sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

FIFA excluirá Flamengo da Copa Libertadores*

Na manhã desta sexta-feira, 10, o Flamengo conseguiu, graças a uma liminar da Justiça Comum, a devolução dos 4 pontos perdidos pela escalação de um jogador suspenso na última rodada do Campeonato Brasileiro de 2013. A ação foi movida pelo torcedor rubro-negro Luiz Paulo Pieruccetti Marques, que é advogado e defendeu o clube ano passado na Justiça do Trabalho. Torna-se, pois, impossível desassociar a ação do próprio Flamengo, uma vez que o advogado responsável por ela presta serviços regularmente ao clube.

E isto terá consequências muito desagradáveis para o rubro-negro da Gávea: a FIFA não terá outra alternativa que não ordenar à CONMEBOL que exclua o Flamengo da Copa Libertadores da América de 2014, por causa da entrada do clube na Justiça Comum. Ano passado, a FIFA ordenou à CBF que o Betim fosse excluído da Série C do Campeonato Brasileiro pelo mesmo motivo.

Os Estatutos da FIFA são claríssimos quanto à proibição de ações na Justiça Comum para resolução de problemas dos Campeonatos, conforme se pode ver na figura abaixo, trecho de documento oficial da entidade (em inglês):

Tradução livre, de minha autoria, para alguns trechos:

"Recursos à Justiça Comum são proibidos, exceto se especificamente previstos nos regulamentos da FIFA. Recursos à Justiça Comum para todos os tipos de medidas provisórias também são proibidos."

"As Associações devem inserir uma cláusula em seus estatutos e regulamentos, estipulando que é proibido levar disputas na Associação ou disputas envolvendo Campeonatos, membros de Campeonatos, Clubes, membros de Clubes, jogadores, funcionários e outros à Justiça Comum, exceto se previsto especificamente pelos regulamentos da FIFA. Ao invés de recurso à Justiça Comum, estas disputas devem ser levadas ao tribunal devidamente constituído, sob as regras da Associação ou da Confederação, ou à CAS (Corte Arbitral do Esporte, órgão internacional de justiça desportiva)."

"As Associações devem impor sanções a qualquer parte que falhe em respeitar esta obrigação, e se assegurar de que qualquer apelação contra tais sanções seja igual e estritamente submetida aos tribunais desportivos, e não à Justiça Comum."

Se a punição ao Flamengo for confirmada pela CONMEBOL, o Vitória, quinto colocado do Campeonato Brasileiro, herdará a vaga na Copa Libertadores.

PCFilho

* OMBUDSMAN: talvez o título da postagem tenha sido um pouco pretensioso. Bom, é mais ou menos como dizer "Fulano será preso" após testemunhar Fulano cometer um homicídio. Não foi a minha intenção garantir que a FIFA punirá o Flamengo, embora eu acredite que a punição vá acontecer, pelo andar dos acontecimentos.

137 comentários:

  1. Você é maluko só pode ser tricolor mesmo pra postar um besteira dessa, morra de inveja, #ORECURSOÉLIVRE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Diego Assumpção..como está se sentindo fora da Libertadores? huashuashuashuas

      Excluir
  2. O Flamengo não é parte autora, nem pode impedir que alguém entre na justiça reclamando qualquer coisa.Isso é só torcida sua mesmo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mas ele aceitou ser beneficiado , se não tivesse aceitado o benefício dos 4 pontos não sofreria isso

      Excluir
    2. Mas ele aceitou ser beneficiado , se não tivesse aceitado o benefício dos 4 pontos não sofreria isso

      Excluir
    3. entao se alguem entra com uma ação contra voce, voce esta aceitando ser punido ?

      Excluir
    4. Luigi Dutra11 janeiro, 2014 08:52
      entao se alguem entra com uma ação contra voce, voce esta aceitando ser punido ?

      Não. Mas se a ação for a seu favor, você pode ou não aceitar os benefícios provenientes dela.

      Excluir
  3. Para uma galera aí Regulamento é besteira, fazer o que, PC?!

    ResponderExcluir
  4. Caro PC,

    Apesar da indignação e falta de preparo do Diego Assumpção, compreensível até por fazer parte da mulambada, ele esqueceu que a Justiça Brasileira só tem jurisdição no território nacional e que por isso mesmo o Fla poderá dançar da Libertadores por uma ação temerária de um torcedor que nada mais deseja do que aparecer.

    Se isso ocorrer será a própria vitória de Pirro. Com o desejo de prejudicar o Fluminense, o imbecil acabará prejudicando o seu clube.

    É por isso que um pouco de clarividência não faz mal a ninguém.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  7. Me explique como o Sport não foi excluído pela FIFA em fevereiro de 88 ? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk só piada de vcs...

    ResponderExcluir
  8. Por que o Sport Recife seria suspenso em fevereiro de 1988?

    ResponderExcluir
  9. Regra FIFA, ela diz o seguinte: "o vencedor do Campeonato Brasileiro de 1987 será excluído da FIFA"

    Por isso o Flamengo e o Inter não foram disputar o quadrangular final.

    Foi isso, né?!

    ResponderExcluir
  10. A FIFA viu que tal regra era injusta e não puniu o Sport Recife.

    ResponderExcluir
  11. Lixo de matéria. Só mesmo um tricolete, querendo tirar o foco do clube mais podre do Brasil, q se sustenta c/dinheiro sujo da Unimed, e botar no Flamengo. Antes de mais nada NÃO FOI o Flamengo que entrou com a ação. Logo, independente do time de quem entruo, o Flamengo, instituição, não tem qq responsabilidade nisso. Segundo que essa regra é batida. Basta vc ver que o Sport foi na justiça comum tentar roubar o titulo do Flamengo de 87, e até hj nada aconteceu com esse timinho de recife. Matéria tendenciosa e ridícula

    ResponderExcluir
  12. A FIFA segundo esse texto que foi publicado não julga se o time merece ou não ser campeão e sim o exclui caso o clube entre na justiça comum. Então deveria ter excluído o Sport e não fez... outro caso ? O Gama é o único clube até hoje a entrar na justiça comum e continuar sem sofrer penalizações por isso... vcs estão viajando um pouco nas coisas ! Vamos colocar os pingos nos "is" ? Quando vc entra na justiça vc entra com um processo afirmando que é uma PESSOA FÍSICA... e é isso que está escrito no processo. Caso fosse o Flamengo estaria PESSOA JURÍDICA. Menos aí... a revolta de vcs está passando do limite. Vcs são tricolores e não botafoguenses.

    ResponderExcluir
  13. Poderia até ficar fora da Libertadores sim, a mando da FIFA, mas só se o FLAMENGO estivesse entrado com a ação. E não foi o Flamengo que entrou na justiça comum, e sim um advogado que não tem ligações com o clube, que levou a ação ao Estatuto do Torcedor. Nunca irão tirar o Fla da libertadores. Então, chupem gostoso e aceitem.

    ResponderExcluir
  14. Pedro Pedros,

    Obrigado por tantos elogios.

    Leitura recomendada: A verdade sobre 1987

    Abraço de um torcedor limpinho, que acaba de tomar um bom banho.

    ResponderExcluir
  15. Não foi o Flamengo, foi advogado do Flamengo defendendo os interesses do Flamengo. Que diferença faz?!

    Outro ponto, você não pode entrar na justiça com um pedido para fulano receber um direito dele se você não for procurador dele!

    Ou seja, o que foi pedido aí seria um direito do Flamengo, por tanto, para que a causa seja ganha no mínimo quem entrou representa legalmente o Flamengo. Logo, o Flamengo entrou no justiça comum e deve ser punido.

    Pura lógica.

    ResponderExcluir
  16. Certamente nao. O fato do cara ter sido advogado do Fla em algum momento da vida dele nao eh uma procuraçao ilimitada pra ele representar o clube livremente. A procuraçao outorgada a ele pelo Fla em outro processo, de outra Justiça ainda por cima, nao atinge outras esferas. Nice try.

    ResponderExcluir
  17. "E não foi o Flamengo que entrou na justiça comum, e sim um advogado que não tem ligações com o clube"

    Risos. Depois dizem que é implicância quando a galera zoa que não sabem ler...

    ResponderExcluir
  18. Mesmo que ele nunca tivesse tido ligação com o Flamengo a minha colocação ainda faria sentido.

    ResponderExcluir
  19. Não sei se o magrinho anda vendo novela demais... mas não lembro de ter visto o Gama disputar nenhuma competição FIFA... ou estou enganado?

    ResponderExcluir
  20. Um blog tão pequeno quanto o Fluminense. Conseguiu seus minutinhos de fama, e pra conseguir isso tinham que colocar o Flamengo no meio, óbvio, o pequeno sempre precisa do grande. Parabéns ao Fluminense por rebaixar o futebol brasileiro. É melhor ser zoado por não saber ler, do que ser zoado por conquistar várias coisas pelo tapetão. O Campeão do Mundo deixa um abraço para o Tri rebaixado.

    ResponderExcluir
  21. Essa história de querer jogar o problema para um cara que prestou (ou presta) serviço a um clube é algo que gera muitas risadas... primeiro é o sestário que aparece com o schmitt e com Fred... dps um dos julgadores no STJD é torcedor do Flu... mas aí pode né ?!!??! #orecursoélivre #pagueasérieb

    ResponderExcluir
  22. Não conseguem atacar os argumentos, começam a atacar o interlocutor.

    Típico.

    ResponderExcluir
  23. Agora a moda é #orecursoélivre... Não, caros, não é. O recurso à Justiça Comum para resolver questões esportivas é proibido.

    ResponderExcluir
  24. "a FIFA ordenou à CBF que o Betim fosse excluído da Série C do Campeonato Brasileiro pelo mesmo motivo."

    Acho bom vc, Anthony Goulart parar de ver novela e prestar mais atenção à notícia.

    ResponderExcluir
  25. Não precisa de argumentos quando se conquista a permanência da séria A dentro de campo, parabéns a Portuguesa e ao Flamengo, que conseguiram esse feito.

    ResponderExcluir
  26. Sou Flu, mas não acho q isso vai ocorrer não, oque vai acontecer é ficar como esta, a liminar vai ser derrubada, a portuguesa rebaixada flamengo o primeiro fora da zona de rebaixamento! Aliás isso tá irritando já, preferia o Flu rebaixado do que toda essa palhaçada e indefinição que esta acontecendo aí! ST

    ResponderExcluir
  27. A classificação final e legítima do Campeonato é esta aqui.

    E nela está bem claro quem conquistou a permanência na Série A dentro de campo, dentro das regras do jogo.

    ResponderExcluir
  28. Dentro do campo, dentro do campo a Portuguesa caiu!! CAIU!!

    O cumprimento das regras e punições fazem parte do jogo, isso é um campeonato de clubes e não de times de pelada!!

    Portuguesa e Flamengo não cumpriram, logo foram punidos de acordo com a lei do esporte num tribunal esportivo!

    Tudo legal!

    Agora, ambos, Flamengo e Portuguesa, entram no justiça comum (popular tapetão) para virar a mesa!!

    Beijo no ombro dos senhores.

    ResponderExcluir
  29. Botem a culpa na CBF, que não notificou o BID a tempo aos clubes. Mas enfim, não estou nem um pouco preocupado com isso, eu sei que não vai dar em nada. Preocupem vocês ai em se manterem na séria A.
    Abraços

    ResponderExcluir
  30. Depois dessa do "beijo no ombro" vindo de um tricolor eu parei.

    Fui.

    ResponderExcluir
  31. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir

  32. O Flamengo não deve ser punido, pois o estatuto do torcedor permite que um torcedor qualquer entre com ação na justiça comum se se sentir lesado, a ação tomada contra esse absurdo que vem acontecendo no futebol brasileiro, está legalíssima de acordo com as leis do estatuto do torcedor, pois o advogado que entrou com a ação não tem afiliação ou responde pelo Flamengo.

    Realmente é lamentável que certos "jornalistas" tenham que usar da apelação, e de calunias para se próprio promover, isso é só um exemplo da mídia "podre" brasileira bairrista. Não deixam suas preferências de lado e se mostram amplamente anti-profissionais, eu não tenho raiva desse tipo de matéria, só tenho pena.

    ResponderExcluir
  33. Não precisa de notificação em BID de suspensão nenhum para que o atleta esteja suspenso e, além disso, decisões do tribunal não vão parar neste BID.

    Os clubes estavam representados e sabiam da suspensão dos atletas, desrespeitaram a decisão do tribunal por motivos ainda nebulosos e foram punidos conforme a lei!

    Só volto a responder aqui argumentos e não ataques pessoais, eu não vos conheço e vocês não me conhecem para fazer tais tipos de ataques.

    Sim, isso aqui é um blog do Tricolor. Mas neste mesmo blog já foram feitos posts muito bons falando de Seleção, Flamengo, Botafogo, Vasco e outros clubes na maior parte das vezes tratando tais assuntos de forma positiva.

    Estamos num espaço democrático para discussão de IDÉIAS e não para ataques ao interlocutor como vejo em muitos comentários aqui!

    Quanto os comentários chamando de flor e outros adjetivos do tipo, eu não dou a mínima para isso, para mim só mostra a falta de argumentos e respeito de quem fala tais coisas, além de não se referir a realidade dos fatos no que se diz respeito a mim.

    ST!

    Alô torcida do Flamengo, aquele abraço!

    ResponderExcluir
  34. Não tente desvirtuar o assunto central da postagem do blog, esse assunto já foi várias e várias vezes debatido, eu só comentarei de acordo com a postagem totalmente tendenciosa confirmando a sua ignorância no assunto.

    E repito:

    O Flamengo não deve ser punido, pois o estatuto do torcedor permite que um torcedor qualquer entre com ação na justiça comum se se sentir lesado, a ação tomada contra esse absurdo que vem acontecendo no futebol brasileiro, está legalíssima de acordo com as leis do estatuto do torcedor, pois o advogado que entrou com a ação não tem afiliação ou responde pelo Flamengo.

    Realmente é lamentável que certos "jornalistas" tenham que usar da apelação, e de calunias para se próprio promover, isso é só um exemplo da mídia "podre" brasileira bairrista. Não deixam suas preferências de lado e se mostram amplamente anti-profissionais, eu não tenho raiva desse tipo de matéria, só tenho pena.

    ResponderExcluir
  35. Galera... vamos discutir, mas sem baixar o nível, já é !?!?!?

    Quero ver termos essa paixão ferrenha para defender nosso país... cada um defendendo o seu time mas relax aí nas paradas...

    ResponderExcluir
  36. Segundo o Globo Esporte.com, o juiz Marcello do Amaral Perino aceitou a argumentação do advogado Luiz Paulo Pieruccetti Marques (OAB: RJ 89203 – D), segundo a qual o eventual rebaixamento do Flamengo causaria “dano irreparável” ao clube. O mesmo advogado já defendeu o rival contra o jogador Felipe Mello em um processo no ano passado, o que torna suspeita sua ligação com o clube.

    Em uma decisão liminar e de primeiro grau, é natural que haja juízes com entendimentos contrários até mesmo ao óbvio, como é o caso. Mas a CBF tem todas as chances de derrubar a decisão liminar, afinal, o regulamento da competição foi integralmente cumprido em 2013.

    O que está acontecendo é apenas uma tentativa clara de virada de mesa, de forma populista, demagógica, como infelizmente já estamos acostumados no Brasil. O objetivo é melar a competição e beneficiar clubes rebaixados sem qualquer argumentação razoável, tais como Vasco, Ponte Preta e Náutico, além de anular a punição imposta pelo STJD a Flamengo e Portuguesa, que cometeram erros administrativos indefensáveis, dignos de clube de várzea, colocando jogadores suspensos em campo.

    A argumentação baseada no Estatuto do Torcedor é sofrível, pois os advogados de Flamengo e Portuguesa estavam presentes ao STJD nos julgamentos dos atletas na sexta-feira (06/12/13), o que significa que os clubes estavam notificados das suspensões desde o momento em que aconteceram. A validade da punição aplicada pelo tribunal é imediata, não depende da publicação para ter efeitos.

    Para bem da segurança jurídica do futebol brasileiro, o regulamento do campeonato e o CBJD deveriam ser respeitados por todos os juristas, e não rasgados. Mas depois do “Procurador da Receita torcedor”, nos deparamos agora com o “Juiz de Direito torcedor”…

    Definitivamente não é um país sério.

    http://www.flusocio.com.br/tentativa-de-virada-de-mesa/

    ResponderExcluir
  37. Meu caro, juridicamente falando, pra vc representar o Flamengo ou qualquer outra pessoa física ou jurídica, vc precisa de uma Procuração outorgando poderes específicos. Não houve isso no caso em questão e, portanto, por mais que vc tente provar por A+ B que o advogado é ligado ao Flamengo, isso não faz dele um representante do Flamengo... Uma vez que ele não tem procuração para específica para representar o clube, então ele não será representante do Flamengo juridicamente falando. Capiche? É BEM simples. Abs.

    ResponderExcluir
  38. Acho que não leram no post, então vou repetir aqui: o advogado que ajuizou a ação TRABALHOU PARA O FLAMENGO EM 2013.

    Argumentar que ele "não tem nenhuma relação com o clube" é, no mínimo, uma demonstração monstruosa de cinismo.

    ResponderExcluir
  39. Se fosse um país sério, talvez os rivais não usassem da frase "pague a série b" em forma de zoações.

    ResponderExcluir
  40. Trabalhou é passado amigo... vamos falar do jurista do STJD que É torcedor do Fluminense ?!?!

    ResponderExcluir
  41. Faz uma postagem caluniosa e ignorante e ainda quer ter uma discussão com argumentos.

    Só tenho que rir desses "jornalistas" totalmente parciais.

    ResponderExcluir
  42. Até porque o "pague a Série B" é uma cobrança de uma dívida que não existe. Enfim...

    Voltando ao tema do post, flamenguistas, eu não tenho nada contra o Flamengo, e fiz esse post até como alerta ao clube.

    Os que se dignarem a pesquisar pelo blog encontrarão diversas postagens minhas bacanas sobre o Flamengo, clube que admiro e respeito.

    Só acho que o Fla tem que tomar cuidado com essa brincadeira de Justiça Comum, que nunca acaba bem, e pode acabar sobrando pra vocês...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo e vou além, o advogado que dizem ter entrado voluntariamente com a ação, é claro e malandramente foi instruído a isso. Só que,quem se beneficia de tal ação dela fazendo uso, está(será intimado) e incurso.

      Excluir
  43. Tá bom, cara... vamos encerrar essa história ? Vai lá e provem que o cara foi a mando do Flamengo e que o Flamengo pagou a Portuguesa de escalar o cara. Se não conseguiram ?Corram atrás... e parem com o mimimi, suposições e teorias da conspiração pq já tá chato que nem essa história !!!!!

    ResponderExcluir
  44. O Flamengo não deve ser punido, pois o estatuto do torcedor permite que um torcedor qualquer entre com ação na justiça comum se se sentir lesado, a ação tomada contra esse absurdo que vem acontecendo no futebol brasileiro, está legalíssima de acordo com as leis do estatuto do torcedor, pois o advogado que entrou com a ação não tem afiliação ou responde pelo Flamengo.

    ResponderExcluir
  45. Torcedor do Fluminense?! O cara é Paranaense e neste mesmo ano pediu que o Fred pegasse pena máxima por conta da agressão ao Jumar.

    Outro ponto, que o direito o torcedor está pedindo para ele?! Qual que eu não sei?! O direito dele ver sentença? Ele já viu pois foi publicada! Então qual é o direito?! O direito do clube dele não perder pontos por algum motivo?! Então, este direito não é dele, é do clube dele! O Flamengo e Portuguesa que devem se sentir lesados (mesmo que erroneamente) pelo STJD e não seu torcedor pois este não sofreu sanção nenhuma pelo tribunal.

    Assim, ou o torcedor está pleiteando direito alheio sem autorização legal (o que fere o artigo sexto do código civil) ou ele simplesmente está representando o Flamengo como instituição na ação na justiça comum, o que fere o regulamento da FIFA.

    ResponderExcluir
  46. Caros, mesmo se fosse empregado do clube... Pra representar qualquer pessoa fisica ou juridica numa açao, vc precisa de procuraçao especifica. Essa discussao chega a ser burra, do ponto de vista legal.

    ResponderExcluir
  47. Também acho que não vai dar em nada como tantas manobras nada legítimas que sempre levam o Flamengo a escapar das reais responsabilidades que lhe cabem. E o irônico é que esqueçam dessas e tantas outras falcatruas para apontar o dedo para o Fluminense! "J' Acuse!", sem olhar para o próprio rabo. A verdade é que só os ignorantes ou levianos acham que o maior beneficiado com a infração da Portuguesa foi o Fluminense. Mas como majoritariamente de ignorantes e levianos tem se mostrado composta a torcida rubro-negra, não me surpreende. Paguem 87. Paguem os 4 pontos. Paguem o ingresso para a Libertadores. A verdade é livre.

    ResponderExcluir
  48. CHUPEM: http://www.espn.com.br/noticia/381026_portuguesa-consegue-liminar-na-justica-para-a-devolucao-dos-pontos-e-vai-dormir-na-serie-a

    ResponderExcluir
  49. Também acho que não vai dar em nada como tantas manobras nada legítimas que sempre levam o Flamengo a escapar das reais responsabilidades que lhe cabem. E o irônico é que esqueçam dessas e tantas outras falcatruas para apontar o dedo para o Fluminense! "J' Acuse!", sem olhar para o próprio rabo. A verdade é que só os ignorantes ou levianos acham que o maior beneficiado com a infração da Portuguesa foi o Fluminense. Mas como majoritariamente de ignorantes e levianos tem se mostrado composta a torcida rubro-negra, não me surpreende. Paguem 87. Paguem os 4 pontos. Paguem o ingresso para a Libertadores. A verdade é livre. [2]

    ResponderExcluir
  50. Agora a Lusa também conseguiu liminar. Viva a virada de mesa! Viva Pindorama!

    ResponderExcluir
  51. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
    http://www.espn.com.br/noticia/381026_portuguesa-consegue-liminar-na-justica-para-a-devolucao-dos-pontos-e-vai-dormir-na-serie-a

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk é tão gordo que chegou, afundou o Fluminense e já saiu

    http://www.espn.com.br/noticia/381051_apos-anuncio-oficial-porto-complica-e-walter-pode-ate-nao-vir-mais-para-o-fluminense

    ResponderExcluir
  52. Agora sim a mesa está em pé de novo, como sempre deveria estar.

    ResponderExcluir
  53. CBF SE MANIFESTA SOBRE LIMINAR DO FLAMENGO:


    Há possibilidade de o Campeonato Brasileiro ter mais de 20 clubes?
    -Não há hipótese. Zero.

    Mas se houver decisões da Justiça que obriguem a isso?
    - Então a Justiça assume, faz o campeonato, nomeia os árbitros para apitar. Assim não acaba mais competição nenhuma. Se prevalecer isso, é o fim do sistema desportivo brasileiro. E também é a falência do judiciário, que vai ficar assoberbado com tantas ações de torcedores. Qualquer torcedor vai entrar, e teremos 180 milhões de ações.

    ResponderExcluir
  54. Mesa em pé? Agora sim é que ela está de pernas pro ar. A mesa, as cadeiras, tudo virado...

    ResponderExcluir
  55. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  56. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  57. O Campeonato terá uma das 3 configurações:
    A) os 20 clubes legitimamente habilitados a disputá-lo;
    B) 21 clubes (os 20 acima + a Portuguesa);
    C) 24 clubes (os 21 acima + os outros 3 rebaixados).

    Estão tentando fazer a Copa Dilmão 2014 (opções B ou C).

    Mas eu ainda tenho fé na opção A.

    ResponderExcluir
  58. Muito engraçado o desespero das mulambetas!!! rsrsrsrs

    ResponderExcluir
  59. Eu não entendo esta cruzara urubuzesca dado que eles não caíram com a punição dada a Portuguesa.

    ResponderExcluir
  60. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  61. Lembrando que se as decisões se manterem em todas as instâncias quem cai é o Corinthians e não o Fluminense já que vão ter ações para a retirada de 4 pontos do Corinthians por conta da escalação regular do Sheik após ele cumprir suspensão de uma punição desportiva dada na sexta no fds!

    ResponderExcluir
  62. Ou vai ter virada de mesa (Dilmão 2014) ou o regulamento prevalece. O Flu não vai pra série B. As mulambetas podem sonhar à vontade...

    Sou Flu, sou série A!

    As mulambetas todas choram...

    ResponderExcluir
  63. Se com uma simples LIMINAR há essa revoada toda dos abutres do mangue...

    Por favor,informem-se!

    SSTT

    ResponderExcluir
  64. Não estou querendo botar fogo, mas ouvi muito sobre a escalacao do Rhayner depois da copa das confederações. Até onde essas declarações fazem sentido? Tem alguma liminar que permitiu que ele jogasse?

    ResponderExcluir
  65. O Rhayner não estava suspenso.

    O que ocorreu é que ele tinha dois cartões amarelos na competição, dai numa partida ele recebeu 1 cartão amarelo e depois o segundo acabando por ser expulso.

    No caso do recebimento do segundo amarelo, eles viram um cartão vermelho e não entram para a contagem.

    Ou seja, o Rhayner fez corretamente, cumpriu um jogo e voltou pendurado com 2 cartões (aqueles mesmo que ele tinha antes da partida em que foi expulso).

    O que muita gente está tentando fazer parecer é que deveria ter cumprido 2 jogos e voltado zerado de cartões, o que é um erro de interpretação do regulamento (que é muito claro em relação a isso).

    ResponderExcluir
  66. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  67. É...acho que nessa ocasião, vcs devem estar mais ligados no fato de estarem na "B", onde irão ter um grande clássico com o ASA de Arapiraca, ou contra o meu SANTA! CBF agora não pode salvar o Fluminense nessa vez! Ainda bem que o futebol está entrando no caminho certo!

    ResponderExcluir
  68. O Flu não jogará a Série B. Podem sonhar à vontade.

    ResponderExcluir
  69. Não, o Flu não "dorme na Série B" hoje. O Fluminense está na Série A, e ponto. O resultado final do Campeonato não muda com liminar nenhuma.

    PS: pesquisem o significado da palavra "liminar". Vale o esforço, prometo.

    ResponderExcluir
  70. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  71. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  72. vamos ver até aonde isto vai dar !!!!

    ResponderExcluir
  73. Simples sò o flamengo abrir mao desses pontos,o fla n precisa,,quem tem q correr atras è a Lusa

    ResponderExcluir
  74. Simples sò o flamengo abrir mao desses pontos,o fla n precisa,,quem tem q correr atras è a Lusa

    ResponderExcluir
  75. Não li todos os comentários, mas uma distinção me parece claro: é bem diferente prestar serviços eventuais ao clube e representa-lo em juízo. A legitimidade utilizada na ação que teve liminar favorável advém da qualidade de torcedor e sócio do clube que se sentiu lesado. O advogado em questão com toda certeza não detinha procuracao para agir em nome do Flamengo nessa acao, o que, pra mim, caracterizaria infração as normas da FIFA.
    É demais querer que o Flamengo controle as ações judiciais de todos seus mais de 35 milhoes de torcedores,

    ResponderExcluir
  76. (...) medida totalmente inexequível.

    Concluo dizendo que seria completamente desproporcional e desarrazoado punir o clube pela acao de um torcedor sobre a qual o clube não tem nenhuma ingerência, conforme nota oficial divulgada pelo clube

    ResponderExcluir
  77. Vixe, a mulambada ficou nervosa!! Pc apenas aventou a possibilidade, factível, de ocorrer uma punição ao FRA e a urubuzada ficou toda enfurecida. Sabem q estão a perigo por vários motivos: suspensao da Liberta, a real história do caso heverton...

    ResponderExcluir
  78. Vixe, a mulambada ficou nervosa!! Pc apenas aventou a possibilidade, factível, de ocorrer uma punição ao FRA e a urubuzada ficou toda enfurecida. Sabem q estão a perigo por vários motivos: suspensao da Liberta, a real história do caso heverton...

    ResponderExcluir
  79. Calma gente,
    e nada de entrar na pilha dos torcedores adversários.
    O planejamento do clube com certeza já previa esse capítulo e os investimentos só estão sendo feitos na certeza de que disputaremos a série A nesse ano de 2014.
    Deixa eu explicar "grosso modo" o que se trata em uma liminar;
    Numa liminar é aferida alguns pressupostos que eles (Flamengo e Portuguesa) possuem:
    1- Legitimidade para pedir;
    2- Dano sofrido;
    3- Urgência na reparação (perigo na demora);
    4- Aparência de Direito (fumaça do bom direito);
    Tendo esse pressupostos o Juiz defere a liminar e não analisa profundamente o tema.
    Todas as liminares, antes dessas deferidas pelo mesmo juiz de direito, foram denegadas porque os postulantes não comprovaram legitimidade para pedir. Esse magistrado entendeu que havia e concedeu as liminares.
    E daí?
    E daí que agora, depois do deferimento da liminar serão citados do mandado expedido pelo magistrado: a CBF, o Flamengo (na liminar referente a ele) e a Portuguesa (na liminar referente a ela). E os mesmos darão ciência e se apenas anuírem com o mandado, estarão corroborando com os pedidos postulados pelos torcedores.
    É bem provável que os clubes já solicitem, na qualidade de partes interessadas, a retirada dos pedidos por temerem a sanção da FIFA para quem descumpre a regra de reverter o resultado esportivo na esfera judicial.
    A FIFA não brinca com esse tipo de atitude e bane (o termo mais correto é suspende) sem direito a defesa, por ato unilateral, os clubes que agem dessa forma até que os mesmos desistam da ação judicial que foi contrária ao decidido no tribunal administrativo desportivo.
    Foi feito isso em 2000 com o Gama, em 2012 com Treze etc.
    Então não se desesperem e por favor!!!
    NÃO IMPETREM PETIÇÕES DE LIMINARES, ELES QUEREM QUE FAÇAMOS ISSO.
    Deixe o imbróglio se resolver e aposto que vai se resolver antes do ínicio da temporada. O blogueiro Gustavo Albuquerque do GE usou uma frase perfeita para o caso:
    “Comemorar liminar é o mesmo que comemorar bilhete premiado depois de anunciado apenas o primeiro número. Tudo dentro do aguardado.”
    Fiquem calmos e torcendo para a chegada do gordinho mais “bom de bola” do país
    ST

    Rafael Rangel de Sá
    RAFA PRESIDENTE

    http://www.odiariotricolor.com/#!carta-aberta-aos-tricolores/cngs

    ResponderExcluir
  80. Então quer dizer que agora um torcedor não pode entrar na justiça comum exigindo seus direitos? O advogado em questão prestou serviços ao Flamengo no ano passado, portanto atualmente ele não é funcionário do clube, é um cidadão comum, torcedor do Fla, sócio que tem direito de ir até a justiça, qualquer que seja o caso. Se for assim, como você disse, vou me travestir de tricolor, acionar a justiça comum em nome do Fluminense, com isso o Flu também seria punido pela FIFA. Em tempo, a FIFA proíbe que a INSTITUIÇÃO, o CLUBE, entre na justiça. Nos autos do processo movido, consta apenas o nome do torcedor, advogado que quis entrar com o recurso. E ponto. E não adianta, qualquer processo na justiça comum, apresentando os argumentos de Portuguesa e Flamengo, a vitória desses será certa.

    ResponderExcluir
  81. http://esporte.uol.com.br/futebol/campeonatos/brasileiro/serie-a/ultimas-noticias/2014/01/10/fla-diz-nao-ter-nada-a-ver-com-acao-que-devolveu-pontos-do-brasileiro.htm


    Olha só isso .. Paguem a Série B !! Bando de Flores

    ResponderExcluir
  82. Todos devem se lembrar quando, antes do julgamento do caso Lusa/Fla, o presidente rubro negro se arvorou todo – paladino da ética que é – ao dizer que seu clube jamais entraria na justiça para contestar o que quer que fosse.

    Referia-se ele à justiça desportiva. Na época, seu arroubo caiu na vala comum das bravatas quando, em menos de meia hora, já pululavam nas redes sociais a lembrança sobre o ajuizamento de ação do Flamengo, tentando recuperar pontos contra um pequeno do Rio, no estadual de 2013.

    Mas se na justiça desportiva era algo impossível, que dirá na justiça comum, que provoca sanções seríssimas até mesmo por parte da FIFA, e que já ocasionou sérios problemas para o futebol brasileiro no passado.

    Hoje o presidente do Flamengo deve evitar entrevistas.

    Um advogado (ou ex advogado recente) do clube, o Dr. Luiz Paulo Pierucetti Marques, ajuizou ação na justiça paulista, obtendo uma liminar que devolveu os pontos ao time da Gávea.

    O Dr. Luiz Paulo é – ou foi recentemente, mas já no período da atual gestão flamenguista – advogado do clube em pelo um menos um processo, esse daqui 0072000-27.2003.5.01.0038, que tramita na justiça do trabalho do Rio de Janeiro e que pode ser conferido aqui http://www.trt1.jus.br/consulta-processual.

    É evidente que quando – e se – perguntados, os dirigentes rubro negros irão dizer que não sabiam de nada, que qualquer torcedor poderia ter entrado com a ação, que isso, que aquilo. Farão cara de indignados e todas as outras acrobacias para provar o improvável, como vêm fazendo desde os tempos das papeletas amarelas.

    Mas o fato, incontestável, é que nem uma criança de colo acreditará que um advogado do (ou que já trabalhou para) clube, com vínculos no mínimo recentes com a diretoria, por conta própria, num ato de heroísmo, tentaria, sozinho, a devolução dos pontos.

    Poucas classes profissionais – até por conhecer os desdobramentos de suas atividades – têm o cuidado que têm os advogados na lida com os interesses de seus clientes. Nesse caso, que pode envolver até a FIFA e paralisar o futebol brasileiro, o cuidado é redobrado.

    Conheço pessoalmente o Dr. Luiz Paulo – é irmão de um amigo que inclusive advoga em vários processos para o Flamengo – e posso assegurar que trata-se de um excelente advogado. Beira o impossível acreditar que faria tudo sem consultar o clube para o qual, na melhor das hipóteses, prestou serviços até menos de um ano atrás.

    Botar um advogado que defende os interesses do clube para ajuizar a ação na justiça comum é ainda mais improvável que botar um jogador suspenso na última rodada.

    Mas parece que o Flamengo conseguiu fazer as duas coisas em menos de um mês.

    Espero que a CBF apure o caso, entenda que a relação advogado x cliente não comporta falta de comunicação entre as partes em matéria tão crucial, que no caso pede exatamente a devolução de pontos perdidos pelo clube (que é o único interessado), e tome as medidas punitivas necessárias.

    E quanto ao ilustre Presidente, resta-nos esperar qual será a próxima bravata.

    “O Flamengo nunca…”

    Abraços tricolores

    CURTAS

    - O post é de extrema importância. Entrar na justiça comum é algo gravíssimo, fora da ética do esporte e contra todas as normas do jogo. A ligação entre advogado e clube é muito grave.

    - o Fluminense precisa tomar medidas que previnam seus direitos. Aguardamos o pronunciamento de nossa diretoria jurídica ou do próprio presidente, advogado que é.

    - em tempo: anotem e me cobrem. A chance do Fluminense disputar a série B ano que vem é ZERO.

    http://globoesporte.globo.com/rj/torcedor-fluminense/platb/2014/01/10/o-flamengo-nunca/

    ResponderExcluir
  83. Então quer dizer que agora um torcedor não pode entrar na justiça comum exigindo seus direitos? O advogado em questão prestou serviços ao Flamengo no ano passado, portanto atualmente ele não é funcionário do clube, é um cidadão comum, torcedor do Fla, sócio que tem direito de ir até a justiça, qualquer que seja o caso. Se for assim, como você disse, vou me travestir de tricolor, acionar a justiça comum em nome do Fluminense, com isso o Flu também seria punido pela FIFA. Em tempo, a FIFA proíbe que a INSTITUIÇÃO, o CLUBE, entre na justiça. Nos autos do processo movido, consta apenas o nome do torcedor, advogado que quis entrar com o recurso. E ponto. E não adianta, qualquer processo na justiça comum, apresentando os argumentos de Portuguesa e Flamengo, a vitória desses será certa.

    ResponderExcluir
  84. Então o torcedor que peça indenização financeira ou o caralho que for, os pontos seriam direito do clube e não de seus torcedores, e, sendo assim, para que estes sejam dados para o clube, o mesmo terá que se pronunciar legalmente sobre isso e aí que ele é pode ser punido pela FIFA (caso concorde em dar prosseguimento da ação)

    ResponderExcluir
  85. Sinceramente, eu acho que isso é só uma balão de ensaio para ver se a CBF vai ceder e fazer um campeonato com 24 clubes, caso contrário a Portuguesa vai disputar a segundona!

    Nem o Flamengo vai sair da Libertadores e nem esta ação vai pra frente, em pouco tempo a CBF bate o pé, derruba o recurso e fala pro pessoal esquecer esta história pq vai dar merda.

    De qualquer forma, o Fluminense está na série A deste ano.

    ResponderExcluir
  86. E o Flamengo também, graças a Portuguesa ter cometido o mesmo erro do Flamengo menos de 24 horas depois deste ter errado. :D

    ResponderExcluir
  87. Flamengo pode ser punido se aceitar a ação movida pelo torcedor?
    "Aí compete à Fifa responder. Ela vai tomar conhecimento das ações e ela faz a análise e vê o que fazer. O histórico dela é de não gostar que vão à Justiça Comum." Palvaras do Presidente do STJD, confirmando essa publicação

    ResponderExcluir
  88. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  89. Obviamente o Flamengo não deve ser punido, pois não teve nada a ver com a ação feita por um torcedor. Agora me digam hipócritas, o que o Fluminense teve a ver com as punições iniciais de Portuguesa e Fla? Pelo que eu saiba não entrou com recurso algum.

    ResponderExcluir
  90. Senhores Gostaria de colocar novamente o texto do estatuto da FIFA para releitura: "As Associações devem inserir uma cláusula em seus estatutos e regulamentos, estipulando que é proibido levar disputas na Associação ou disputas envolvendo Campeonatos, membros de Campeonatos, Clubes, membros de Clubes, jogadores, funcionários e OUTROS à Justiça Comum, exceto se previsto especificamente pelos regulamentos da FIFA. Ao invés de recurso à Justiça Comum, estas disputas devem ser levadas ao tribunal devidamente constituído, sob as regras da Associação ou da Confederação, ou à CAS (Corte Arbitral do Esporte, órgão internacional de justiça desportiva)."... Reparem que coloquei a palavra OUTROS em caixa alta...

    Não vou entrar no mérito se ele é, foi, ou será advogado do Flamengo... vou me prender aos fatos... e o fato que todos estão esquecendo é que na Ação da 42ª Vara Cível de SP o "torcedor" também se declarou "SÓCIO"... vou repetir... "SÓCIO" da Associação Desportiva chamada Clube de Regatas Flamengo... o que o enquadra perfeitamente nos elementos alcançáveis pelo estatuto da FIFA para a punição que se pretende....

    ST

    ResponderExcluir
  91. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  92. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  93. Na verdade o Flamengo se encontra diante de um autêntico e puro DILEMA: Se o Advogado "Torcedor" NÃO REPRESENTA o Clube de Regatas Flamengo, pelo Art 6º do Código de Processo Civil (Art. 6o Ninguém poderá pleitear, em nome próprio, direito alheio, salvo quando autorizado por lei.) ele não pode prosseguir com a ação na Justiça Comum. Se ele for considerado pela Justiça Comum Representante Legal dos Interesses do Clube de Regatas Flamengo, ele pode prosseguir com a ação, mas a FIFA será informada e poderá punir o Flamengo... Como Tricolor estou em dúvida de qual decisão do Flamengo me faria mais feliz...

    ResponderExcluir
  94. Fico muito orgulhoso de ver que vários torcedores flamenguistas sabem ler, vejam bem eu disse "sabe ler" interpretar aí é outra coisa.
    Outra coisa que me chamou muito a atenção, foram alguns comentários falando que o Blog é ridículo, que o escritor é burro e daí para baixo, fico me perguntando: Qual o ser inteligente que perde seu tempo, criticando algo idiota? ou lendo um texto de um autor burro?
    " O macaco quando não alcança a banana, diz para os demais que a banana está podre" repense seus conceitos, talvez algum dos senhores não sejam tão inteligentes quanto pensam.
    Abç

    ResponderExcluir
  95. O Flamengo será intimado (como interessado) para concordar ou não com o pedido do suposto torcedor, e concordando passará a ser parte, aí então se sujeitará as penalidades da FIFA. Será que o jurídico deles fará uma nova burrice? Estamos torcendo que sim, pois será um adeus precoce da Libertadores.

    ResponderExcluir
  96. ST**** Caros Senhores.

    A inevitável queda do poleiro será o prêmio que cedo ou tarde fará justiça à toda manipulação no esporte, na imprensa, nas finanças, enfim, na opinião pública, que os coprófagos da Gávea ainda serão galardoados.

    Um Brasil melhor é um país com menor corrupção, com menos framengu.

    ResponderExcluir
  97. Não há qualquer fundamento no que afirma o Promotor, o advogado da Portuguesa e o advogado do Flamengo (sim, ele sócio do clube e já o defendeu em ação trabalhista contra o Felipe Melo). A Publicidade exigida foi respeitada e o Estatuto do Torcedor não fala em publicação antes dos jogos p/ q a punição tenha validade. Fala em divulgação no site da CBF, mas não estipula prazos. Tem apenas um caráter informativo, não regulamentar.Além disso, o Art. 9º, parágrafo 5º do mesmo Estatuto PROÍBE ALTERAÇÕES nos regulamentos das competições. Não punir Lusa e Flamengo é descumprir os regulamentos da competição... Vamos brincar de Justiça Comum tb, tricolores?

    ResponderExcluir
  98. Não há qualquer fundamento no que afirma o Promotor, o advogado da Portuguesa e o advogado do Flamengo (sim, ele sócio do clube e já o defendeu em ação trabalhista contra o Felipe Melo). A Publicidade exigida foi respeitada e o Estatuto do Torcedor não fala em publicação antes dos jogos p/ q a punição tenha validade. Fala em divulgação no site da CBF, mas não estipula prazos. Tem apenas um caráter informativo, não regulamentar.Além disso, o Art. 9º, parágrafo 5º do mesmo Estatuto PROÍBE ALTERAÇÕES nos regulamentos das competições. Não punir Lusa e Flamengo é descumprir os regulamentos da competição... Vamos brincar de Justiça Comum tb, tricolores?

    ResponderExcluir
  99. SABIA QUE ESSE BOATO SO PODE TER SIDO FEITO EM BLOGS NADA OFIFIAL SE ISSO EXISTISSE O SPORT RECIFE SERIA BANIDO DO FUTEBOL POR CONTA DE 1987 QUANDO ACIONOU O FLA NA JUSTIÇA , E DEPOIS QUEM COLOCOU NA JUSTIÇA FOI O TORCEDOR E NÃO O CLUBE

    ResponderExcluir
  100. Ô TRICOLOR PODE CHORAR, LIBERTADORES É PARA QUEM TEM TRADIÇÃO! A SÉRIE C É O SEU LUGAR !! EU SOU DO CLUBE 32X CAMPEÃO!!!

    ResponderExcluir
  101. Problema da mulambada é que nem traduzindo, desenhando ou com intérprete eles entendem...

    ResponderExcluir
  102. O tópico rendeu bastante e como sempre, muita gente desinformada.
    Se será excluído ou não, eu não tenho idéia, mas gente ligada ao Inter, após o fim do campeonato cheio de marmelada de 2005, entrou na justiça comum. O resultado para quem não lembra ou não sabe do fato, foi esse: ttp://www.douradosnews.com.br/arquivo/conmebol-ameaca-tirar-o-inter-rs-da-libertadores-2006-5d86d073f28fd5a038d946e47e16c1d6
    Não precisou nem de ordem da Fifa, porque a Conmebol não tolera esse tipo de prática.
    Se será o mesmo com o Fla, só o tempo para mostrar, mas é só bobearem para ver.
    Diferente do território brasileiro, onde os grandes clubes recebem a asa de proteção da Globo, devido aos seus interesses comerciais. A Conmebol tolera cada vez menos os times daqui, por isso que não me surpreenderia com a possibilidade de exclusão da competição.

    ResponderExcluir
  103. Bom de ler os mulambos comentando que o advogado que conseguiu a liminar não tem ligação nenhuma com o flamerda, sim são burros mais toda hora já é fora dos limites, só voltar um pouquinho e verão que é o mesmo que no passado já defendeu o flamengo em causas trabalhistas e tem ligações diretas com diretoria rubro negra.

    Flávio Zveiter, Presidente do STJD se pronuncia:

    -"Não tenho como avaliar a conduta do promotor. Se ele acha que tem alguma coisa para investigar, que o faça. Inclusive, que ele investigue quem escalou o atleta irregular. O STJD vai colaborar - afirmou Zveiter."

    STJD e CBF colaborarão com MP-SP e vão agora exigir investigação profunda para averiguar escalação de Heverton!!

    Flamenguistas vocês eram para terem ficados quietinhos!

    A Casa vai cair!

    Estão mexendo numa bomba altamente explosiva, e a Globo não conseguirá segurar, tão começando a deixar até próprio Flamenguista irritado!

    Aliás Marco Mello flamenguista já se pronunciou sobre assunto, ele é Ministro do Supremo Tribunal Federal: " O regulamento tem que ser cumprido, o resto é balela".


    ResponderExcluir
  104. Bom de ler esses postagens desses mulambos é que eles se fazem de malucos, sabedores que o mesmo advogado que entrou com liminar já defendeu o Flamengo em causas trabalhistas e tem ligações diretas com diretoria rubro negra.

    A denúncia já foi enviada à FIFA.

    Nota Oficial STJD:

    "A propositura de ações pulverizadas na Justiça Comum, questionando decisões unânimes tomadas pelo Pleno do STJD no dia 27/12/2013, é um desserviço ao futebol brasileiro. Pode gerar insegurança e instabilidade para a organização de competições, causando sérios prejuízos aos clubes e, sobretudo, aos milhões de torcedores, sem contar os efeitos negativos para a credibilidade do Brasil, às vésperas de sediar uma Copa do Mundo.

    Ao punir atletas e clubes que cometeram infrações previstas no Código Brasileiro de Justiça Desportiva, o STJD apenas cumpriu a lei, exercendo seu papel assegurado pela Constituição Federal.

    Durante o campeonato brasileiro de 2013, em todas as suas séries, os clubes respeitaram as decisões do STJD, particularmente não escalando jogadores suspensos. Portanto, dar interpretação diversa à prevista na lei, para beneficiar alguns poucos clubes que escalaram irregularmente jogadores na rodada final da série A, seria desequilibrar o campeonato, prejudicando a grande maioria, que agiu com lisura e respeitou as regras pré-estabelecidas por consenso.

    Quanto a eventuais decisões judiciais, compete à CBF, entidade nacional de administração do futebol, organizadora das competições, cumpri-las ou recorrer delas."

    ResponderExcluir
  105. Galera dá muito papo pra analflabeto. Fluminense nestas 2 vezes se beneficiou da cagada alheia. Inventam outra porque não sabem ler. falam de moral, porque não se informam, analflabeto não se informa, pois saberiam que disputam pau a pau com o Corinthians o título de mais imundo e imoral da história. pra que discutir sonbre moral com quem não tem moral? pra que discutir vergonha com quem az vergonha dando opinião sobre o que nem leu?

    ResponderExcluir
  106. Aos flamenguistas que ainda se iludem com a história que a mídia conta sobre o episódio do Campeonato Brasileiro de 1987, leitura recomendada:

    A VERDADE SOBRE 1987

    ResponderExcluir
  107. .

    Posso estar chovendo no molhado, e falar agora algo óbvio e
    que todos aqui já saibam, mas em alguns momentos de um
    debate é preciso retornar ao ponto de origem para clarear os
    pensamentos, simplificando-os.

    Gostaria de retornar ao que diz o Art 231 do CBJD (por
    enquanto esse Art não foi afetado pelo Super estatuto do
    torcedor):

    Art. 231. Pleitear, antes de esgotadas todas as instâncias da Justiça Desportiva, matéria referente à disciplina e competições perante o Poder Judiciário, ou BENEFICIAR-SE de medidas obtidas pelos mesmos meios por TERCEIRO.

    PENA: EXCLUSÃO do campeonato ou torneio que estiver disputando e multa de R$ 100,00 (cem reais) a R$ 100.000,00 (cem mil reais). (NR).

    Acho que o texto é bem claro, não importa se o torcedor agiu
    por conta própria, se o Clube beneficiar-se de sua ação,
    estará alcançado por esse Art 231, cuja a pena é exclusão da
    Competição que estiver disputando.

    Creio que a CBF pode cumprir a liminar devolvendo os 4
    pontos do dois clubes, mas ao fazer isso, e esses clubes
    aceitando tal benefício, o STJD os excluíria da competição
    que estiverem disputando (creio que no caso seria o
    Brasileirão 2014), aplicando o Art 231 do CBJD.

    Aqui abro um parenteses para outro trecho do CBJD, § 1º do Art 136:

    § 1º As decisões do Tribunal Pleno do STJD são irrecorríveis, salvo disposição diversa neste Código ou na regulamentação internacional específica da respectiva modalidade.

    Além disso: O Fluminense participou como terceiro
    interessado do julgamento da portuguesa e flamengo, logo
    possui o direito de recorrer ao CAS (Corte Arbitral do
    Esporte, órgão internacional de justiça
    desportiva)denunciando o Flamengo e Portuguesa por
    contrariarem o Art. 231 do CBJD e Estatuto da FIFA.

    Tal ação do Fluminense na FIFA é legítima e não estaria
    sainda da esfera esportiva, sem riscos de sofrer punição.

    Creio que cabe ao nosso novo Diretor Executivo do
    Departamento Jurídico do Fluminense, Sr. Mário Bittencourt,
    sede já reunir documentação para início desse processo.

    ST
    .

    ResponderExcluir
  108. Essa mulambada analfabeta ñ se cansa de fazer merda
    1º escalou jogador irregular perdeu milhões em patrocínio da adidas
    agora entrou com recurso na justiça comum e perdeu a vaga na libertadores
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  109. "Unknown",

    Obrigado por seu último comentário. É óbvio, mas muito importante. Tanto que fiz um post baseado nele:

    Se Fla e Lusa aceitarem os pontos devolvidos, serão excluídos do Campeonato Brasileiro.

    ResponderExcluir
  110. Amigos tricolores, eu queria acreditar nisso, mas acho que nao eh verdade:

    http://zerohora.clicrbs.com.br/rs/esportes/noticia/2005/12/presidente-da-conmebol-diz-que-colorado-disputara-a-libertadores-1026471.html

    ST!

    ResponderExcluir
  111. Será. Sim se o flamengo aceitar o benefício da ação.

    ResponderExcluir
  112. Então o benefício da lei só é dada ao torcedor e não ao clube, pois ele(clube)não entra no mérito. Se aceitar, será punido pela FIFA.

    ResponderExcluir
  113. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  114. Essa sua matéria só esqueceu de mostrar que existe uma exceção no próprio estatuto ao artigo 68.

    A exceção diz que se na constituição do país for previsto o recurso à justiça comum, a FIFA não poderá punir o clube, e o Brasil é o único país do mundo em que a constituição diz claramente que um clube poderá recorrer a justiça comum.

    O artigo 217 da Constituição Federal dita que o poder judiciário admitirá ações relacionadas ao deporto após estarem esgotadas as instâncias da Justiça desportiva.
    Portanto argumento derrubado.

    ResponderExcluir
  115. Rodrigo Bahiense, sua linha felizmente nao se aplica pois a ultima instancia esportivas eh o CAS, o Conselho da FIFA.

    ResponderExcluir
  116. Eu, torcedor dda Seleção Brasileira, do Santos e do Santa Cruz disponho-me a dar o meu nome para que algum advogado queira entrar com um Recurso que fa;ca valer o meu Direito de Torcedor, de ver o resultado do campo de jogo prevalecer, haja vista que na site da CBF, até o início dos jogos do Domingo , ultima rodada do Brasileiro, nenhuma comunicação foi feita, para nós torcedores, de que quaisquer dos jogadores citados nas punições à Portuguesa e ao Flamengo, o que poderia evitar ou incentivar a ida ou a recusa de compra de ingressos, para os jogos que os mesmos acabaram participando.
    Quando eu souber que o Santos terá um jogador suspenso, e que é punido, no caso é o torcedor, a minha vontade de ir ao estádio diminui. Creio que somente as televisões lucram com tais punições. Na NBA, dificilmente ele privariam o publico de seus artistas, mas quando merecem punições, elas se fazem de maneira pecuniária. Mas como estamos falando de um País do Terceiro Mundo, creio que ainda vamos continuar criando regras que só nos afundam na incompetência.
    O que existe nisso tudo aí é OPORTUNISMO. Ou foi tudo combinado , antes?

    ResponderExcluir
  117. Só agora eu vi que se trata de um site de tricolores. Cada um puxando para o seu prato, como de costume. O resultado do campo não vale mais nada. Mas não estão errados, não. É só assim mesmo que no triste futebol brasileiro as coisas andam.

    ResponderExcluir
  118. Sim. Ainda é possível entrar com recurso no CAS, ou seja, obviamente seria muito complicado para a FIFA, ainda se tratando de um ano de Copa do mundo no Brasil, proibir ao Flamengo de participar de competições internacionais, até porque estamos falando do maior clube do Brasil, com uma enorme torcida em todas as sedes da copa.
    A FIFA não pode se sobrepor a carta magna de um país e por isso a exceção ao artigo 68.

    ResponderExcluir
  119. A vocês que estão aí clamando pelo "resultado de campo": vocês também defendem que as conquistas do ciclista Lance Armstrong, obtidas sob efeito de doping, sejam mantidas? Afinal, ele obteve os resultados na pista... Foram os malditos tribunais que cassaram as medalhas do pobre coitado...

    Entendam: o resultado de campo só é válido se as regras pré-estabelecidas foram cumpridas. E no caso de Portuguesa e Flamengo, ELAS NÃO FORAM. Ambos escalaram atletas suspensos, num flagrante desrespeito ao regulamento do Campeonato.

    Tão flagrante que ambos foram humilhantemente derrotados no STJD, por 5 votos a 0 na primeira instância, e por 8 votos a 0 na segunda instância.

    Portanto, o Fluminense obteve sim, de forma legítima E EM CAMPO uma das 20 vagas do Campeonato Brasileiro de 2014.

    Quem está agindo fora de campo são Flamengo e Portuguesa, apelando para a Justiça Comum, que é proibida de se intrometer em questões esportivas pela FIFA, pela CBF e pela Constituição Federal do Brasil.

    Eu é que estou clamando pela manutenção do resultado de campo. Vocês, mesmo que involuntariamente, estão querendo virar a mesa.

    ResponderExcluir
  120. Caro Rodrigo Bahiense,

    Desça do seu pedestal, pois, como bem escreveu o Evandro, você não conseguiu derrubar meu argumento, já que as instâncias desportivas NÃO FORAM ESGOTADAS, ainda havendo possibilidade de recurso à Corte Arbitral do Esporte (CAS).

    A FIFA, quando proíbe recursos à Justiça Comum, não está se sobrepondo à Constituição Federal Brasileira, muito pelo contrário, está corroborando o que diz o Art. 217 da mesma, em seu parágrafo primeiro:
    "O Poder Judiciário só admitirá ações relativas à disciplina e às competições desportivas após esgotarem-se as instâncias da justiça desportiva, regulada em lei."

    Quanto à sua argumentação de que "a FIFA não pode mexer com o Flamengo porque ele é o maior clube do país", prefiro não falar nada. É a típica "carteirada", instância da corrupção que destrói nosso país.

    Estou torcendo para Flamengo e Portuguesa desistirem dessa sujeira de apelar para a Justiça Comum. Mas que seria legal ver o Flamengo comprar a briga com a FIFA, seria. Vocês iriam finalmente perceber que não são tão "grandes" quanto pensam...

    ResponderExcluir
  121. Isso aqui é blog de tricolor? só pode.... Quando o comentário fala contra é retirado kkkkkk

    ResponderExcluir
  122. Helponline,

    Há vários comentários "falando contra" que não foram retirados, inclusive os seus.

    Os excluídos foram apenas os que fugiram às regras do blog, faltando com educação e respeito.

    ResponderExcluir
  123. E já que você é um dos que está defendendo o rebaixamento do Fluminense "em nome da manutenção do resultado de campo", repito meu comentário:

    A vocês que estão aí clamando pelo "resultado de campo": vocês também defendem que as conquistas do ciclista Lance Armstrong, obtidas sob efeito de doping, sejam mantidas? Afinal, ele obteve os resultados na pista... Foram os malditos tribunais que cassaram as medalhas do pobre coitado...

    Entendam: o resultado de campo só é válido se as regras pré-estabelecidas foram cumpridas. E no caso de Portuguesa e Flamengo, ELAS NÃO FORAM. Ambos escalaram atletas suspensos, num flagrante desrespeito ao regulamento do Campeonato.

    Tão flagrante que ambos foram humilhantemente derrotados no STJD, por 5 votos a 0 na primeira instância, e por 8 votos a 0 na segunda instância.

    Portanto, o Fluminense obteve sim, de forma legítima E EM CAMPO, uma das 20 vagas do Campeonato Brasileiro de 2014.

    Quem está agindo fora de campo são Flamengo e Portuguesa, apelando para a Justiça Comum, que é proibida de se intrometer em questões esportivas pela FIFA, pela CBF e pela Constituição Federal do Brasil.

    Eu é que estou clamando pela manutenção do resultado de campo. Vocês, mesmo que involuntariamente, estão querendo virar a mesa.

    ResponderExcluir
  124. E já que você se diz torcedor do Santa Cruz, e está defendendo a não-punição à escalação de atleta irregular, imagine que o Sampaio Corrêa tivesse escalado Messi e Cristiano Ronaldo na decisão da Série C desse ano, e o time maranhense tivesse derrotado o seu Santa Cruz e levantado o título.

    Você estaria defendendo "a manutenção do resultado de campo"???

    Hein???

    Pimenta só arde nos outros, né?

    ResponderExcluir
  125. Olá a todos, lí todas as colocações, umas inteligentes outras era de se esperar... uma coisa sei e todos sabem, quem fez a primeira besteira está tentando defender o que fez a segunda. Sempre estão tentando se esconder atrás do jargão "pague a série c", mais é de se esperar para o "tipinho de torcida". A verdade está na cara de todos, não enxergam pq não querem, o medo de enfrentar novamente o Flusão é tão grande que ficam se pegando nisso, em 2013 deu tudo errado para o Flusão, muitos se deram bem em cima dele, inclusive esse timeco que precisa de meios de comunicação entre outras coisas para se dar bem... isso já sabemos analisando várias situações, sempre beneficiado de alguma maneira, os mulambos do rio e os gambás de sampa... segundona do carioca vc´s mudam sempre de assunto, segundona do brasileiro vc´s mudam de assunto, a palhaçada que aconteceu no cam. br. que os levaram a libertadores, vc´s mudam de assunto... sempre assim... VC´S SE MERECEM....
    SDS TRICOLORES...

    ResponderExcluir
  126. É fato, aceitem, foi uma virada de mesa a favor do fluminense, ja aconteceu isso varias vezes, se lerem o regulamento ( A Resolução de Diretoria (RDI) 05/2004 da CBF determina que suspensões automáticas não podem ser transferidas de uma competição para outra. Assim, de acordo com entendimento do STJD já aplicado em casos semelhantes, ficam extintas as punições com o encerramento do torneio em que houve a expulsão. se ficam extintas as punições, nao teria que haver julgamento

    ResponderExcluir
  127. Fabio, "virada de mesa" ocorre quando o regulamento do Campeonato não é cumprido, de modo a beneficiar um ou mais clubes com alguma benesse injusta.

    O regulamento foi estritamente cumprido. Logo, não houve virada de mesa alguma. O Fluminense jogará a Série A de 2014 porque é um dos 20 clubes legitimamente habilitados a disputá-la.

    Quanto ao caso André Santos: a resolução de 10 anos atrás, que você traz à tona, não é mais válida. A regra mudou, a suspensão passa, sim, de uma competição para a outra, e o Flamengo cometeu um erro infantil ao escalar o atleta suspenso. Resultado: perdeu 4 pontos, terminou o Campeonato em 16º lugar, e só foi salvo do rebaixamento graças ao "descuido" da Portuguesa.

    Que clube sortudo...

    ResponderExcluir

Regras para postar comentários:

I. Os comentários devem se ater ao assunto do post, preferencialmente. Pense duas vezes antes de publicar um comentário fora do contexto.

II. Os comentários devem ser relevantes, isto é, devem acrescentar informação útil ao post ou ao debate em questão.

III. Os comentários devem ser sempre respeitosos. É terminantemente proibido debochar, ofender, insultar e/ou caluniar quaisquer pessoas e instituições.

IV. Os nomes dos clubes devem ser escritos sempre da maneira correta. Não serão tolerados apelidos pejorativos para as instituições, sejam quais forem.

V. Não é permitido pedir ou publicar números de telefone/Whatsapp, e-mails, redes sociais, etc.

VI. Respeitem a nossa bela Língua Portuguesa, e evitem escrever em CAIXA ALTA.

Os comentários que não respeitem as regras acima poderão ser excluídos ou não, a critério dos moderadores do blog.