sexta-feira, 15 de julho de 2011

História - Fluminense x Coritiba




Ao longo da história, Fluminense e Coritiba já se enfrentaram em 43 jogos. Foram 15 vitórias do Fluminense, 12 empates e 16 vitórias do Coritiba, com 60 gols do Fluminense e 56 gols do Coritiba.

O primeiro duelo entre Fluminense e Coritiba foi um amistoso no Estádio Durival Britto, em Curitiba, em 29 de março de 1949. O Fluminense venceu por 8 a 3, placar que até hoje configura a maior goleada da história do confronto (vide a ficha técnica deste jogo no final do post).

O jogo mais marcante foi pelas quartas-de-final do Campeonato Brasileiro de 1984. No dia 6 de maio, o Fluminense fez uma grande exibição, e venceu o Coritiba por impressionantes 5 a 0. O Tricolor acabaria se sagrando campeão nacional. O Coritiba também possuía uma grande equipe, tanto que conquistaria o Brasileirão no ano seguinte (também no Maracanã, vencendo o Bangu na finalíssima).

O jogo final de 2009 teve contornos de grande dramaticidade. Na última rodada do Campeonato Brasileiro, Fluminense e Coritiba lutavam entre si na desesperada fuga do rebaixamento, e a tabela marcava exatamente o confronto entre os dois clubes, em Curitiba. Em jogo épico, que ficou conhecido como a Batalha do Couto Pereira, o Fluminense segurou o empate por 1 a 1, e permaneceu na Primeira Divisão.

Confiram a lista completa dos jogos entre Fluminense e Coritiba:
29/03/1949 - Coritiba 3 x 8 Fluminense - Durival Britto (Curitiba)
05/10/1969 - Coritiba 1 x 1 Fluminense - Belfort Duarte* (Curitiba)
18/08/1971 - Fluminense 2 x 1 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
01/11/1972 - Coritiba 2 x 0 Fluminense - Belfort Duarte* (Curitiba)
14/10/1973 - Coritiba 1 x 0 Fluminense - Belfort Duarte* (Curitiba)
12/06/1974 - Fluminense 1 x 1 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
20/08/1975 - Fluminense 0 x 1 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
29/04/1984 - Coritiba 2 x 2 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
06/05/1984 - Fluminense 5 x 0 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
08/05/1985 - Coritiba 1 x 0 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
13/09/1986 - Fluminense 1 x 0 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
21/11/1987 - Coritiba 2 x 1 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
16/10/1988 - Coritiba 0 x 1 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
20/09/1989 - Fluminense 2 x 0 Coritiba - Laranjeiras (Rio de Janeiro)
28/09/1996 - Coritiba 3 x 1 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
27/07/1997 - Fluminense 1 x 1 Coritiba - São Januário (Rio de Janeiro)
16/11/2000 - Fluminense 2 x 0 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
23/09/2001 - Fluminense 3 x 1 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
31/08/2002 - Coritiba 2 x 0 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
16/07/2003 - Coritiba 3 x 0 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
08/11/2003 - Fluminense 3 x 2 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
25/04/2004 - Fluminense 1 x 1 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
19/08/2004 - Coritiba 2 x 0 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
21/05/2005 - Fluminense 2 x 4 Coritiba - Raulino de Oliveira (Volta Redonda)
18/09/2005 - Coritiba 0 x 0 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
21/06/2008 - Coritiba 2 x 1 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
17/01/2009 - Coritiba 0 x 1 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
13/10/2011 - Fluminense 3 x 1 Coritiba - Engenhão (Rio de Janeiro)
05/08/2012 - Coritiba 0 x 2 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
25/10/2012 - Fluminense 2 x 1 Coritiba - Engenhão (Rio de Janeiro)
06/06/2013 - Coritiba 2 x 1 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
21/09/2013 - Fluminense 1 x 1 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
09/08/2014 - Fluminense 1 x 1 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
08/11/2014 - Coritiba 1 x 0 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
04/06/2015 - Fluminense 2 x 0 Coritiba - Maracanã (Rio de Janeiro)
09/09/2015 - Coritiba 1 x 1 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
02/07/2016 - Fluminense 0 x 0 Coritiba - Raulino de Oliveira (Volta Redonda)
23/10/2016 - Coritiba 1 x 1 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
16/07/2017 - Coritiba 1 x 2 Fluminense - Couto Pereira (Curitiba)
* Até 1977, o Estádio Couto Pereira chamava-se Estádio Belfort Duarte.


Ficha Técnica do primeiro jogo (colaboração de Alexandre Magno Barreto Berwanger):
29/03/1949 - Coritiba 3 x 8 Fluminense
Motivo: Amistoso interestadual.
Local: Estádio Durival Britto (Curitiba, PR).
Árbitro: Aristocílio Rocha (Federação Metropolitana de Futebol).
Renda/público: Cr$ 32.195,00 / 2.093 pagantes.
Gols: Rodrigues, 4′/1ºT, Sanford, 7′/1ºT, Santo Cristo, 11′/1ºT, Merlin, 14′/1ºT, Cézar Frizzo, 23′/1ºT, Rodrigues, 34′ e 41′ do 1º T, Silas, 16′/2ºT, Rodrigues, 23′/2ºT, Sila, 31′/2ºT e Índio, 36′/2ºT.
CFC: Hamílton (Nivaldo); Fedato e Renê (Vidal); Tonico, Ribeiro e Sanford; Baby, Merlin, Cézar Frizzo (Lanzoninho), Toni (Gouveia) e Renatinho.
FFC: Mariano; Píndaro e Hélvio; Índio, Pé de Valsa e Ismael; Cento e Nove, Emílio (Maneco), Silas, Santo Cristo e Rodrigues. Técnico: Ondino Viera.

Em 1935, o Fluminense jogou duas partidas contra um Combinado Paranaense, no estádio do Coritiba. Os jogos não estão sendo contabilizados na estatística do confronto:
27/01/1935 - Combinado Paranaense 1 x 0 Fluminense - Belfort Duarte (Curitiba)
03/02/1935 - Combinado Paranaense 2 x 3 Fluminense - Belfort Duarte (Curitiba)

PCFilho

8 comentários:

  1. Caro PC, me permita o off, pois és especialista nesses históricos, se as minhas previsões e contas estiverem corretas, o próximo fla x Flu marcará o centenário de rodadas seguidas da praia do pinto fora do G4 nos BRs, cármico não?!

    ST

    ResponderExcluir
  2. Maiores públicos do Fluminense contra Coritiba (versão do site Estatísticas do Fluminense www.fluzao.info):

    1- 60.385 pessoas - Fluminense 5 x 0 Coritiba - Maracanã - Brasileiro 1984
    2- 34.397 pessoas - Fluminense 1 x 1 Coritiba - Maracanã - Brasileiro 2013
    3- 33.975 pessoas - Fluminense 2 x 1 Coritiba - Engenhão - Brasileiro 2012
    4- 32.630 pessoas - Coritiba 1 x 1 Fluminense - Couto Pereira - Brasileiro 2009
    5- 28.511 pessoas - Fluminense 1 x 1 Coritiba - Maracanã - Brasileiro 2014
    6- 27.061 pessoas - Coritiba 2 x 2 Fluminense - Couto Pereira - Brasileiro 1984
    7- 21.261 pessoas - Fluminense 3 x 1 Coritiba - Maracanã - Brasileiro 2001
    8- 19.510 pessoas - Coritiba 2 x 0 Fluminense - Couto Pereira - Brasileiro 1972
    9- 18.775 pessoas - Coritiba 1 x 0 Fluminense - Couto Pereira - Brasileiro 1973
    10- 18.771 pessoas - Coritiba 0 x 0 Fluminense - Couto Pereira - Brasileiro 2005

    Obs.: Exceto o público de 1984, pagante, os demais com o mando de campo do FFC referem-se aos públicos presentes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mais um: 28.041 presentes, Fluminense 2 x 0 Coritiba, 04/06/2015 (23.004 pagantes), fora os muitos milhares que voltaram para casa sem estacionamento e/ou ingresso, por que não houve organização por falta dos responsáveis.

      Excluir
    2. De fato, muita gente desistiu, devido às enormes filas nas bilheterias.

      Minha nossa, quando o Fluminense vai aprender a tratar bem seus torcedores????

      Excluir
    3. Minha versão (a partida de 2001 encontra públicos diferentes em alguns lugares, por conta da promoção Nestlé, que a SUDERJ não considerava em seus borderôs).
      Maiores públicos.
      * * Aonde não constam os públicos pagantes e presentes, a referência é aos pagantes, acima de 20.000.

      1- Fluminense 5–0 Coritiba, 60.385, Maracanã, Brasileiro 1984.
      2- Fluminense 1–1 Coritiba, 34.397, Fluminense 1–1 Coritiba, Maracanã, Brasileiro 2013 (28.550 pagantes).
      3- Fluminense 2–1 Coritiba, 33.975, Fluminense 2–1 Coritiba, Engenhão, Brasileiro 2012 (29.994 pagantes).
      4- Coritiba 1–1 Fluminense, 32.631, Coritiba 1–1 Fluminense, Couto Pereira, Brasileiro 2009 (30.493 pagantes).
      5- Fluminense 1–1 Coritiba, 28.511, Maracanã, Brasileiro 2014 (24.768 pagantes).
      6- Fluminense 2–0 Coritiba, 28.041, Maracanã, Brasileiro 2015 (23.004 pagantes).
      7- Coritiba 2–2 Fluminense, 27.061, Couto Pereira, Brasileiro 1984.
      8- Fluminense 3–1 Coritiba, 21.261, Maracanã, Brasileiro 2001 (16.047 pagantes).

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Duílio Dias Júnior, zagueiro do Fluminense na campanha de 1984, é filho do maior goleador do Coritiba, o ídolo Duílio Dias, com 202 gols marcados em sua carreira.

    ResponderExcluir

Regras para postar comentários:

I. Os comentários devem se ater ao assunto do post, preferencialmente. Pense duas vezes antes de publicar um comentário fora do contexto.

II. Os comentários devem ser relevantes, isto é, devem acrescentar informação útil ao post ou ao debate em questão.

III. Os comentários devem ser sempre respeitosos. É terminantemente proibido debochar, ofender, insultar e/ou caluniar quaisquer pessoas e instituições.

IV. Os nomes dos clubes devem ser escritos sempre da maneira correta. Não serão tolerados apelidos pejorativos para as instituições, sejam quais forem.

V. Não é permitido pedir ou publicar números de telefone/Whatsapp, e-mails, redes sociais, etc.

VI. Respeitem a nossa bela Língua Portuguesa, e evitem escrever em CAIXA ALTA.

Os comentários que não respeitem as regras acima poderão ser excluídos ou não, a critério dos moderadores do blog.