sexta-feira, 9 de dezembro de 2011

História - Fluminense na Copa Libertadores

Boca Juniors x Fluminense, em Avellaneda (2008).


Em 2021, o Fluminense disputa pela sétima vez em sua história a Copa Libertadores da América. As participações anteriores foram em 1971, 1985, 2008, 2011, 2012 e 2013. Em 2008, após uma campanha memorável, com 9 vitórias em 14 jogos, o clube de Laranjeiras terminou com o vice-campeonato.

Ao todo, o Tricolor já fez 63 jogos pela competição continental, tendo obtido 31 vitórias, 15 empates e 17 derrotas, com 92 gols-pró e 64 gols-contra.

I) Copa Libertadores da América 1971
Primeira fase: quadrangular com Palmeiras, Deportivo Galícia e Deportivo Itália:
29/01/1971 - Pacaembu (São Paulo) - Palmeiras 0, Fluminense 2 (Flávio 2)
14/02/1971 - Olímpico (Caracas) - Deportivo Galícia 1 (Pinto), Fluminense 3 (Cafuringa, Lula e Socorro contra)
17/02/1971 - Olímpico (Caracas) - Deportivo Itália 0, Fluminense 6 (Samarone, Mickey 2, Lula 2 e Cafuringa)
28/02/1971 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Fluminense 4 (Flávio 2 e Samarone 2), Deportivo Galícia 1 (Oliveira contra)
10/03/1971 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Fluminense 1 (Samarone), Palmeiras 3 (César, H. Silva e Pio)
Eliminado na primeira fase.

II) Copa Libertadores da América 1985
Primeira fase: quadrangular com Vasco, Argentinos Juniors e Ferro Carril Oeste:
23/07/1985 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Fluminense 3 (Romerito 2 e Leomir), Vasco 3 (Roberto Dinamite e Nenê 2)
15/08/1985 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Vasco 0, Fluminense 0
20/08/1985 - Estádio do Ferro Carril Oeste (Buenos Aires) - Ferro Carril Oeste 1 (Esteban F. González), Fluminense 0
27/08/1985 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Fluminense 0, Ferro Carril Oeste 0
Eliminado na primeira fase.

III) Copa Libertadores da América 2008
Primeira fase: quadrangular com LDU Quito, Arsenal de Sarandí e Libertad:
20/02/2008 - Casablanca (Quito) - LDU Quito 0, Fluminense 0
09/04/2008 - Julio Grondona (Sarandí) - Arsenal de Sarandí 2 (Leonardo Biagini e Juan Eduardo Bottaro), Fluminense 0
17/04/2008 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Fluminense 1 (Cícero), LDU Quito 0
Oitavas-de-final: duelo com o Atlético Nacional, da Colômbia:
30/04/2008 - Atanasio Girardot (Medellín) - Atlético Nacional 1 (Francisco Arrué), Fluminense 2 (Thiago Neves (p) e Darío Conca)
06/05/2008 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Fluminense 1 (Roger), Atlético Nacional 0
Quartas-de-final: duelo com o São Paulo:
14/05/2008 - Morumbi (São Paulo) - São Paulo 1 (Adriano), Fluminense 0
Semifinal: duelo com o Boca Juniors, da Argentina:
Final: duelo com a LDU Quito, do Equador:
(Na prorrogação: Fluminense 0, LDU Quito 0. Na disputa de pênaltis: Fluminense 1, LDU Quito 3. Patricio Urrutia, Franklin Salas e Joffre Guerrón converteram para a LDU Quito. Fernando Henrique defendeu a cobrança de Jairo Campos. Cícero converteu para o Fluminense. José Francisco Cevallos defendeu as cobranças de Darío Conca, Thiago Neves e Washington. )
VICE-CAMPEÃO.

IV) Copa Libertadores da América 2011
Primeira fase: quadrangular com Argentinos Juniors, Nacional do Uruguai e América do México:
Oitavas-de-final: duelo com o Libertad, do Paraguai:
Eliminado nas oitavas-de-final.

V) Copa Libertadores da América 2012
Primeira fase: quadrangular com Arsenal de Sarandí, Boca Juniors e Zamora:

VI) Copa Libertadores da América 2013
Primeira fase: quadrangular com Caracas, Grêmio e Huachipato:
13/02/2013 - Olímpico (Caracas) - Caracas 0, Fluminense 1 (Fred)
20/02/2013 - Engenhão (Rio de Janeiro) - Fluminense 0, Grêmio 3 (Bruno contra, André Santos e Vargas)
27/02/2013 - Estadio CAP (Talcahuano) - Huachipato 1 (Rodríguez), Fluminense 2 (Wellington Nem e Wagner)

VII) Copa Libertadores da América 2021
Primeira fase: quadrangular com River Plate, Independiente Santa Fe e Junior Barranquilla:
Observação: a partida foi disputada no Equador, devido aos protestos na Colômbia.
Oitavas-de-final: duelo com o Cerro Porteño, do Paraguai:
Quartas-de-final: duelo com o Barcelona de Guayaquil, do Equador:
12/08/2021 - Maracanã (Rio de Janeiro) - Fluminense 2 (Gabriel Teixeira e Fred (p)), Barcelona de Guayaquil 2 (Adonis Preciado e Cortez (p))
19/08/2021 - Monumental Isidro Romero Carbo (Guayaquil) - Barcelona de Guayaquil x Fluminense
...

Artilheiros do Fluminense na Copa Libertadores:
1) Fred, 14 gols.
2) Thiago Neves, 7.
3) Washington "Coração Valente", 6.
4) Rafael Moura, 5.
5) Flávio, Samarone, Dodô e Darío Conca, 4.
9) Lula e Cícero, 3.
11) Deco, Rafael Sobis, Romerito, Mickey, Cafuringa, Thiago Silva, Carlinhos, Wagner, Caio Paulista e Nenê, 2.
20) Wellington Nem, Gabriel, Roger, Leomir, Gum, Araújo, Júlio César, Marquinho, Anderson, Leandro Euzébio, Carleto, Rhayner, Kayky, Abel Hernández, Yago Felipe, Egídio e Gabriel Teixeira, 1.
Contra: Socorro (Deportivo Galícia), 1.

PCFilho

12 comentários:

  1. Falta o post: "Historia - Botafogo na Copa Libertadores"

    ResponderExcluir
  2. Montanha, senti uma provocação nesse seu comentário. :P

    ResponderExcluir
  3. Participe do Super Quiz:

    http://fcgols.blogspot.com/2011/12/super-quiz-primeiro-desafio-lancado.html

    ResponderExcluir
  4. Essa disputa de penaltis de 2008. Até hoje não sei como não ganhamos o título. Me lembro com perfeição de um chute do Conca que expolodiu no peito do goleiro e um chute cruzado do Thiago Neves, dificílimo, que o goleiro defendeu.

    ResponderExcluir
  5. Em 14 jogos na Libertadores de 2008, a LDU Quito ganhou 5. Contra o Fluminense, só ganhou 1 das 4 partidas disputadas.

    Tiveram muita sorte naquele primeiro tempo na altitude. E depois no Maracanã contaram com a ajuda daquele larápio argentino, que deixou de dar dois pênaltis pro Fluminense.

    É difícil de entender mesmo como perdemos aquela final...

    ResponderExcluir
  6. http://www.orkut.com.br/Main#CommMsgs?cmm=28077&tid=5688279481669129430

    ResponderExcluir
  7. http://www.memoriafutebol.com.br/blog/fluminense-na-taca-libertadores

    ResponderExcluir
  8. PC, dê uma conferida:

    O Fluminense ganhou os pontos do empate por 3 a 3 com o Vasco, por conta da situação irregular do atleta vascaíno Gersinho. Esta decisão foi ratificada em 31/08/1985. O placar não sofreu alteração.

    ResponderExcluir
  9. Esse jogo contra a LDU Quito,nunca vai sair da minha cabeça.Até hoje,não acredito que perdemos essa final.Estava tudo certo para o Fluminense ganhar.O jogo contra o Boca,em 2012,na Labombonera,o Fluminense foi muito roubado.Caso tivesse passado,acredito que chegaria a final,pois pegaria a Universidade de Chile,e posteriormente o Corinthians na final,nesse jogo acredito que o Fluminense teria grandes chances de ganhar.Talvez já tivesse tudo armado para o Corinthians ganhar a Libertadores,depois que eliminou o vasco.Santos e Boca,visivelmente não se esforçaram muito para vencer o Corinthians.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As eliminações de 2008 e 2012 foram, de fato, muito doloridas. Em ambas, o Fluminense foi muito superior aos adversários, e só não saiu vencedor devido a erros grosseiros das arbitragens.

      Em 2012, o próprio Tite reconheceu que o Fluminense era o adversário mais forte que o Corinthians tinha, e que só não passou pelo Boca Juniors porque foi roubado.

      Excluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Regras para postar comentários:

I. Os comentários devem se ater ao assunto do post, preferencialmente. Pense duas vezes antes de publicar um comentário fora do contexto.

II. Os comentários devem ser relevantes, isto é, devem acrescentar informação útil ao post ou ao debate em questão.

III. Os comentários devem ser sempre respeitosos. É terminantemente proibido debochar, ofender, insultar e/ou caluniar quaisquer pessoas e instituições.

IV. Os nomes dos clubes devem ser escritos sempre da maneira correta. Não serão tolerados apelidos pejorativos para as instituições, sejam quais forem.

V. Não é permitido pedir ou publicar números de telefone/Whatsapp, e-mails, redes sociais, etc.

VI. Respeitem a nossa bela Língua Portuguesa, e evitem escrever em CAIXA ALTA.

Os comentários que não respeitem as regras acima poderão ser excluídos ou não, a critério dos moderadores do blog.