado para a LDU. Espero que adquira alguma cancha lá na altitude. No Flu ele às vezes se desligava totalmente do jogo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo. Às vezes eu tinha vontade de entrar no campo e entregar uma xícara de café pro rapaz.

      Excluir

Regras para postar comentários:

I. Os comentários devem se ater ao assunto do post, preferencialmente. Pense duas vezes antes de publicar um comentário fora do contexto.

II. Os comentários devem ser relevantes, isto é, devem acrescentar informação útil ao post ou ao debate em questão.

III. Os comentários devem ser sempre respeitosos. É terminantemente proibido debochar, ofender, insultar e/ou caluniar quaisquer pessoas e instituições.

IV. Os nomes dos clubes devem ser escritos sempre da maneira correta. Não serão tolerados apelidos pejorativos para as instituições, sejam quais forem.

V. Não é permitido pedir ou publicar números de telefone/Whatsapp, e-mails, redes sociais, etc.

VI. Respeitem a nossa bela Língua Portuguesa, e evitem escrever em CAIXA ALTA.

Os comentários que não respeitem as regras acima poderão ser excluídos ou não, a critério dos moderadores do blog.