segunda-feira, 1 de agosto de 2011

História - Fluminense x Internacional



Ao longo da história, o confronto entre tricolores e colorados já aconteceu 79 vezes. O Fluminense venceu 25 batalhas, houve 26 empates, e o Internacional ganhou 28 jogos. No total, nestes jogos, o Fluminense marcou 95 gols, contra 96 do Internacional. Houve um tabu favorável ao Fluminense recentemente no duelo: o Tricolor estava invicto há 9 partidas contra o Internacional, com 5 vitórias e 4 empates, mas perdeu no primeiro turno do Brasileirão de 2013. Desde então, é o Internacional que não perde mais para o Fluminense (nos últimos 11 jogos, venceu 6 e empatou 5 - no entanto, em um desses empates, o Fluminense venceu na disputa de pênaltis).

No Campeonato Brasileiro de 1975, Fluminense e Internacional fizeram a semifinal. No confronto de duas das melhores equipes da história do futebol brasileiro, a colorada venceu a tricolor por 2 a 0 no Maracanã. O Inter se sagraria campeão brasileiro pela primeira vez naquele ano, batendo o Cruzeiro na grande final.

Na Copa do Brasil de 1992, Fluminense e Internacional fizeram a final. O primeiro jogo foi disputado em Laranjeiras, porque o Maracanã estava em obras. O Fluminense venceu essa partida por 2 a 1. No jogo do Beira-Rio, o árbitro José Aparecido de Oliveira foi o grande personagem, ao inventar um pênalti para os colorados, aos 42 minutos do segundo tempo. Célio Silva converteu, e o Inter ficou com a taça, de forma injusta.

Na Copa Libertadores de 2012, Fluminense e Internacional se enfrentaram nas oitavas-de-final. Após um empate sem gols no Beira-Rio, com direito a defesa de pênalti por Diego Cavalieri, o Fluminense venceu no Engenhão por 2 a 1, e garantiu sua classificação.

Na Copa da Primeira Liga de 2016, Fluminense e Internacional se enfrentaram na semifinal. No jogo único, disputado em Brasília, houve empate em 2 a 2, com o clube carioca saindo vitorioso na definição por pênaltis, por 3 a 2 (Diego Cavalieri defendeu três cobranças).

Na última rodada do Campeonato Brasileiro de 2016, o Internacional precisava vencer o Fluminense para escapar do rebaixamento. Como a partida terminou empatada em 1 a 1, o clube gaúcho terminou rebaixado pela primeira vez em sua história.

Confiram abaixo a lista de jogos entre os dois clubes ao longo da história:
08/08/1937 - Internacional 1 x 0 Fluminense - Eucaliptos (Porto Alegre)
26/09/1937 - Fluminense 4 x 3 Internacional - Laranjeiras (Rio de Janeiro)
01/06/1949 - Internacional 1 x 1 Fluminense - Estádio da Montanha (Porto Alegre)
27/08/1953 - Fluminense 2 x 1 Internacional - Laranjeiras (Rio de Janeiro)
18/04/1954 - Fluminense 2 x 1 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
03/06/1956 - Internacional 1 x 3 Fluminense - Eucaliptos (Porto Alegre)
06/04/1959 - Internacional 1 x 1 Fluminense - Eucaliptos (Porto Alegre)
15/04/1962 - Internacional 1 x 2 Fluminense - Eucaliptos (Porto Alegre)
03/02/1965 - Internacional 0 x 1 Fluminense - Eucaliptos (Porto Alegre)
19/04/1967 - Internacional 3 x 0 Fluminense - Olímpico (Porto Alegre)
07/07/1968 - Internacional 2 x 2 Fluminense - Eucaliptos (Porto Alegre)
27/11/1968 - Fluminense 0 x 1 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
09/11/1969 - Internacional 1 x 1 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
25/10/1970 - Internacional 2 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
08/08/1971 - Internacional 0 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
23/11/1972 - Fluminense 0 x 0 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
03/11/1973 - Fluminense 0 x 1 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
19/06/1974 - Internacional 1 x 1 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
04/07/1974 - Internacional 2 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
22/10/1975 - Internacional 3 x 1 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
07/12/1975 - Fluminense 0 x 2 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
28/01/1976 - Internacional 0 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
10/10/1976 - Fluminense 1 x 1 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
19/02/1978 - Internacional 0 x 3 Fluminense - Serra Dourada (Goiânia)
02/03/1978 - Internacional 2 x 3 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
06/02/1985 - Internacional 1 x 1 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
21/03/1985 - Fluminense 1 x 0 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
07/09/1986 - Internacional 2 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
28/10/1987 - Internacional 0 x 1 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
11/12/1988 - Fluminense 2 x 2 Internacional [PK 5x6] - São Januário (Rio de Janeiro)
26/11/1989 - Fluminense 0 x 0 Internacional - Laranjeiras (Rio de Janeiro)
02/09/1990 - Fluminense 1 x 1 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
24/03/1991 - Internacional 2 x 1 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
17/02/1992 - Internacional 1 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
10/12/1992 - Fluminense 2 x 1 Internacional - Laranjeiras (Rio de Janeiro)
13/12/1992 - Internacional 1 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
24/08/1994 - Fluminense 2 x 1 Internacional - Laranjeiras (Rio de Janeiro)
31/08/1994 - Internacional 3 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
27/09/1994 - Internacional 1 x 0 Fluminense - Fred Saldívia (Dourados)
12/10/1994 - Internacional 3 x 2 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
23/09/1995 - Internacional 1 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
08/09/1996 - Fluminense 2 x 1 Internacional - Laranjeiras (Rio de Janeiro)
17/08/1997 - Internacional 4 x 1 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
09/08/2000 - Internacional 1 x 1 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
10/11/2001 - Fluminense 0 x 1 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
13/10/2002 - Internacional 2 x 2 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
17/04/2003 - Fluminense 3 x 1 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
21/08/2003 - Internacional 0 x 1 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
09/05/2004 - Internacional 0 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
01/09/2004 - Fluminense 3 x 1 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
19/06/2005 - Fluminense 3 x 0 Internacional - Raulino de Oliveira (Volta Redonda)
02/10/2005 - Internacional 2 x 2 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
03/06/2006 - Fluminense 2 x 3 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
15/10/2006 - Internacional 2 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
26/05/2007 - Fluminense 3 x 0 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
02/08/2008 - Fluminense 1 x 2 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
13/07/2013 - Fluminense 2 x 3 Internacional - Moacyrzão (Macaé)
06/10/2013 - Internacional 1 x 0 Fluminense - Centenário (Caxias do Sul)
01/06/2014 - Fluminense 1 x 1 Internacional - Moacyrzão (Macaé)
12/10/2014 - Internacional 2 x 1 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
12/08/2015 - Internacional 1 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
28/11/2015 - Fluminense 1 x 1 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
20/01/2016 - Fluminense 0 x 1 Internacional - Lockhart Stadium (Fort Lauderdale, EUA)
23/03/2016 - Fluminense 2 x 2 Internacional [PK 3x2] - Mané Garrincha (Brasília)
07/08/2016 - Internacional 2 x 2 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
11/12/2016 - Fluminense 1 x 1 Internacional - Giulite Coutinho (Mesquita)
08/02/2017 - Internacional 1 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)

PCFilho
(com a generosa colaboração dos amigos Alexandre Magno Barreto Berwanger, Ricardo Lima e Lourenço Camelo)



15 comentários:

  1. A CONFISSÃO DE PINGA SOBRE A COPA DO BRASIL 1992:


    "A BOLA ESCAPOU E EU ME JOGUEI NA ÁREA" (PINGA, EX-ZAGUEIRO DO INTERNACIONAL).
    PÁGINA 7, DA EDIÇÃO IMPRESSA DO JORNAL LANCE (RJ), DE 07/06/2005 :

    COM A PALAVRA, Pinga, ex-zagueiro do Internacional :

    Foi eu que sofri aquele pênalti na decisão da Copa do Brasil. Na verdade, eu "cavei". Disse isso na época e reafirmo hoje. O Luciano (ex-jogador do colorado) cobrou uma falta pela direita, eu fui tentar dominar, e a bola escapou de meu domínio. Nesse momento, um jogador do Fluminense me deu um leve toque. Claro que não com força suficiente para cair, mas aproveitei e me joguei.Quando teve a falta, o Maurício, ex-ponta do Botafogo e um dos principais jopgadores de nosso time, estava no meio-de-campo. Desanimado, ele se virou para mim e disse que nem ia para o ataque, porque não acreditava mais que a gente iria conquistar aquele título. Então eu respondi para ele que iria marcar o gol do título. Não fiz o gol, mas sofri o pênalti. Se eu não me engano, foi o único de minha carreira. Até hoje, quando vou visitar amigos em alguma cidade do interior, as pessoas me perguntam sobre este lance. Entrou para a história. Acredito que o José Aparecido não estava bem posicionado no momento, por isso acreditou na minha "cavada". Mas, por mais que não tenha sido pênalti, o título do Internacional não foi manchado. No primeiro
    jogo, nas Laranjeiras, passamos por sufoco também. Não por parte do Fluminense, ou da imprensa, mas sim dos torcedores. Então, acabou que foi uma espécie de vingança a gente ter conquistado a Copa do Brasil daquele jeito.

    ****************
    JOGADORES DO FLU EXPULSARAM O JUIZ DO VÔO.

    Uma cena inusitada aconteceu no Aeroporto Internacional de Porto Alegre na manhã seguinte àquela decisão: quando descobriram que José Aparecido de Oliveira iria voltar no mesmo vôo que traria a delegação para o Rio de Janeiro, os jogadores
    não o deixaram embarcar no avião.
    -Quano demos de cara com ele e com os auxiliares, não os deixamos embarcar. O José Aparecido foi injusto e prejudicou a carreira de vários jogadores de nosso time com aquela arbitragem. Foi má fé - acredita Ézio.
    Bobô é outro que até hoje não perdoou José Aparecido de Oliveira. Em 1993, quando estava no Corínthians, o ex-jogador também teve problema com o ex-árbitro.
    -O José Aparecido não tinha que apitar aquela decisão. Não posso dizer que ele estava mal intencionado, mas a verdade é que era muito ruim. Ele expulsou o Zé Teodoro logo no início, e depois inventou um pênalti absurdo - lembrou.


    http://paginas.terra.com.br/esporte/rsssfbrasil/tables/cbr1992.htm

    Finais:

    10/12/1992 Fluminense 2-1 Internacional
    Vágner 23' (1-0)
    Caíco 52' (1-1)
    Ézio 70' (2-1)
    Referee: Márcio Rezende de Freitas
    Att: 7 491
    Fluminense: Jéfferson, Zé Teodoro, Vica, Souza, Sandro, Lira - Ânderson, Julinho (Rogerinho),
    Sérgio Manoel - Vágner (Paulo Alexandre), Ézio. (Coach: Sérgio Cosme)
    Internacional: Fernandez, Célio Lino, Célio Silva, Pinga, Ricardo - Ânderson, Élson,
    Marquinhos (Silas) - Maurício, Gérson (Luciano), Caíco. (Coach: Antônio Lopes)

    13/12/1992 Internacional 1-0 Fluminense
    Célio Silva (penalty) 87' (1-0)
    Referee: José Aparecido de Oliveira
    Anormalidades: Zé Todoro (FFC), expulso aos 88'
    Att: 32 722
    Internacional: Fernandez, Célio Lino, Célio Silva, Pinga, Daniel Franco - Ricardo, Élson
    (Luciano), Marquinhos - Maurício, Gérson (Nando), Caíco. (Coach: Antônio Lopes)
    Fluminense: Jéfferson, Zé Teodoro, Vica, Sandro (Carlinhos Itaberá), Souza, Lira - Pires,
    Bobô, Sérgio Manoel - Vágner, Ézio. (Coach: Sérgio Cosme)

    ResponderExcluir
  2. Corrigido o local da partida de 02/06/1949: o jogo Internacional 1 x 1 Fluminense foi no antigo Estádio da Montanha, e não no Estrelão (que só foi inaugurado muito depois, em 1977).

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Corrigida também a data da partida. Conforme o Jornal do Dia gaúcho, a partida foi realizada no dia 1º de junho de 1949, não no dia 2:
      01/06/1949 - Internacional 1 x 1 Fluminense - Estádio da Montanha (Porto Alegre)

      Excluir
  3. A derrota do Fluminense para o Inter em 1937, no primeiro jogo, foi debaixo de uma tempestade que inviabilizou a prática do bom futebol. Com o campo seco, depois o Fluminense enfiaria 4 a 0 no Grêmio, só voltando a perder para o Inter em 1967, quarenta anos depois!

    ResponderExcluir
  4. Post citado como fonte em http://netflu.com.br/fluminense-so-perdeu-um-dos-dez-ultimos-jogos-contra-o-inter/

    ResponderExcluir
  5. Pelo Fluminense, os maiores artilheiros contra o Internacional são Waldo, com 4 gols, também o artilheiro deste confronto, Fred, Gildásio e Thiago Neves, estes com 3 gols.23

    Pelo Internacional, os maiores artilheiros contra o Fluminense são Célio Lino, Diego Forlán, Leandro Damião, Luiz Carlos Winck, Lula, Tailson e Valdomiro, todos com 2 gols.24

    ResponderExcluir
  6. Maiores públicos:

    Aonde não constam os públicos pagantes e presentes, a referência é aos pagantes, acima de 30.000 presentes.

    Fluminense 0 a 2 Internacional, Maracanã, 97.908, 7 de dezembro de 1975, Campeonato Brasileiro
    Fluminense 3 a 0 Internacional, Maracanã, 59.056, 15 de agosto de 2010, Campeonato Brasileiro (49.471 pags.)
    Internacional 1 a 0 Fluminense, Beira Rio, 45.777, 13 de dezembro de 1992, Copa do Brasil (32.722 pagantes)
    Internacional 2 a 2 Fluminense, Beira Rio, 45.025, 2 de outubro de 2005, Campeonato Brasileiro (40.000 pags.)
    Internacional 0 a 1 Fluminense, Beira Rio, 39.545, 21 de agosto de 2003, Campeonato Brasileiro (30.645 pags.)
    Internacional 4 a 1 Fluminense, Beira Rio, 38.742, 17 de agosto de 1997, Campeonato Brasileiro
    Internacional 1 a 2 Fluminense, Beira Rio, 38.142, 6 de novembro de 2011, Campeonato Brasileiro (33.850 pags.)
    Internacional 1 a 1 Fluminense, Beira Rio, 37.437, 6 de fevereiro de 1985, Campeonato Brasileiro
    Fluminense 1 a 1 Internacional, Maracanã, 36.219, 10 de outubro de 1976, Campeonato Brasileiro
    Fluminense 0 a 1 Internacional, Maracanã, 35.680, 10 de novembro de 2001, Campeonato Brasileiro (30.944 pags.)
    Fluminense 2 a 1 Internacional, Engenhão, 33.386, 10 de maio de 2012, Copa Libertadores (29.430 pagantes)
    Internacional 1 a 0 Fluminense, Beira Rio, 32.665, 23 de setembro de 1995, Campeonato Brasileiro
    Internacional 0 a 0 Fluminense, Beira Rio, 32.268, 25 de abril de 2012, Copa Libertadores (28.152 pagantes)

    Pelo menos os jogos com públicos presentes desconhecidos nos dias atuais de 25 de outubro de 1970 (26.660 pags.) e 22 de outubro de 1975 (29.087 pags.), disputados no Beira-Rio, poderiam fazer parte desta lista.

    ResponderExcluir
  7. Alexandre,

    Muito obrigado pelas valiosas contribuições!!

    ResponderExcluir
  8. Com o gol de Fred em 12/10/2014, ele se igualou a Waldo como o maior artilheiro deste confronto, com 4 gols!

    ResponderExcluir
  9. Estatísticas do confronto antes da semifinal da Primeira Liga:
    75 jogos;
    25 vitórias do Fluminense,
    23 empates,
    27 vitórias do Internacional;
    90 gols de cada clube.

    ResponderExcluir
  10. Estatísticas atualizadas do confronto, em 27/12/2016:
    78 jogos;
    25 vitórias do Fluminense;
    26 empates;
    27 vitórias do Internacional;
    95 gols de cada clube.

    ResponderExcluir
  11. Este meu post foi copiado no Vavel e nem citaram a fonte... https://www.vavel.com/br/futebol/fluminense/731500-longe-do-maracana-e-beira-rio-fluminense-leva-vantagem-em-confrontos-contra-internacional.html

    ResponderExcluir
  12. Estatísticas atualizadas do confronto em 11/02/2017:
    - 79 jogos;
    - 25 vitórias do Fluminense;
    - 26 empates;
    - 28 vitórias do Internacional;
    - 95 gols do Fluminense;
    - 96 gols do Internacional.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Há um tabu em andamento neste confronto: o Fluminense não vence o Internacional há 11 jogos, com 6 vitórias do Inter e 5 empates:
      13/07/2013 - Fluminense 2 x 3 Internacional - Moacyrzão (Macaé)
      06/10/2013 - Internacional 1 x 0 Fluminense - Centenário (Caxias do Sul)
      01/06/2014 - Fluminense 1 x 1 Internacional - Moacyrzão (Macaé)
      12/10/2014 - Internacional 2 x 1 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
      12/08/2015 - Internacional 1 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
      28/11/2015 - Fluminense 1 x 1 Internacional - Maracanã (Rio de Janeiro)
      20/01/2016 - Fluminense 0 x 1 Internacional - Lockhart Stadium (Fort Lauderdale, EUA)
      23/03/2016 - Fluminense 2 x 2 Internacional [PK 3x2] - Mané Garrincha (Brasília)
      07/08/2016 - Internacional 2 x 2 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)
      11/12/2016 - Fluminense 1 x 1 Internacional - Giulite Coutinho (Mesquita)
      08/02/2017 - Internacional 1 x 0 Fluminense - Beira-Rio (Porto Alegre)

      Excluir

Regras para postar comentários:

I. Os comentários devem se ater ao assunto do post, preferencialmente. Pense duas vezes antes de publicar um comentário fora do contexto.

II. Os comentários devem ser relevantes, isto é, devem acrescentar informação útil ao post ou ao debate em questão.

III. Os comentários devem ser sempre respeitosos. É terminantemente proibido debochar, ofender, insultar e/ou caluniar quaisquer pessoas e instituições.

IV. Os nomes dos clubes devem ser escritos sempre da maneira correta. Não serão tolerados apelidos pejorativos para as instituições, sejam quais forem.

V. Não é permitido pedir ou publicar números de telefone/Whatsapp, e-mails, redes sociais, etc.

VI. Respeitem a nossa bela Língua Portuguesa, e evitem escrever em CAIXA ALTA.

Os comentários que não respeitem as regras acima poderão ser excluídos ou não, a critério dos moderadores do blog.