sexta-feira, 26 de fevereiro de 2010

Fluminense, reconheça sua história!

CAMPEÃO MUNDIAL 1952
BICAMPEÃO BRASILEIRO 1970-1984
COPA DO BRASIL 2007
30 ESTADUAIS
TAÇA OLÍMPICA 1949

Este tricolor apaixonado adere à campanha "Fluminense, reconheça sua história!", exposta no texto abaixo. Trata-se da luta da torcida tricolor para ver reconhecidos e divulgados os importantes títulos do Campeonato Brasileiro de 1970 (Torneio Roberto Gomes Pedrosa, Taça de Prata) e do Campeonato Mundial Interclubes de 1952 (Copa Rio).

Hoje, as três estrelas cima de nosso belíssimo escudo representam os três tris estaduais do Fluminense: 1917-18-19, 1936-37-38 e 1983-84-85. Por motivos desconhecidos, o tetra de 1906-07-08-09 não é representado. Entendemos a importância de todas essas conquistas. Em 1909, o tetra iniciou nossa hegemonia. Em 1919, o tri nos rendeu a cobiçada Taça Colombo. Em 1938, o tri consagrou aquele time espetacular de Romeu, Tim e Hércules. Em 1985, o tri fechou com chave de ouro uma seqüência linda de títulos.

Entretanto, gostaríamos de fazer uma proposta de renovação das estrelas acima do distintivo do Fluminense. Sugerimos que se coloque uma estrela dourada pelo Campeonato Mundial de 1952. Sabemos que a Copa Rio não é oficialmente reconhecida pela FIFA, mas a Copa Intercontinental também não é, e mesmo assim os clubes que a venceram (Santos, Flamengo, Grêmio e São Paulo) se proclamam campeões do mundo. Consideramos que o Fluminense deveria fazer o mesmo, porque a Copa Rio de 1952 de fato foi uma competição dificílima, envolvendo oito dos melhores clubes do planeta, todos campeões em seus países.

Além da estrela dourada, sugerimos duas estrelas prateadas pelos Campeonatos Brasileiros de 1970 e 1984. Em uma aberração política, a CBF não reconhece o título de 1970, sem motivo algum, uma vez que a competição teve formato absolutamente idêntico ao de 1971. Mas nós tricolores conhecemos nossa história, e queremos divulgá-la, uma vez que a imprensa não o faz.

Além disso, sugerimos a manutenção da Taça Olímpica no lado direito das camisas. É uma bela homenagem a essa conquista maravilhosa, que nos enche de orgulho, e precisa ser mantida.

Na festa de apresentação do uniforme de 2010, haveria uma explicação das novas estrelas, com fotos das épocas e jogadores remanescentes das conquistas, e também ressaltar-se-ia a importância da Taça Olímpica.

Essa medida valorizaria essas conquistas, divulgando-as e mostrando à nova geração a grandeza do Fluminense.

Gostaria de ressaltar que essa solicitação não é somente minha. A idéia foi discutida em vários fóruns tricolores na internet, e tem sido amplamente apoiada pela maioria dos participantes.

Agradeço desde já pela atenção,

Paulo Cezar da Costa Martins Filho
Torcedor e sócio do Fluminense Football Club.

***********

Se o leitor concordou com o texto e considera a proposta boa para o Fluminense, peço que encaminhe-o para a Ouvidoria do Fluminense, assinando-o.

24 comentários:

Fernando Aster disse...

Se nunca houve alguém que viesse a público para esclarecer as supostas viradas de mesa, defender o Fluminense de todas as falcatruas que foram escritas e ditas até hoje, imagina só se vão lutar para reconhecer esses títulos??

Mitchell disse...

Excelente texto amigo. Começa pelo Flu e sua torcida a luta para valorização dos nosso titulos. Que na epoca foram comemorados e chorados por torcedores.

Montanha™ disse...

Já mandei este texto para a ouvidoria e acho todo tricolor, sócio ou não, deveria fazer isso.

Vinicius Cabral disse...

Sempre disse que no dia que o Flu cismar de colocar todas as suas conquistas no manto sagrado, viraríamos uma versão verde-grená-e-branca da bandeira dos EUA...

Daqui a pouco alguém vai xingar os dirigentes por apologia ao império yanke... hehehehe

Abs, PC! ST!

Paulo-Roberto Andel disse...

Parabéns de sempre, Paulo. Excelente iniciativa, ainda mais se levarmos em conta que nosso time sofre um "ostensivo boicote branco" por parte da mídia esportiva, sempre disposta a nos diminuir.

Marcelo Ferreira disse...

Bela iniciativa!
Ao Fluminense o que é do Fluminense!

Cabe a nós divulgar e cobrar uma atitude do clube.

ST

gusp disse...

Apoiado!
Único problema é que, validando estes títulos (o que eu concordo e espero muito), o Santos de Pelé, por exemplo, terá 74324732 brasileiros e o Palmeiras e Vasco tbm serão campeões Mundiais...

Ramón disse...

O Vasco não seria campeão mundial. O torneio que eles venceram não era Copa Rio e tinha times convidados, além de só 2 estrangeiros, ante 6 da Copa Rio.

Grande iniciativa.

Allan Nogueira disse...

Apoiadíssimo, PC. Eu não entendo o porquê do Fluminense, ou melhor, dos dirigentes do Fluminense agirem com tão baixa auto-estima em relação a NOSSAS CONQUISTAS. Ia ser ótimo ouvir a imprensa tendo que afirmar (ainda que com resistências), quando o o Flu aparecesse na TV ou outras mídias, que somos bi-campeões brasileiros e que temos um título mundial. Se por aí comemoram uma taça de isopor, por que não podemos comemorar os títulos que nossos jogadores conquistaram em campo? ST!

PCFilho disse...

gusp,

Sim, o Palmeiras também foi campeão mundial, e merece ser reconhecido por isso. Inclusive, a diretoria deles já lutou MUITO por esse reconhecimento, chegando a obter um documento da FIFA validando a Copa Rio. Pena que, meses depois, por uma aberração política, a FIFA tenha desmentido tudo.

Já o penta do Santos não deve ser reconhecido como Brasileiro, uma vez que foi obtido na Taça Brasil, que era mais uma espécia de Copa do Brasil.

Os campeões brasileiros pré-1971 são: Palmeiras (1967 e 1969), Santos (1968) e Fluminense (1970).

Quem não reconhece esses quatro títulos é só por um motivo: RE-CAL-QUE.

PCFilho disse...

Ah, sobre o "Mundial de 1953", Ramón está certo. Não era mais a Copa Rio, no formato de 1951 e 1952, similar ao do Mundial da FIFA de 2000.

Em 1953, o torneio disputado foi a "Taça Rivadávia Corrêa Meyer", vários brasileiros participaram. Enfim, já estava desconfigurado. Poderia talvez ser considerado como um "Brasileirinho com convidados". :P

PCFilho disse...

Fernando Aster,

Para minha surpresa, acho que a diretoria está começando a lutar pelo reconhecimento dos títulos, sim.

Por exemplo, pintaram o título de 1970 fachada do Estádio de Laranjeiras. Já é um começo!

PCFilho disse...

Comentários no orkut.

Montanha™ disse...

Ontem assistindo ao programa COPA da ESPN Brasil, eles falando sobre o futebol brasileiro da década de 40 e falavam do São Paulo como atual campeão brasileiro quando falavam de um ano daquela década, como assim?!

PCFilho disse...

Montanha, talvez o programa estivesse se referindo ao antigo Campeonato Brasileiro de Seleções Estaduais.

(o Rio de Janeiro foi o maior campeão, mas São Paulo também conquistou alguns)

Fabiano disse...

na mi ha opinião um dos seus melhores textos. gostei muito da idéia.

fabioosorio disse...

PCFilho,

parabéns pelo comentário! Muito apropriada a campanha, ainda mais por este ano ser o 40º aniversário da conquista do Brasileiro de 1970!
Concordo que a inscrição de Bi-Campeão feita nas Laranjeiras já é um começo. Entretanto, acho que se colocarmos na camisa deste ano apenas o desenho da taça de 1970 (nos moldes e no lugar da Taça Olímpica) e a inscrição "Campeao Brasileiro de 1970" o impacto seria muito maior que as estrelas sugeridas. Nos mesmos moldes, em 2012 (ano em que completará 60 anos a conquista do mundial) colocaríamos o desenho da taça e a inscrição "Campeão Mundial de 1952". Aí sim, já com tais conquistas amplamente divulgadas na mídia é que em 2013 faríamos a camisa completa, nos moldes da sugerida em seu comentário. Importante lembrar que o 1º passo já foi dada com a atual camisa, que sem dúvida divulgou nossa Taça Olímpica!
S.T

PCFilho disse...

fabioosorio,

EXCELENTE a sua sugestão. Encaminhe-a para a Ouvidoria. Talvez seja mesmo melhor que a sugestão da campanha.

Obrigado pelos elogios e pela contribuição.

Gramático´s Blog disse...

Parabéns...acho q todos TRICOLORES DE CORAÇÃO deviam fazer esse apelo...

PCFilho disse...

Mais comentários no orkut.

# Fernando tavares* disse...

A DIRETORIA TEM QUE LEMBRAR DA NOSSA HISTÓRIA.

Mintira disse...

bom, eu acho q nao prcisa mudar as estrelas de nosso sagrado escudo, afinal, sao titulos q pesam grandemente na nossa historia como vc dise no começo do tópico, no máximo colocar uma estrela prateada, ou de uma outra cor por noso mundial, porem deveriamos sim cobrar da diretoria um reconhecimento de nossos titulos, mas prcisamos de gente com interesse nisso na diretoria, precisamos de gente apaixonada pelo clube la dentro pra fazer isso, marketing, campanhas publicitarias de peso pra mostrar pra midia mediocre q nós somos sim campeoes do mundo, porem, como eu disse PRECISAMOS de gente inreressado no clube dentro da nossa diretoria...

PCFilho disse...

Discussão no orkut.

(vários argumentos contrários à Copa Rio, todos devidamente respondidos e desqualificados)

Copa do Mundo de Clubes disse...

O reconhecimento ou não da Copa Rio Internacional de 1951 e 1952, será analisado em segunda estancia pelo Comite Ececutivo da Fifa, sem data para apreciação