quarta-feira, 28 de outubro de 2009

Recordar é viver - Campeão Brasileiro de 1970

Amigos, foi ao ar hoje mais uma crônica deste escriba no Pavilhão Tricolor. Nela, descrevo o jogo Fluminense 1 x 1 Atlético/MG, disputado no Maracanã, no dia 20/12/1970. Pela primeira vez, um clube carioca se sagrava Campeão Brasileiro de futebol.

Que saudade!

Rio de Janeiro, 20 de dezembro de 1970.


Amigos, foi sofrimento, foi medo, foi alegria. Foi uma festa de mais de cem mil torcedores, debaixo do temporal que castigou a Cidade Maravilhosa. Mas o Maracanã é um caldeirão de paixão, de modo que ninguém sentia a chuva nas arquibancadas, gerais e cadeiras.


O Atlético Mineiro, do técnico Telê Santana, lutou muito, e assim valorizou o título do Fluminense. O quadro de Minas Gerais era o time inteligente de sempre, explorando cada espaço, procurando fechar todo o seu campo.


Foi um dos grandes dias do Estádio Mário Filho. Quando o Fluminense adentrou o gramado, aconteceu a tempestade de pó-de-arroz, entremeada pelas bandeiras tricolores. As faixas nas arquibancadas incentivavam os onze guerreiros: Força, Flu e Pra frente, Máquina. Os nomes dos craques também foram entoados, um a um: Félix, Oliveira, Galhardo, Assis, Marco Antônio, Denilson, Didi, Cafuringa, Cláudio, Mickey e Lula. A torcida tricolor também não se esqueceu dos ausentes Flávio e Samarone, tão importantes na trajetória do Torneio Roberto Gomes Pedrosa.


Começa o jogo, e o Fluminense se lança todo para o ataque, apesar de o empate já bastar para o título. Os gritos de Flu-mi-nen-se vindos da arquibancada lotada empurram o Tricolor à frente. Aos trinta minutos do primeiro tempo, vem o centro preciso de Didi, e a cabeçada certeira de Mickey. Fluminense 1 a 0. A Taça de Prata abria largo sorriso: a encantadora possibilidade de envelhecer na Rua Álvaro Chaves era cada vez mais concreta.


As cem mil vozes do Maracanã continuavam a entoar os cânticos: Olê, olá, o Fluminense tá botando pra quebrar. Chegava de São Paulo a notícia de que o Palmeiras ia enfiando seus gols no Cruzeiro. Mas isso pouco importava aos tricolores: bastava ao Fluminense não perder, para conquistar o Campeonato Brasileiro.


No início do segundo tempo, a linha defensiva tricolor se descuida e Vaguinho empata. É o destino: as grandes vitórias do Fluminense sempre precisam de um caráter dramático, uma dimensão épica. Os quarenta e cinco minutos seguintes transcorreram lentamente, demonstrando que o tempo é relativo para o torcedor de futebol. Porém, a cada minuto que passava, mais perto o Tricolor ficava da suprema glória do futebol brasileiro. Quando José Faville Neto apitou o final do jogo, o Maracanã explodiu de alegria.


Minutos depois, veio o momento mais aguardado de toda a competição. Peito atravessado pela faixa de campeão, rosto molhado de lágrimas, o capitão Denilson repetiu o gesto de Bellini, erguendo a Taça de Prata. Seis meses após o tri da Seleção no México, o Fluminense se sagrava campeão brasileiro.


Pela primeira vez, um clube carioca conquistava o certame nacional. O verde, o branco e o grená tomaram conta do Rio de Janeiro, na festa que se prolongou madrugada adentro. No dia seguinte, a imprensa, que passou todo o campeonato duvidando do Fluminense, finalmente se rendeu. Todos os jornais e revistas exaltaram a merecida conquista tricolor.


PC

***

Ficha técnica: Fluminense 1 x 1 Atlético/MG.
Última rodada do quadrangular decisivo do Campeonato Brasileiro de 1970.

Data: 20/12/1970.
Local: Maracanã (Rio de Janeiro).
Árbitro: José Faville Neto.
Fluminense: Félix; Oliveira, Galhardo, Assis e Marco Antônio (Toninho); Denilson e Didi; Cafuringa, Cláudio, Mickey e Lula. Técnico: Paulo Amaral.
Atlético/MG: Renato; Nélio (Zé Maria), Humberto, Vantuir e Oldair; Vanderlei e Humberto Ramos; Ronaldo, Lola, Vaguinho e Tião. Técnico: Telê Santana.
Gols: Mickey aos 30' do primeiro tempo; e Vaguinho aos 2' do segundo tempo.
Público: 112.403 pagantes.
Renda: Cr$ 535.419,50.

Extra: o gol de Mickey!

Extra: a capa da Placar!

Extra: a matéria da Placar!
Extra: os documentos comprovando que a CBD considera a Taça de Prata de 1970 como legítimo Campeonato Brasileiro.

Extra: os heróis da conquista!

Agradecimentos:
- Alexandre Magno Barreto Berwanger.
- Luizinho, do Flumemória.
- Marcelo Pitanga.
- Natália Linha.

Fontes de pesquisa:
[1] Revista Placar de 23/12/1970.

42 comentários:

  1. Em 70 não teve Campeonato Brasileiro. O Flu foi o Campeão do Brasil em 70, o que quer que isso seja. Mas não foi Campeão Brasileiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quanta ignorância! O titulo brasileiro de 70,do Flu,para mim,é mais importante do que o de 84,2010,2012.Por um simples motivo:o Foi enfrentou o Santos de Pelé, Carlos Alberto, Edu,Clodoaldo;São Paulo,de Gérson; Cruzeiro,de Tostão, Dirceu Lopes;Botafogo,de Jairzinho,Paulo César; Palmeiras, de Ademir da Guia.Enfim,vários times fortíssimos. Mas,é melhor ouvir besteiras,do que ser surdo!

      Excluir
  2. É impressionante ver tricolor dizendo que o Flu não foi campeão brasileiro de 70...

    Campeão do Brasil é campeão brasileiro, Amaro!

    Se a CBF não considera, ela que se exploda junto com seu tradicional amadorismo!!!

    Campeonato IDÊNTICO ao de 71...é brasileiro, questão de lógica.

    ResponderExcluir
  3. Quem não considera o Flu campeão brasileiro de 70 não pode considerar fla campeão mundial...

    ResponderExcluir
  4. Considero o Flu campeão brasileiro de 1970.

    ResponderExcluir
  5. Rafs, por que vc diz isso?

    O que qualifica o time como campeão brasileiro do ano?

    O nome do campeonato?

    Bom, se for isso, saiba que o Campeonato Brasileiro só passou a ser chamado assim a partir de 1989. Antes teve os mais diversos nomes, entre eles Taça de Prata, Copa Brasil, Copa União, entre outros.

    O Fluminense é, sim, campeão brasileiro de 1970. Pergunte a alguém que viveu a época quem foi o campeão brasileiro.

    Não é questão de considerar. A Taça de Prata de 1970 foi o Campeonato Brasileiro. Isto é um fato.

    ResponderExcluir
  6. Rafs,

    E se você se baseia na não-consideração da CBF, então nesse caso você admite que o Flamengo não é o campeão de 1987.

    ResponderExcluir
  7. Comentários no site do Pavilhão Tricolor:

    1 Quarta, 28 Outubro 2009 06:48 José Maurício Rodriguez y Rodriguez

    Sabe o que mais dá saudade? O que não vejo mais? Cafuringa e Lula (e outros do Flu e de outros times - me vem logo à cabeça, Jairzinho do botafogo e Julio Cesar do Fla de 81). Partiam para cima do adversário, passavam por ele e, normalmente, pelo da cobertura e faziam centros precisos (não os chutões para o meio da área que temos com os jogadores de hoje em dia) que acabavam na cabeça do centro avante que só "cumprimentava" o goleiro.
    Hoje, ao receber uma bola esticada, a PRIMEIRA coisa que os laterais e atacantes fazem é parar a jogada e olhar para quem tocar, atrasando a jogada. Passem a observar isso (e volto a dizer, em QUALQUER jogo). Um ou outro escapa dessa mediocridade reinante.

    2 Quarta, 28 Outubro 2009 12:53 Marco Aquino

    Essa é uma das vantagens de se ter uma "certa" idade. Eu estava lá. Testemunha ocular da história.

    Mickey com seu gesto do "V" em cada gol, Cafuringa entortando o lateral esquerdo, qualquer um que fosse, Oliveira e Marco Antônio,laterais que passavam grande parte do jogo na linha de fundo do adversário, eita saudade!!!

    3 Quarta, 28 Outubro 2009 13:59 Gustavo Castro

    que pena que o "Brasileiro" só começou oficialmente em 71, por 1 aninho não somos considerados bi-campeões

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na verdade,o brasileiro, começou a partir de 67,com a instituição do Roberto Gomes Pedrosa.Em 87,o brasileiro teve o nome de Copa União, e em 2000,Copa João Havelange, e nem por isso,deixou de ser o brasileiro.

      Excluir
  8. 4 Quarta, 28 Outubro 2009 14:38 Eduardo Nascimento

    Mais um ótimo post. O negócio é recordar, galera, só não sei se pra rir ou pra chorar. Vejam só a técnica e a vitalidade do Branco no cruzamento pro primeiro gol deste jogo: http://video.globo.com/Videos/Player/Esportes/0,,GIM1108213-7824-EM+FLUMINENSE+VENCE+O+VASCO+POR+A+PELA+TACA+GUANABARA,00.html
    Sem falar no complemento do Aldo. Dava até pra perdoar o frango do Paulo Victor. Que saudade que vou sentir do JP e do Ruy!

    5 Quarta, 28 Outubro 2009 15:24 Zeca Pereira

    Nós, tricolores, somos BI-CAMPEOES (1970 e 1984). O torneio Roberto Gomes Pedrosa era o Brasileiro da época!

    Este tema ja foi discutido pelo PVC e Mauro Cezar e é polêmico.

    6 Quarta, 28 Outubro 2009 17:51 Paulo Cezar da Costa Martins Filho

    Obrigado a todos pelos comentários.

    Para mim, não há polêmica alguma: a Taça de Prata foi o Campeonato Brasileiro de 1970, e ponto final. Quem viveu a época sabe disso.

    Não é questão de considerar (como a discussão se a Copa Rio de 1952 é um Mundial Interclubes). A Taça de Prata simplesmente é o Campeonato Brasileiro.

    Tanto que Fluminense e Palmeiras disputaram a Libertadores de 1971, como campeão e vice.

    Tanto que o Brasileiro de 1971 teve exatamente as mesmas regras, e o mesmo número de times.

    ResponderExcluir
  9. 7 Sábado, 31 Outubro 2009 23:39 Ivo

    Achei excelente a matéria, entretanto existe um reparo.É impossível falar deste campeonato sem mencionar o nome Flávio. Foi o artilheiro do time e por um gol - não pode disputar os três últimos jogos - não foi do campeonato. Flávio na primeira fase fez três gols no Palmeiras em pleno Parque Antártico. Flávio foi um dos maiores centroavantes da Históri do Fluminense.

    8 Domingo, 01 Novembro 2009 01:21 Paulo Cezar da Costa Martins Filho

    Ivo, obrigado pelo elogio e pelo alerta. Mas eu mencionei o Flávio, junto com o Samarone, como dois jogadores fundamentais para a campanha, embora não estivessem presentes nesse último jogo.

    ST,
    PC

    ResponderExcluir
  10. 9 Segunda, 02 Novembro 2009 22:09 Ivo

    É verdade PC, você havia mencionado. Eu procurei apenas ressaltar o papel do Flávio naquele grande time: sem ele não teríamos sido campeões. Um dado interessante para a História do Fluminense. Todos nós crescemos ouvindo falar na Máquina tricolor de 1975-76, eu, que tenho mais de 40 anos, vi este time ao vivo e a cores. Do time de 70 tenho vagas lembranças. Recentemente comprei na Feira da Praça XV um exemplar da revista Placar relativa a primeira rodada da fase decisiva do Roberto Gomes Pedrosa de 70 (Fluminense x Palmeiras e Cruzeiro x Atl-MG)a minha surpresa foi ler na matéria a menção a maior faixa na torcida tricolor: O Flu é uma Máquina. Ou seja, em 1975 estavam retomando, com toda a razão, um apelido que foi dado ao time campeão em 69, 70 e 71. Rev. Placar n. 40 18 de dez de 1970. Fica o registro.

    ResponderExcluir
  11. 10 Terça, 03 Novembro 2009 14:30 Paulo Cezar da Costa Martins Filho

    Ivo, você tem toda a razão. Flávio foi o grande nome do Brasileiro de 1970.

    E o Flu era, sim, uma Máquina.

    Obrigado pelo registro.

    PC

    ResponderExcluir
  12. 11 Terça, 03 Novembro 2009 16:45 Cesar Augusto de Lima Brandao Guimaraes

    Gostaria que minha filha, hoje com 3 anos, tenha lembranças como essas, de títulos expressivos como o Brasileiro de 1970, para contar para seus filhos e netos, mantendo vivo o amor pelo Fluminense.

    ResponderExcluir
  13. SAUDAÇÕES TRICOLORES E AVISO AOS RAFS DA VIDA...CAMPEÃO BRASILEIRO DE 1970 E FIM DE PAPO.O OBJETIVO DE VCS É UM DIA SER¨¨F.F.C¨¨,NUNCA SERÃO...SÓ SE REINVENTAREM A HISTÓRIA DO FUTEBOL NO BRASIL DE CABEÇA PRA BAIXO...

    ResponderExcluir
  14. PC, um tanto atrasado, mas ainda na hora: o Fluminense é Campeão Brasileiro de 1970!!!
    Se o título de 1970 não vale por causa do tipo de disputa, sei lá, o flamengo também não pode ser considerado campeão mundial de clubes, pois disputou apenas contra o campeão da Europa e não pelos campeões de todos os continentes, nos moldes de hoje. Certo?
    Sds,
    Leandro

    ResponderExcluir
  15. Leandro,

    Eu sinceramente não sei o motivo de os órgãos de imprensa e a própria CBF ignorarem os campeonatos de 1967 a 1970.

    O modo de disputa era o mesmo de 1971, os clubes que disputaram eram praticamente os mesmos, a organização do torneio foi da CBD, o campeão e o vice foram para a Libertadores... enfim...

    A Taça de Prata é o legítimo e insofismável Campeonato Brasileiro de 1970.

    Abraços,
    PC

    ResponderExcluir
  16. Essa discussão não tinha que existir, porque as coisas são óbvias. Da mesma forma que amarelo é amarelo, mesmo que alguém lhe chame vermelho, o Fluminense é campeão brasileiro de 1970 e pronto. Não é questão de considerar. É fato consumado.

    ResponderExcluir
  17. saudações tricolores...acho engraçado torcedores de outros clubes preocupados com os nossos títulos quando seus clubes se apoderam de títulos alheios...
    1970 é real,1987 é sonho,ilusão e com certesa não é real...o flu é o início de tudo,campeão brasileiro mesmo antes do campeonato brasileiro e isto deixa os invejosos decontrolados...

    ResponderExcluir
  18. Este post foi divulgado pelo grande Marcelo Janot no twitter.

    ResponderExcluir
  19. Se o FLU não é campeão Brasileiro de 1970, o Fla também não é campeão de 86 e o Vasco de 2000, pois em ambos os casos não tivemos o "Campeonato Brasileiro". Em 86 tivemos a Copa União e em 2000 a Copa João Havelange.

    O regulamento de 71 foi igual ao de 70. Porque então considerar apenas campeões Brasileiros os que ganharam a partir de 1971? Em 70 o Brasil foi Tri Campeão Mundial e não tinha um campeonato nacional de clubes???

    Se Deus quiser, FLUZÃO TRI Campeão Brasileiro no próximo dia 5/12!

    Saudações Tricolores!

    ResponderExcluir
  20. Sou flamenguista e concordo que o Flu foi campeão Brasileiro de 1970. Como foi dito, é uma questão lógica, tanto quanto o título do Flamengo em 1987 - ambos não tem reconhecimento oficial da CBF mas foram ganhos em campo. Discordo apenas que o Fluminense foi o primeiro carioca, já que o Botafogo ganhou a Taça Brasil de 1967.

    ResponderExcluir
  21. Um argumento real posto aqui no site é que o nome "Campeonato Brasileiro" é apenas de 1989. Deveríamos resgatar a nossa história considerando desde o Bahia em 1959, ganho em cima do Santos de Pelé.

    P.S.: Agora, não faz sentido também um tricolor não reconhecer o título de 1987 do Flamengo, quando o Fluminense jogou o torneio.

    ResponderExcluir
  22. O PC já falou, mas gostaria de reforçar o fato de que o Fluminense foi para a Libertadores de 1971, o que só ratitica o título de 1970.

    ResponderExcluir
  23. Sobre a Taça Brasil, não era Campeonato Brasileiro, mas sim uma espécie de Copa do Brasil.

    ResponderExcluir
  24. Sou tricolor esse negócio que o Fluminense é bi surgiu um dia desses porque nunca tinha ouvido falar nisso! Tem mil torneios que sao considerados brasileiros antes desse mas mesmo assim nao era Brasileirão. Se for ficar no é ou não é, fica uma palhaçada. O primeiro brasileiro foi em 71 e quem ganhou foi o Atletico! Acho mesquinharia ficar ganhando torneio no grito. Parece coisa de torcedor do Flamengo.

    ResponderExcluir
  25. Dimitreze, aconselho que você se informe melhor.

    O Fluminense foi, sim, o campeão brasileiro de 1970.

    O Campeonato Brasileiro começou em 1967. A CBF e a imprensa, no meio da década de 70, é que resolveram "apagar" os quatro primeiros campeonatos, por algum motivo misterioso.

    INFORME-SE. Não acredite em tudo que a imprensa diz. Porque a imprensa, sim, é rubro-negra...

    ResponderExcluir
  26. Eu me informei, a questao nao é essa. Eu conheco historia do futebol brasileiro bem. So nao acho que ficar reinvidicando essas coisas legais. Argumentos podem ter de todos os tipos e de todos os lados. A questao é que oficialmente o Brasileirao comecou em 71. O Fla nao foi campeao em 87 e o Vasco foi em 2000. Podem brigar a vontade mas essa é a verdade. Sou tricolor e vou gritar BI domingo com muito orgulho!

    ResponderExcluir
  27. Aliás, se os documentos oficiais da CBD expostos nesse post não são suficientes para você acreditar na validade do Campeonato Brasileiro de 1970, sugiro que veja esse aqui.

    O que dizer de um documento da CBD datado de 1972, com o nome "Progresso do Campeonato Nacional", começando a tabela em 1967?

    É, parece que George Orwell inspirou uma galera aí...

    ResponderExcluir
  28. Dimitreze, repito: o Campeonato Brasileiro NÃO COMEÇOU OFICIALMENTE EM 1971, MAS SIM EM 1967. No link que postei acima, está a prova irrefutável.

    Pode gritar bicampeão, que vai gritar sozinho. A torcida está bem informada, e gritará, sim, TRICAMPEÃO.

    ResponderExcluir
  29. Nao tem problema, eu grito só! Pelo menos nao sou iludido e tenho orgulho do meu tricolor sem um titulo chorado.
    Note que nao estou tirando merito dos jogadores que ganharam o titulo de 70! Otimo! Mas que não é brasileirao, não é!

    ResponderExcluir
  30. Amigo, a CBF é simplesmente a continuação da CBD. Muda só o nome.

    Assim como os Campeonatos de 1967 a 1970, os Campeonatos de 1971 até 1978 também foram organizados pela CBD, que depois se tornou CBF.

    Queria ouvir UM argumento seu para dizer que 1970 não era Brasileirão.

    Uma vez que:
    - a imprensa tratou como o Campeonato Brasileiro é tratado hoje.
    - o público idem (na final, exposta nesse artigo, havia 112.403 pessoas no Maracanã).
    - Fluminense e Palmeiras, campeão e vice, jogaram a Copa Libertadores de 1971.
    - todos os grandes clubes brasileiros participaram.
    - o Campeonato FOI ORGANIZADO PELA CBD.

    E aí? Foi ou não foi Brasileiro?

    ResponderExcluir
  31. - todos os grandes clubes brasileiros participaram.
    - o Campeonato FOI ORGANIZADO PELA CBD.

    - a imprensa tratou como um titulo brasileiro na epoca porque nao sabia o que viria a se tornar o verdadeiro campeonato brasileiro. E hoje nao é unanimidade. Vi hoje o Redação SporTV e até o Nelson Motta que é tricolor nao tem essas conviccoes todas.
    - publico vai ate pra Sulamericana, isso nao quer dizer nada.
    - a formula de se entrar em Libertadores sempre foi uma palhacada naquela epoca. Os clubes brasileiros nao davam tanto valor a esse torneio por motivos que nao vou dizer aqui. So a partir da decada de 80 que a libertadores foi ter um respaldo maior.
    - os grandes clubes participam da Copa do Brasil hoje em dia mas nem por isos o campeao é o campeao brasileiro.
    - mesmo argumento anterior. A CBD organizando nao ratifica nada.

    Portanto, não é brasileiro. Quando a CBF disser que os clubes que ganharam esses titulos de 67 a 71 sao legitimos campeoes brasileiros eu me dou por satisfeito. Voce entao fique nas suas teorias bobas de conspiracao que eu quero mais é ver o meu Flu ser bi porque o time ta lindo esse ano e pra ver se apaga o gosto amargo de ter perdido a Libertadores de 2008!!

    ResponderExcluir
  32. Já que os DOCUMENTOS OFICIAIS não te convenceram, sugiro que leia o livro do conceituado jornalista Roberto Sander, "Taça de Prata 1970 - O Campeonato Brasileiro mais difícil de todos os tempos, vencido pelo Fluminense".

    Se depois de lê-lo, você continuar achando que não foi um Campeonato Brasileiro, desisto, você é um caso perdido.

    Em tempo: sugiro que você pesquise os regulamentos dos Campeonatos de 1970 e 1971, e os compare. Vou te adiantar que não verá muita diferença, não...

    ResponderExcluir
  33. CAMPEONATO BRASILEIRO DE 1970 - CAMPANHA DO CAMPEÃO

    Primeira fase

    Fluminense 1 x 0 Corinthians (SP), 26/09/1970
    Fluminense 2 x 1 Cruzeiro (MG), 03/09/1970
    Fluminense 2 x 1 Grêmio (RS), 07/10/1970
    Fluminense 3 x 0 America (GB), 11/10/1970
    Bahia (BA) 1 x 0 Fluminense, 14/10/1970
    Santa Cruz (PE) 0 x 1 Fluminense, 18/10/1970
    Fluminense 1 x 1 São Paulo (SP), 22/10/1970
    Internacional (RS) 2 x 0 Fluminense, 25/10/1970
    Fluminense 3 x 1 Vasco (GB), 01/11/1970
    Fluminense 6 x 1 Ponte Preta (SP), 04/11/1970
    Palmeiras (SP) 0 x 3 Fluminense, 07/11/1970
    Fluminense 1 x 1 Botafogo (GB), 12/11/1970
    Santos (SP) 1 x 0 Fluminense, 18/11/1970
    Flamengo (GB) 1 x 1 Fluminense, 22/11/1970
    Atlético (MG) 3 x 1 Fluminense, 29/11/1970
    Atlético (PR) 1 x 1 Fluminense, 06/12/1970

    Quadrangular final

    Fluminense 1 x 0 Palmeiras (SP), 13/12/1970
    Cruzeiro (MG) 0 x 1 Fluminense, 16/12/1970
    Fluminense 1 x 1 Atlético (MG), 20/12/1970

    Amigos, isto é ou não é o Campeonato Brasileiro?

    ResponderExcluir
  34. - http://www.youtube.com/watch?v=O_dXuDAxjvg
    - http://www.youtube.com/watch?v=XiB2mNiXCNM
    - http://www.youtube.com/watch?v=hLL3bT6PoQU

    Oficial.

    ResponderExcluir
  35. Mais comentários no Pavilhão Tricolor:

    12 Terça, 07 Dezembro 2010 13:16 SAMUCÃO
    FLUZÃO CAMPEÃO BRASILEIRO DE 2010 PARABÉNS


    13 Terça, 07 Dezembro 2010 19:29 Tricampeão
    Nós somos tricampeões 1970-1984-2010

    ResponderExcluir
  36. Publicou O Estado de São Paulo, de 22/12/1970, pág.32: Mais de 130.000 pessoas - 112.403 que pagaram ingressos e mais de 20 mil que entraram de graça - proporcionando a renda recorde de Cr$ 525.419,50, assistiram ao jogo entre Fluminense e Atlético Mineiro...

    ResponderExcluir

Regras para postar comentários:

I. Os comentários devem se ater ao assunto do post, preferencialmente. Pense duas vezes antes de publicar um comentário fora do contexto.

II. Os comentários devem ser relevantes, isto é, devem acrescentar informação útil ao post ou ao debate em questão.

III. Os comentários devem ser sempre respeitosos. É terminantemente proibido debochar, ofender, insultar e/ou caluniar quaisquer pessoas e instituições.

IV. Os nomes dos clubes devem ser escritos sempre da maneira correta. Não serão tolerados apelidos pejorativos para as instituições, sejam quais forem.

V. Não é permitido pedir ou publicar números de telefone/Whatsapp, e-mails, redes sociais, etc.

VI. Respeitem a nossa bela Língua Portuguesa, e evitem escrever em CAIXA ALTA.

Os comentários que não respeitem as regras acima poderão ser excluídos ou não, a critério dos moderadores do blog.