quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Muricy é um gigante

Para quê palavras, se as imagens demonstram tudo?


PC

Mais um ponto para o Corinthians!

26ª rodada: Corinthians 1 x 1 Botafogo

Aos 4 do segundo tempo, Marcelo Cordeiro passa para Herrera, em condição legal (bastante legal, diga-se). O argentino faz o gol da virada do Botafogo, mas o assistente Erich Bandeira acha melhor anular a jogada... E assim o Corinthians chega à marca dos QUINZE PONTOS GANHOS NO APITO.

Se quiser conferir os vídeos e imagens dos outros quatorze pontos ganhos pelo Timão, clique aqui. Se gritar "pega ladrão"...

PC

Resenha: Tricolor 1 x 0 Avaí


Amigos, a quarta-feira era dia de ir a Volta Redonda, sofrer, rezar, torcer, vibrar. Era dia de derramar sangue, suor e lágrimas pela vitória. Todo o universo se resumia à fatalidade dos três pontos. Eram os três pontos ou nada.

O Fluminense jogou mal, dirão alguns. Discordo: para mim, o Tricolor mostrou ser um gigante, disposto a vencer ou morrer. Quando o empate se ofereceu, o Avaí, nosso bravo oponente, aceitou. Ao passo que o Fluminense não: o Fluminense se recusou a empatar.

E o que dizer de Darío Leonardo Conca? Foi simplesmente o autor do santo gol da vitória. A bola procura os pés do craque: trata-se de uma irresistível e magnética atração. Quando houve o encontro sublime, já aos quarenta do segundo tempo, aconteceu o épico: gol, gol do Fluminense. E o Tricolor venceu mais uma.

Em São Paulo, o Corinthians só empatou com o Botafogo. Assim, o Fluminense volta a desgarrar, abrindo três pontos na liderança. (me disseram que o Botafogo teve um gol mal anulado, importante registrar)

No sábado, o Tricolor vai a Presidente Prudente enfrentar o Grêmio local. Na corrida pela taça, são mais três pontos fundamentais. A vitória precisa, mais uma vez, ser uma obsessão para cada pó-de-arroz.

Na quarta-feira seguinte, temos pela frente o Santos no Engenhão. Para esta batalha, a ausência da torcida é indesculpável. Todos estão intimados a comparecer, os vivos e também os mortos. Com os torcedores de hoje e os fantasmas de velhos triunfos, o Fluminense terá chances maiores de obter mais uma maravilhosa vitória.

A taça, amigos, nos aguarda, ansiosa, há vinte e seis longos anos. Quem espera sempre alcança, já diz o hino. A taça deseja sorrir em dezembro. Ela quer se juntar a 1970 e 1984. O seu destino é, tem que ser, a rua Álvaro Chaves.

O Profeta continua em sua caverna, coçando sua longa barba, e repetindo o vaticínio: 'Fluminense campeão, Fluminense campeão'.

PC

terça-feira, 28 de setembro de 2010

Luiz Flávio de Oliveira apitará Fluminense x Avaí

Amigos, apitará Fluminense x Avaí, em Volta Redonda, o árbitro Luiz Flávio de Oliveira, de São Paulo. Ele será auxiliado por João Bourgalber Nobre Chaves e Danilo Ricardo Simon Manis, ambos também de São Paulo.

Até hoje, o juiz paulista apitou apenas uma partida do Tricolor:
17/08/2008 - Fluminense 1 x 0 Atlético MG - Maracanã (Rio de Janeiro)

PC

segunda-feira, 27 de setembro de 2010

História - Fluminense x Avaí


Amigos, Fluminense e Avaí já se enfrentaram 8 vezes na história. Foram 4 vitórias tricolores, 3 empates, e 1 vitória do clube catarinense, com 15 gols do Fluminense e 7 tentos do Avaí.

Lista dos confrontos:
18/05/1958 - Avaí 0 x 4 Fluminense - Adolfo Konder (Florianópolis)
06/04/1974 - Avaí 2 x 2 Fluminense - Orlando Scarpelli (Florianópolis)
31/05/1986 - Avaí 0 x 0 Fluminense - Ressacada (Florianópolis)
30/07/1988 - Avaí 0 x 0 Fluminense - Ressacada (Florianópolis)
22/07/2001 - Avaí 0 x 1 Fluminense - Ressacada (Florianópolis)

Fichas técnicas de todos os confrontos (preciosa colaboração do amigo Alexandre Magno Barreto Berwanger):

01) Avaí 0 x 4 Fluminense
Data: 18 de maio de 1958
Competição: Amistoso Interestadual
Local: Adolfo Konder (Florianópolis/SC).
Árbitro: Fausto Correa/SC
Público: Não informado
Renda: CR$ 88.700,00
Gols: Mario (F) 17' do 1º tempo; Almir (F) 20' e 25' e Escurinho (F) 35' do 2º tempo
Expulsão: Marreco (Avaí)
Avaí: Tatú; Carioca e Enísio (Binha); Marreco, Cláudio e Lelo; Oscar (Bolão), Nílson, Rodrigues, Lauro (Oscar) e Jacó. Técnico: Libório Silva.
Fluminense: Márcio (Vítor Gonzalez); Lácio e Roberto; Dodô, Ivan (Jair Santana) e Clóvis; Almir, Mário, Sombra (Alecir), Jair Francisco (Léo) e Escurinho. Técnico: Sílvio Pirilo.

02) Avaí 2 x 2 Fluminense
Data: 6 de abril de 1974
Competição: Brasileiro
Local: Orlando Scarpelli (Florianópolis/SC).
Árbitro: Dulcídio Wanderley Boschilla/SP
Público: 12.731
Renda: Cr$ 105.019,00
Gols: Carlos Roberto (A) 20' e Zenon (A) 39' do 1º tempo; Rubens Galaxie (F) 9' e 10' do 2º tempo
Cartões vermelhos: Carlos Roberto (A) e Gerson Andreotti (F).
Avaí: Ubirajara, Sousa, Ari Prudente, Vilela e Carlos Roberto; Lourival e Zenon; Ademir, Toninho, Balduíno e Juti. Técnico: Jorge Ferreira.
Fluminense: Roberto, Marinho Sermond, Silveira (Abel), Assis e Zé Maria; Gerson Andreotti e Gerson; Cafuringa (Moacir), Gil, Manfrini e Rubens Galaxie. Técnico: Duque.

03) Avaí 0 x 0 Fluminense
Data: 31 de maio de 1986
Competição: Amistoso Interestadual
Local: Ressacada (Florianópolis/SC)
Horário: 21h
Arbitragem: Roberto Nunes Morgado/SP, auxiliado por José Carlos Bezerra e Antônio de Pádua Salles.
Público: 4.056.
Renda: CZ$ 221.940,00.
Avaí: Osvaldo; Roberto Teixeira, Silva, Everaldo e Miranda; Júnior, Douglas Onça e Branco; Pedrinho Gaúcho, Décio Antônio (Toninho) e Nelsinho. Técnico: Vicente.
Fluminense: Ricardo Cruz; Renato Martins, Vica, Ricardo Gomes e Eduardo; Jandir, Rogério e Gallo; Washington(Assis) e Tato(Paulinho). Técnico: Nelsinho.
OBS.: Inauguração dos refletores do estádio da Ressacada.

04) Avaí 0 x 0 Fluminense
Data: 30 de julho de 1988
Competição: Amistoso Interestadual
Local: Ressacada (Florianópolis/SC)
Árbitro: Aliatar Fraga/SC
Público: 5.300
Renda: CZ$ 1.358.500,00 (CZ$ 1.100.000,00 de cota fixa)
Avaí: Fossati (Prê), Nena, Maurício, Sérgio Márcio e JJ Rodriguez; Belmonte, Flávio Roberto, Ivan Formiga (Biguaçú) e Adílson Heleno; Marcos Severo (Mendonça) e Falcão (Eliseu). Técnico: Sérgio Lopes
Fluminense: Paulo Victor, China, Rangel, Alexandre Torres e Eduardo; Dago, Leomir e Paulo Andreolli; João Santos, Niltinho (Cacau) e Franklin (Robert). Técnico: Sergio Cosme

05) Avaí 0 x 1 Fluminense
Data: 22 de julho de 2001
Competição: Amistoso Interestadual
Local: Ressacada (Florianópolis/SC)
Árbitro: Iolando Marciano Rodrigues/SC
Público: 5.962
Renda: R$ 38.705,00
Gols: Paulo César (F) 44' do 1º tempo
Avaí: Flávio; Paulo Sérgio (Cedenir), Marcos Telles, Naílton e Edno (Luiz Fernando); Júnior (André), Fantick, Marquinhos Rosa e Ronaldinho; Willian Carioca (Hélder) e Rinaldo (Espíndola). Técnico: Humberto Ramos.
Fluminense: Murilo (Nicola); Paulo César(Flávio), André Luís, César e Anderson (Vinicius) ; Gilmar (Agnaldo Liz), Fabinho, Caio (Jorginho) e Fernando Diniz; Roni (Agnaldo) e Magno Alves. Técnico: Oswaldo de Oliveira.

06) Avaí 3 x 2 Fluminense
Data/hora: 20/6/2009 - 18:30 (de Brasília)
Competição: Turno do Campeonato Brasileiro de 2009.
Estádio: Ressacada (Florianópolis/SC).
Árbitro: Paulo César Oliveira (Fifa-SP)
Auxiliares: Geovani Cesar Canzian (SP) e Nilson de Souza Monção (SP)
Renda/público: R$ 80.740,00 / 10.020 ( 9.142 pagantes )
Cartões amarelos: Marcos Vinícius, Ferdinando, Anderson (AVA); Diguinho, Maurício, Thiago Neves (FLU).
Cartões vermelhos: Maurício, 39'/2ºT
Gols: Muriqui, 12'/1ºT (1-0); Marquinhos, 15'/1ºT (2-0); Fred, 13'/2ºT (2-1); Fred, 15'/2ºT (2-2); Léo Gago, 48'/2ºT (2-2).
Avaí: Eduardo Martini, Ferdinando, André Turatto, Anderson, Uendel, Marcos Vinícius (Caio, 35'/2ºT), Léo Gago, Muriqui, Marquinhos, Lima (William, 18'/2ºT) e Luis Ricardo (Cristian, 37'/2ºT) - Técnico: Silas.
Fluminense: Ricardo Berna, Diogo (Mariano, intervalo), Luiz Alberto, Edcarlos e Augusto (Maurício, 26'/2ºT); Wellington Monteiro, Diguinho, Marquinho (Leandro Amaral, intervalo) e Conca; Thiago Neves e Fred. Técnico: Carlos Alberto Parreira.
OBS.: No sexto jogo contra o Avaí, a primeira derrota do Fluminense, com gol nos acréscimos em chute de longe. O 1º gol de Fred foi o de número 1.200 em Brasileiros desde 1971.

07) Fluminense 3 x 2 Avaí
Competição: returno do Campeonato Brasileiro de 2009.
Local: Maracanã, Rio de Janeiro.
Data e hora: 27/09/2009, 16:00.
Fluminense: Rafael; Ruy, Gum, Luiz Alberto e Paulo César (Dieguinho); Diguinho, Urrutia, Marquinho (Adeílson) e Conca; Fábio Neves e Alan (Fabinho). Técnico: Cuca.
Avaí: Eduardo Martini; Anderson (Caio), Emerson e Augusto; Luís Ricardo (Roberto), Ferdinando, Léo Gago, Marquinhos e Eltinho; Muriqui e Willian (Leonardo). Técnico: Silas.
Árbitro: André Luiz de Freitas (GO).
Auxiliares: Fabrício Vilarinho da Silva e Cristhian Passos Sorence (ambos de Goiás).
Gols: Willian 9'/1T (0-1); Alan 14'/1T (1-1) e 13'/2T (3-2); Muriqui 31'/1T (1-2) e Fábio Neves 43'/1T (2-2).
Cartões amarelos: Marquinho, Diguinho, Gum e Rafael (FLU); Eltinho, Luis Ricardo, Willian (Avaí).
Expulsões: Não houve.
Público: 19.098 pagantes / 20.178 presentes.

08) Avaí 0 x 3 Fluminense
Competição: turno do Campeonato Brasileiro de 2010.
Local: Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).
Data/hora: 5/6/2010, às 18h30 (de Brasília).
Árbitro: Heber Roberto Lopes (PR).
Auxiliares: Ivan Carlos Bohn (PR) e José Amilton Pontarolo (PR)
Renda / público: R$ 77.315,00 / 8.458 pagantes.
Cartões Amarelos: Rodriguinho, Leandro Euzébio (Fluminense).
Cartão Vermelho: Péricles Chamusca (4'/2ºT)
Gols: Leandro Euzébio, 43'/1ºT (0-1); Fred, 4'/2ºT (0-2); Alan, 11'/2ºT (0-3)
Avaí: Zé Carlos, Rafael, Émerson Nunes (Gustavo, 24'2ºT) e Emerson; Marcos (Medina, intervalo), Rudnei, Rodrigo Thiesen, Davi (Robinho, 33'/2ºT) e Pará; Roberto e Leonardo. Técnico: Péricles Chamusca.
Fluminense: Fernando Henrique, Mariano, Gum, Leandro Euzébio e Carlinhos; Diogo, Diguinho, Marquinho (André Luis, 39'/2ºT) e Conca (Equi González, 43'/2ºT); Rodriguinho (Alan, intervalo) e Fred. Técnico: Muricy Ramalho.

PC

domingo, 26 de setembro de 2010

Resenha: Vitória 1 x 2 Tricolor


Amigos, o Profeta está de volta, em sua melhor forma, em seu máximo esplendor. Mais cedo, perguntei a ele se venceríamos, e a resposta foi enfática: "Tricolor 2 a 1". Agora sabemos: o vaticínio foi de uma precisão matemática.

Eis a verdade: na condição de visitante, o Tricolor joga como se estivesse em casa. Se meus cálculos não estiverem errados, já é o sexto - o sexto! - triunfo longe do Rio de Janeiro. Já havíamos papado o Avaí, o Grêmio, o Atlético Mineiro, o Goiás, e até o fantástico Santos recheado de craques. E neste domingo ganhamos do Vitória, em pleno Barradão. (que fique registrado, com excelente presença da torcida tricolor, que mais uma vez deu um show)

Impossível continuar sem citar Muricy Ramalho, o tricampeão: "o Brasileirão se vence fora de casa". O discípulo de mestre Telê sabe o que diz, não levantou três Campeonatos seguidos à toa. A estratégia do comandante se mostra eficaz: após atravessar um período de turbulência, o Tricolor volta à liderança. Alguns veem a queda do Corinthians, eu vejo a ascensão do Fluminense.

O meu personagem do domingo é o argentino Darío Conca. Sua atuação em Salvador entra, desde já, para as antologias, para os dicionários, para as enciclopédias. A cobrança de pênalti foi irretocável, forte e no canto. A assistência para o decisivo gol de Rodriguinho foi cinematográfica; melhor, foi hollywoodiana. Quando todos os espectadores esperavam um passe para Washington, o argentino toca para o outro lado. A principío, ninguém entende, ninguém. Dois segundos depois, todos percebemos a genialidade da jogada. E então, babando de admiração, repetimos: "gênio! gênio! gênio!".

Uma verdade: Conca não se resume às grandes jogadas. O argentino também transpira: a camisa onze termina a batalha encharcada de suor. E é um suor épico, resultado de muita entrega, de muita dedicação. O craque sofre com duas lesões - duas! - e mesmo assim vai a campo, e mesmo assim mata um leão a cada lance. Que exemplo de capitão, que exemplo!

Lá de sua caverna, o Profeta está avisando: "o Fluminense será o campeão! o Fluminense será o campeão!". Quem viver, verá.

PC

Torcida Tricolor no Barradão


A recepção no aeroporto já foi sensacional: em plena Salvador, cerca de 300 tricolores foram dar as boas vindas aos jogadores do Fluminense ontem.

Daqui a pouco, no Barradão, haverá o grande momento do jogo. E milhares de pós-de-arroz já tomam conta dos arredores do estádio, desde o meio-dia.

São habitantes de Salvador, acompanhados de gente que veio do interior da Bahia, e até de outros estados do Nordeste (o estudante Plínio Elkson, por exemplo, viajou 450km de Simão Dias/SE até a capital baiana).

As informações e a foto são do portal Globoesporte.com: clique aqui para ler a matéria completa.

PC

sábado, 25 de setembro de 2010

História - Fluminense x Vitória


(foto de Ari Gomes, no Jornal do Brasil. 23/10/1986, Fluminense 1 x 0 Vitória, no Maracanã)

Amigos, Fluminense e Vitória já se enfrentaram em 48 partidas ao longo da história. São 21 vitórias do Fluminense, 16 empates e 11 triunfos do Vitória. Nestes jogos, o Tricolor já assinalou 74 gols, contra 48 do rubro-negro baiano.

Há um tabu em andamento neste confronto: o Fluminense não vence o Vitória há 6 jogos. No período, aconteceram 3 triunfos do clube baiano e 3 empates.

Confiram a lista completa de partidas entre Fluminense e Vitória:
05/04/1923 - Vitória BA 1 x 1 Fluminense - Clube Baiano de Têniz (Salvador)
01/03/1945 - Vitória BA 2 x 6 Fluminense - Avenida da Graça (Salvador)
27/02/1946 - Vitória BA 0 x 5 Fluminense - Avenida da Graça (Salvador)
07/07/1951 - Vitória BA 0 x 0 Fluminense - Avenida da Graça (Salvador)
28/03/1956 - Vitória BA 1 x 2 Fluminense - Avenida da Graça (Salvador)
05/02/1958 - Vitória BA 1 x 0 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
13/01/1959 - Vitória BA 0 x 3 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
01/02/1959 - Vitória BA 0 x 2 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
15/11/1961 - Vitória BA 0 x 1 Fluminense - Mário Pessoa (Ilhéus-BA)
01/12/1971 - Vitória BA 0 x 0 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
30/01/1972 - Vitória BA 1 x 0 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
01/10/1972 - Vitória BA 0 x 0 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
15/05/1974 - Vitória BA 0 x 0 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
19/02/1975 - Vitória BA 0 x 2 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
29/06/1975 - Vitória BA 2 x 2 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
26/09/1976 - Fluminense 0 x 1 Vitória BA - Maracanã (Rio de Janeiro)
06/11/1977 - Vitória BA 1 x 1 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
17/11/1979 - Fluminense 2 x 1 Vitória BA - Maracanã (Rio de Janeiro)
02/03/1980 - Vitória BA 1 x 1 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
11/03/1981 - Fluminense 1 x 2 Vitória BA - Maracanã (Rio de Janeiro)
28/03/1981 - Vitória BA 0 x 0 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
23/10/1986 - Fluminense 1 x 0 Vitória BA - Maracanã (Rio de Janeiro)
28/01/1987 - Vitória BA 2 x 1 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
03/12/1988 - Vitória BA 1 x 0 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
03/11/1990 - Vitória BA 1 x 2 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
19/05/1991 - Vitória BA 1 x 2 Fluminense - Fonte Nova (Salvador)
22/10/1995 - Fluminense 2 x 1 Vitória BA - Kléber José de Andrade (Cariacica-ES)
24/11/1996 - Fluminense 3 x 1 Vitória BA - Engenheiro Araripe (Cariacica-ES)
16/07/1997 - Fluminense 0 x 0 Vitória BA - Rua Bariri (Rio de Janeiro)
23/08/2000 - Vitória BA 2 x 4 Fluminense - Barradão (Salvador)
12/08/2001 - Fluminense 1 x 1 Vitória BA - Maracanã (Rio de Janeiro)
02/10/2002 - Vitória BA 2 x 1 Fluminense - Barradão (Salvador)
07/06/2003 - Vitória BA 2 x 1 Fluminense - Barradão (Salvador)
09/10/2003 - Fluminense 2 x 0 Vitória BA - Maracanã (Rio de Janeiro)
16/05/2004 - Fluminense 1 x 0 Vitória BA - Maracanã (Rio de Janeiro)
09/09/2004 - Vitória BA 2 x 3 Fluminense - Barradão (Salvador)
12/07/2008 - Fluminense 2 x 1 Vitória BA - Maracanã (Rio de Janeiro)
19/10/2008 - Vitória BA 2 x 2 Fluminense - Barradão (Salvador)

09/08/2009 - Vitória BA 2 x 2 Fluminense - Barradão (Salvador)

PCFilho


Fora das estatísticas acima, o Fluminense enfrentou uma vez um Combinado Baiano:
15/04/1923 - Combinado Baiano 5 x 4 Fluminense - Avenida da Graça (Salvador)

Em 13 de junho de 1976, Fluminense e Vitória se uniram em um combinado que derrotou uma equipe de jogadores estrangeiros:
13/06/1976 - Combinado Fluminense-Vitória 3 x 1 Combinado Estrangeiro - Fonte Nova (Salvador)

Fontes: arquivos pessoais, Estatísticas FluminenseCanal Vitória, e Alexandre Magno Barreto Berwanger.

Francisco Carlos Nascimento apitará Vitória x Fluminense

Amigos, o árbitro de Vitória x Fluminense, neste domingo, no Barradão, será o alagoano Francisco Carlos Nascimento. Ele será auxiliado por Pedro Jorge Santos de Araújo e José Jaime Rocha Bispo, ambos também de Alagoas.

Escolhidos os vices de Júlio Bueno e Peter Siemsen

(charge do grande amigo tricolor Leo João - clique nela para ampliar)


Amigos, confiram o post de Marco Aquino no PAVILHÃO TRICOLOR, informando quem são os escolhidos para a vice-presidência geral do Fluminense, nas chapas dos candidatos Peter Siemsen e Júlio Bueno:


PARABÉNS
(por Marco Aquino)


Parece que as vice-presidências gerais dos principais candidatos já estão definidas, e eu gostaria de parabenizar as duas candidaturas pela decisão tomada.

Pela chapa de Júlio Bueno foi escolhido Ricardo Tenório, e pela chapa de Peter Siemsen o convidado foi Ricardo Martins, conhecido como Ricardinho, ex-vice-presidente de Esportes Olímpicos do clube.

Ricardo Tenório poderá agregar à chapa todo o seu conhecimento político adquirido nos últimos três anos, principalmente nos últimos três meses, já que ele apoiou a candidatura Peter Siemsen em 2007 e nos últimos tempos conversou com quase todos os grupos políticos, tendo sido lançado candidato pela Democracia Tricolor, candidatura esta que não vingou por divergências internas.

Já Ricardinho poderá agregar a sua vasta experiência nos esportes olímpicos, que com gestão profissional ajudou o clube a se destacar no cenário nacional. Politicamente poderá, sem dúvidas, ajudar na vitória do candidato, pela experiência adquirida com o grupo dos esportes olímpicos, nas eleições dos presidentes David Fischel e Roberto Horcades.

Parabéns às duas candidaturas.

O Globo Repórter apresenta...

Sérgio Chapelin numa arrojada saída do gol tricolor, no Maracanã!

A preciosa foto foi tirada por Rodolpho Machado, d'O Globo, na "pelada com maior público na história". Diante de mais de 100 mil pessoas no Estádio Mario Filho, artistas disputaram a preliminar da final da Taça Guanabara de 1975 (Fluminense 1 x 0 América, cuja história já contei aqui).

Se o Tricolor levantou a Taça Guanabara, o "América" venceu a preliminar por 12 a 4, e ergueu o Troféu Francisco Horta. Jogaram pelo "Fluminense" Chico Buarque, Ivan Lins, Nonato Buzar, Maestro Gaya (camisa 13 na foto), Flavinho Cavalcante Jr., Luiz Mendes Jr., o MPB-4 completo, Sylvio César, Paulinho Tapajós, Pedrinho da Luz e, claro, o grande Sérgio Chapelin, no gol.

Mais informações sobre o jogão podem ser encontradas no Trintão News, de Armando "Pitti", outro "craque" que envergou a camisa do Fluminense no "clássico".

PC

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Resenha: Tricolor 5 x 1 Atlético Mineiro


Após o jogo Fluminense 5 x 1 Galo, os atleticanos devem ter ficado enfurecidos com a defesa do seu time. Mas sejamos justos: nada deprime tanto uma defesa quanto o fracasso de seu ataque. A meu ver, a derrota do Atlético Mineiro começou na impotência de sua vanguarda. Ninguém vence com uma linha de ataque que se exaure num tico-tico deprimente. Eram passes para os lados, passes para trás, e nunca para frente. Eis a verdade: dá pena a falta de penetração dos comandados de Luxemburgo. Ficam sassaricando, mas nunca perfuram a defesa adversária. Eu sou tricolor confesso, mas diante daquela medonha dispersão atleticana, tive vontade de gritar: "chutem! chutem!".

Pois bem: enquanto o Atlético ensinava como não se deve jogar futebol, o Fluminense ia fazendo os seus gols. O mínimo que se pode dizer de um time que venceu por 5 a 1 é que cumpriu com êxito sua missão. Dirão alguns que o placar foi demasiadamente elástico, não condizendo com a realidade do que foi a partida. Ao que respondo: condiz, sim. Claro, tivemos sorte em alguns lances. Mas ninguém vence um jogo e, mais, ninguém vence um campeonato apenas com futebol. Qualquer triunfo exige um pouco de sorte, um mínimo de sorte.

E o Fluminense venceu com um futebol mais incisivo, mais prático e mais objetivo. Cabe ainda dizer que os 5 x 1 poderiam ser 6 ou 7. Por exemplo, Washington perdeu, se não me falha a memória, uns dois ou quatro gols certos. O arco adversário estava escancarado, de modo que uma leve brisa teria empurrado a bola para as redes. E, no entanto, nosso artilheiro conseguiu o milagre de não fazer os gols. Sobre Washington, cabe dizer: ele faz duzentos gols, e desperdiça outros quatrocentos. Se o "Coração Valente" conferisse todas as chances claras que perde, o Fluminense seria um quadro imbatível, campeão obrigatório de todos os anos.

Bem, se o ataque tricolor falhou (Rodriguinho também deixou de enfiar dois tentos líquidos e matemáticos), a defesa apareceu para salvar. A goleada foi construída com dois gols de Carlinhos, um de Leandro Euzébio, e um de Gum. No final, Marquinho ainda fechou a conta em 5 a 1. Estava definitivamente assado, no Engenhão, o Galo ao molho luxemburgo. Bom apetite, pó-de-arroz!

PC

quinta-feira, 23 de setembro de 2010

O Profeta já sabia: Mariano convocado


Amigos, o Profeta já havia anunciado, aqui, em agosto: Mariano é o melhor lateral-direito em atividade no Brasil. A convocação para o escrete, nesta quinta-feira, foi apenas a confirmação da profecia. Parabéns, Mariano! Você fez por merecer seu lugar na Seleção Brasileira!

Cabe dizer que não é o primeiro acerto do Profeta em 2010. Aqui mesmo, neste espaço, ele previu a conquista do Campeonato Carioca pelo Botafogo, após os 6 a 0 do Vasco, com direito a camisa queimada nas arquibancadas.

Para desespero de muita gente, o Profeta, lá de sua caverna, já disse: "o Fluminense será o campeão brasileiro de 2010".

Quem viver, verá.

PC

CONTRA O CORINTHIANS NINGUÉM ERRA


Outro dia, o Andrés Sanches, presidente do Corinthians, teve a cara-de-peroba, a cara-de-jacarandá, a cara-de-pau de reclamar que "contra o Fluminense ninguém erra". Ah, é, Andrés? E contra o Corinthians?

Vamos aos fatos.

Primeira rodada, Corinthians 2 x 1 Atlético PR
Marcelo de Lima Henrique inventa pênalti aos 39 do segundo tempo (ver vídeo abaixo). Ronaldo converte. Dois pontos mais para o Corinthians!

Terceira rodada, Corinthians 1 x 0 Fluminense
DOIS gols do Fluminense mal anulados. Além disso, o gol do Corinthians originou-se de falta inexistente. Que maravilha! Veja o vídeo abaixo, ou então VEJA AQUI as imagens congeladas, que não deixam dúvidas. Três pontos mais para o Corinthians!

Quinta rodada, Corinthians 4 x 2 Santos
Marquinhos recebe em posição legal e empata. Gol mal anulado, e dois pontos mais para o Corinthians:

11ª rodada, Corinthians 3 x 1 Guarani
Jogo empatado, já no segundo tempo, e Mano Menezes expulsa Ailson "no grito". Dois pontos mais para o Timão:

12ª rodada, Corinthians 1 x 1 Palmeiras
O gol do Corinthians é irregular: impedimento claro, mostrado pelo próprio corte do gramado. Além disso, o juiz ignora um pênalti para o Palmeiras. Um ponto mais para o Timão:

17ª rodada, Corinthians 2 x 1 Vitória BA
No final do primeiro tempo, Júnior é claramente derrubado na área. O árbitro Célio Amorim ignora o pênalti escandaloso (ver vídeo abaixo). Dois pontos mais para o Corinthians!

24ª rodada, Corinthians 3 x 2 Santos
Nesta quarta-feira, na Vila Belmiro, Danilo, em impedimento, cruza para Paulo André marcar o gol da vitória do Corinthians. Dois pontos mais para o Timão! Confiram:

Onde está a isonomia do Campeonato? Por que ninguém erra contra o Corinthians?

EDIÇÃO:
26ª rodada: Corinthians 1 x 1 Botafogo
Mais um ponto para o Corinthians: clique aqui para conferir.

EDIÇÃO:
Para ser justo, o Corinthians foi prejudicado pela arbitragem nessas duas partidas:
Jogo adiado: Vasco 2 x 0 Corinthians
O primeiro gol vascaíno foi assinalado em condição de impedimento. Menos um ponto na conta.
30ª rodada: Corinthians 0 x 0 Guarani
Gol mal anulado de Ronaldo. Menos dois pontos na conta.

EDIÇÃO:
35ª rodada: Corinthians 1 x 0 Cruzeiro
No primeiro tempo, um pênalti claríssimo de Júlio César em Thiago Ribeiro é ignorado pelo árbitro Sandro Meira Ricci. Aos 40 do segundo tempo, para completar o serviço, o juiz inventa pênalti em Ronaldo. Três pontos mais para o Corinthians! Clique aqui para conferir o vídeo!

TOTAL ATÉ AQUI:
- 18 pontos de benefício.
- 3 pontos de prejuízo.
- 15 pontos de "saldo".

PC
(baseado nos excelentes Dossiê Gambá 2010 e Flunáticas, e também nas reportagens do Globoesporte.com)

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

E o G4 virou G3...

Amigos, já diz o meu professor Mauros: Deus limitou a inteligência do homem, mas não limitou a burrice. Nesta quarta-feira a Conmebol anunciou mais uma medida medíocre: o país do clube campeão da Libertadores em um ano passa a ter uma vaga a menos no ano seguinte. Então é isso: penaliza-se o país que venceu a Libertadores! Muito justo, não?

O Brasil, disparada a maior potência futebolística do continente, é obviamente a nação mais prejudicada pela medida. O Campeonato Brasileiro, o mais difícil do mundo, dará apenas três vagas para a principal competição do continente: o mesmo número do espetacular campeonato da Venezuela.

Os amigos sabem como são distribuídas as vagas na Liga dos Campeões da Europa? Analisem: as três maiores potências têm 4 vagas; a quarta, a quinta e a sexta têm 3 vagas; da sétima à décima-quinta, 2 vagas; os países sem tradição ganham uma vaguinha pro campeão, e olhe lá.

Comparemos com a aberração da Conmebol: Brasil e Argentina possuem 5 vagas (isso quando não tiverem o campeão do ano anterior, quando terão apenas 4). Enquanto isso, as "potências" Peru, Venezuela e Equador possuem 3 vagas para seus clubes.

Em suma: a distribuição, que já era ruim, ficou pior ainda.

Assim caminha a América do Sul: a política em primeiro lugar, o mérito é um detalhe. (A crítica cabe em todas as esferas, não só no futebol.)

PC

terça-feira, 21 de setembro de 2010

História - Fluminense x Atlético-MG


Amigos, Fluminense e Atlético Mineiro já se enfrentaram em 74 ocasiões. Houve 25 vitórias do Fluminense, 20 empates, e 29 vitórias do Atlético. Ao todo, o Tricolor assinalou 107 gols, contra 114 da equipe mineira.

Em 1937, houve dois jogos pela Copa dos Campeões, primeiro torneio nacional interclubes organizado pela CBD. No Rio, o Flu venceu por 6 a 0. Em Belo Horizonte, o Atlético teve sua revanche: 4 a 1. O Galo foi o campeão do torneio.

O jogo mais importante se deu em 1970, na última rodada do Quadragular Decisivo do Campeonato Brasileiro, no Maracanã. Com o empate em 1 a 1, o Fluminense se sagrou campeão. (clique aqui se quiser ler a história deste jogo)

Lista completa dos jogos entre Fluminense e Atlético/MG:
16/08/1930 - Atlético/MG 1 x 1 Fluminense - Lourdes (Belo Horizonte/MG)
27/07/1933 - Fluminense 3 x 3 Atlético/MG - Laranjeiras (Rio de Janeiro/RJ)
14/01/1934 - Atlético/MG 1 x 3 Fluminense - Lourdes (Belo Horizonte/MG)
20/01/1934 - Atlético/MG 0 x 2 Fluminense - Lourdes (Belo Horizonte/MG)
27/05/1936 - Fluminense 6 x 1 Atlético/MG - Laranjeiras (Rio de Janeiro/RJ)
12/07/1936 - Fluminense 4 x 1 Atlético/MG - Laranjeiras (Rio de Janeiro/RJ)
13/01/1937 - Fluminense 6 x 0 Atlético/MG - Campos Sales (Rio de Janeiro/RJ)
31/01/1937 - Atlético/MG 4 x 1 Fluminense - Lourdes (Belo Horizonte/MG)
20/06/1937 - Atlético/MG 1 x 1 Fluminense - Lourdes (Belo Horizonte/MG)
19/11/1939 - Atlético/MG 5 x 1 Fluminense - Lourdes (Belo Horizonte/MG)
20/10/1942 - Atlético/MG 3 x 1 Fluminense - Lourdes (Belo Horizonte/MG)
11/12/1945 - Atlético/MG 3 x 2 Fluminense - Lourdes (Belo Horizonte/MG)
24/06/1947 - Fluminense 2 x 0 Atlético/MG - Laranjeiras (Rio de Janeiro/RJ)
14/10/1947 - Atlético/MG 1 x 2 Fluminense - Lourdes (Belo Horizonte/MG)
05/08/1950 - Atlético/MG 2 x 2 Fluminense - Lourdes (Belo Horizonte/MG)
20/06/1951 - Atlético/MG 1 x 0 Fluminense - Lourdes (Belo Horizonte/MG)
27/06/1951 - Fluminense 2 x 0 Atlético/MG - Laranjeiras (Rio de Janeiro/RJ)
29/06/1952 - Atlético/MG 2 x 1 Fluminense - Independência (Belo Horizonte/MG)
17/11/1954 - Atlético/MG 1 x 2 Fluminense - Alameda (Belo Horizonte/MG)
06/01/1957 - Atlético/MG 1 x 1 Fluminense - Sete de Setembro (Belo Horizonte/MG)
20/05/1962 - Atlético/MG 1 x 2 Fluminense - Independência (Belo Horizonte/MG)
13/03/1966 - Atlético/MG 2 x 0 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
05/04/1967 - Fluminense 0 x 2 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
03/03/1968 - Atlético/MG 0 x 1 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
29/09/1968 - Atlético/MG 0 x 0 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
16/11/1969 - Atlético/MG 2 x 0 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
29/11/1970 - Atlético/MG 3 x 1 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
16/10/1971 - Fluminense 2 x 0 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
15/10/1972 - Atlético/MG 2 x 0 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
13/12/1972 - Fluminense 2 x 3 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
13/12/1973 - Fluminense 0 x 1 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
30/08/1975 - Fluminense 5 x 2 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
21/11/1976 - Atlético/MG 0 x 0 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
27/04/1977 - Atlético/MG 3 x 1 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
27/08/1978 - Atlético/MG 1 x 1 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
24/02/1980 - Fluminense 2 x 3 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
14/05/1980 - Fluminense 0 x 2 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
01/02/1981 - Fluminense 2 x 1 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
18/10/1987 - Atlético/MG 3 x 1 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
20/11/1988 - Atlético/MG 2 x 2 Fluminense [PK 6x5] - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
05/11/1989 - Atlético/MG 2 x 0 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
29/08/1990 - Atlético/MG 4 x 2 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
13/04/1991 - Atlético/MG 1 x 1 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
22/03/1992 - Fluminense 1 x 0 Atlético/MG - Laranjeiras (Rio de Janeiro/RJ)
09/08/1992 - Fluminense 2 x 1 Atlético/MG - Estádio Municipal (Juiz de Fora/MG)
12/08/1992 - Atlético/MG 5 x 1 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
12/08/1993 - Atlético/MG 2 x 0 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
19/08/1993 - Fluminense 2 x 0 Atlético/MG [PK 2x4] - Laranjeiras (Rio de Janeiro/RJ)
22/09/1993 - Fluminense 2 x 0 Atlético/MG - Laranjeiras (Rio de Janeiro/RJ)
23/10/1993 - Atlético/MG 1 x 2 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
05/08/1995 - Atlético/MG 2 x 1 Fluminense - Independência (Belo Horizonte/MG)
08/10/1995 - Atlético/MG 0 x 0 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
06/10/1996 - Fluminense 2 x 2 Atlético/MG - Laranjeiras (Rio de Janeiro/RJ)
18/09/1997 - Atlético/MG 1 x 0 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
15/06/2000 - Fluminense 3 x 3 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
21/06/2000 - Atlético/MG 2 x 2 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
16/09/2000 - Atlético/MG 2 x 2 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
11/10/2001 - Fluminense 3 x 2 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
21/08/2002 - Atlético/MG 1 x 1 Fluminense - Independência (Belo Horizonte/MG)
24/05/2003 - Atlético/MG 3 x 0 Fluminense - Independência (Belo Horizonte/MG)
03/09/2003 - Atlético/MG 0 x 2 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
28/09/2003 - Fluminense 0 x 1 Atlético/MG - Giulite Coutinho (Mesquita/RJ)
20/06/2004 - Atlético/MG 2 x 1 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
28/09/2004 - Fluminense 1 x 1 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
07/08/2005 - Atlético/MG 1 x 2 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
17/11/2005 - Fluminense 0 x 2 Atlético/MG - Raulino de Oliveira (Volta Redonda/RJ)
26/07/2007 - Atlético/MG 3 x 0 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
27/10/2007 - Fluminense 1 x 1 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)
11/05/2008 - Atlético/MG 0 x 0 Fluminense - Mineirão (Belo Horizonte/MG)
17/08/2008 - Fluminense 1 x 0 Atlético/MG - Maracanã (Rio de Janeiro/RJ)

Ocorreu ainda um jogo entre o Fluminense e um combinado América-Atlético/MG (não está contabilizado na estatística):
08/01/1957 - América-Atlético/MG 1 x 3 Fluminense - Sete de Setembro (Belo Horizonte/MG)

PC

Fontes:
[3] Acervo do Flumemória.

História - Corinthians x Santos


Ao todo, Corinthians e Santos já se enfrentaram em 295 jogos, com 120 vitórias corintianas, 81 empates e 94 vitórias santistas. A equipe da capital assinalou ao todo 549 gols, contra 466 tentos do alvinegro praiano.

Confiram a lista completa de partidas:
22/06/1913 - Corinthians 3 x 6 Santos - Parque Antártica (São Paulo)
30/08/1914 - Corinthians 0 x 0 Santos - C. A. Santista (Santos)
10/06/1917 - Corinthians 3 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
26/08/1917 - Corinthians 3 x 0 Santos - Vila Belmiro (Santos)
11/11/1917 - Corinthians 2 x 3 Santos - Parque Antártica (São Paulo)
07/04/1918 - Corinthians 2 x 2 Santos - Ponte Grande (São Paulo)
18/08/1918 - Corinthians 2 x 4 Santos - Vila Belmiro (Santos)
29/06/1919 - Corinthians 0 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
21/09/1919 - Corinthians 5 x 0 Santos - Ponte Grande (São Paulo)
11/07/1920 - Corinthians 11 x 0 Santos - Vila Belmiro (Santos)
05/06/1921 - Corinthians 6 x 1 Santos - Ponte Grande (São Paulo)
30/10/1921 - Corinthians 3 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
19/11/1922 - Corinthians 6 x 2 Santos - Ponte Grande (São Paulo)
24/06/1923 - Corinthians 3 x 1 Santos - Ponte Grande (São Paulo)
16/03/1924 - Corinthians 2 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
08/06/1924 - Corinthians 6 x 1 Santos - Ponte Grande (São Paulo)
12/10/1924 - Corinthians 0 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
21/04/1925 - Corinthians 0 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
22/11/1925 - Corinthians 1 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
27/12/1925 - Corinthians 3 x 1 Santos - Ponte Grande (São Paulo)
22/08/1926 - Corinthians 3 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
04/09/1927 - Corinthians 3 x 8 Santos - Parque Antártica (São Paulo)
08/01/1928 - Corinthians 4 x 4 Santos - Vila Belmiro (Santos)
26/02/1928 - Corinthians 0 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
19/08/1928 - Corinthians 3 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
12/10/1928 - Corinthians 1 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
11/11/1928 - Corinthians 2 x 3 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
14/07/1929 - Corinthians 2 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
06/10/1929 - Corinthians 4 x 1 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
18/05/1930 - Corinthians 2 x 0 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
04/01/1931 - Corinthians 5 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
08/03/1931 - Corinthians 6 x 2 Santos - Parque Antártica (São Paulo)
17/05/1931 - Corinthians 2 x 3 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
29/11/1931 - Corinthians 1 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
08/05/1932 - Corinthians 1 x 7 Santos - Vila Belmiro (Santos)
18/12/1932 - Corinthians 5 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
25/06/1933 - Corinthians 3 x 3 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
24/09/1933 - Corinthians 0 x 6 Santos - Vila Belmiro (Santos)
14/01/1934 - Corinthians 4 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
22/04/1934 - Corinthians 3 x 0 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
22/07/1934 - Corinthians 3 x 0 Santos - Vila Belmiro (Santos)
21/10/1934 - Corinthians 1 x 0 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
10/03/1935 - Corinthians 2 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
28/04/1935 - Corinthians 5 x 2 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
30/06/1935 - Corinthians 2 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
17/11/1935 - Corinthians 0 x 2 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
09/02/1936 - Corinthians 2 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
24/05/1936 - Corinthians 5 x 1 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
11/04/1937 - Corinthians 2 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
25/07/1937 - Corinthians 2 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
24/10/1937 - Corinthians 1 x 0 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
09/01/1938 - Corinthians 0 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
05/06/1938 - Corinthians 1 x 0 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
17/07/1938 - Corinthians 2 x 0 Santos - Vila Belmiro (Santos) Extra
11/09/1938 - Corinthians 3 x 0 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
06/11/1938 - Corinthians 3 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
08/01/1939 - Corinthians 2 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
13/08/1939 - Corinthians 0 x 0 Santos - Vila Belmiro (Santos)
30/12/1939 - Corinthians 4 x 1 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
28/07/1940 - Corinthians 4 x 1 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
17/11/1940 - Corinthians 4 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
19/02/1941 - Corinthians 0 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
01/06/1941 - Corinthians 7 x 0 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
28/09/1941 - Corinthians 3 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
26/04/1942 - Corinthians 2 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
26/07/1942 - Corinthians 6 x 2 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
18/04/1943 - Corinthians 2 x 1 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
08/08/1943 - Corinthians 5 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
07/11/1943 - Corinthians 0 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
16/01/1944 - Corinthians 1 x 2 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
11/06/1944 - Corinthians 1 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
30/07/1944 - Corinthians 2 x 1 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
03/06/1945 - Corinthians 3 x 0 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
09/09/1945 - Corinthians 1 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
28/04/1946 - Corinthians 4 x 2 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
18/07/1946 - Corinthians 3 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
11/08/1946 - Corinthians 2 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
25/05/1947 - Corinthians 3 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
31/10/1947 - Corinthians 3 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
12/05/1948 - Corinthians 1 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
04/07/1948 - Corinthians 2 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
31/10/1948 - Corinthians 2 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
06/04/1949 - Corinthians 1 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
24/07/1949 - Corinthians 1 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
16/10/1946 - Corinthians 0 x 0 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
09/08/1950 - Corinthians 4 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
14/10/1950 - Corinthians 2 x 2 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
26/11/1950 - Corinthians 1 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
16/09/1951 - Corinthians 4 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
06/01/1952 - Corinthians 4 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
21/02/1952 - Corinthians 2 x 4 Santos - Pacaembu (São Paulo)
10/08/1952 - Corinthians 3 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
28/09/1952 - Corinthians 3 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
04/01/1953 - Corinthians 4 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
09/05/1953 - Corinthians 3 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
06/09/1953 - Corinthians 2 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
20/12/1953 - Corinthians 3 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
29/06/1954 - Corinthians 0 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
24/10/1954 - Corinthians 0 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
30/01/1955 - Corinthians 1 x 4 Santos - Vila Belmiro (Santos)
21/04/1955 - Corinthians 2 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
28/08/1955 - Corinthians 2 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
08/01/1956 - Corinthians 3 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
04/04/1956 - Corinthians 2 x 4 Santos - Pacaembu (São Paulo)
22/04/1956 - Corinthians 0 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
04/07/1956 - Corinthians 4 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
29/07/1956 - Corinthians 3 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
11/11/1956 - Corinthians 4 x 0 Santos - Vila Belmiro (Santos)
29/12/1956 - Corinthians 1 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
11/04/1957 - Corinthians 3 x 5 Santos - Vila Belmiro (Santos)
01/05/1957 - Corinthians 1 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
21/07/1957 - Corinthians 2 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
03/11/1957 - Corinthians 3 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
22/12/1957 - Corinthians 0 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
27/03/1958 - Corinthians 2 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
13/04/1958 - Corinthians 2 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
14/09/1958 - Corinthians 0 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
07/12/1958 - Corinthians 1 x 6 Santos - Vila Belmiro (Santos)
30/04/1959 - Corinthians 2 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
26/08/1959 - Corinthians 2 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
27/12/1959 - Corinthians 1 x 4 Santos - Vila Belmiro (Santos)
31/03/1960 - Corinthians 2 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
31/07/1960 - Corinthians 1 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
30/11/1960 - Corinthians 1 x 6 Santos - Pacaembu (São Paulo)
29/03/1961 - Corinthians 2 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
17/08/1961 - Corinthians 1 x 5 Santos - Pacaembu (São Paulo)
03/12/1961 - Corinthians 1 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
16/06/1962 - Corinthians 3 x 1 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
21/06/1962 - Corinthians 3 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
23/09/1962 - Corinthians 2 x 5 Santos - Vila Belmiro (Santos)
04/11/1962 - Corinthians 1 x 2 Santos - Parque São Jorge (São Paulo)
03/03/1963 - Corinthians 0 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
22/09/1963 - Corinthians 1 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
14/12/1963 - Corinthians 2 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
18/03/1964 - Corinthians 0 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
01/10/1964 - Corinthians 1 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
06/12/1964 - Corinthians 4 x 7 Santos - Pacaembu (São Paulo)
15/04/1965 - Corinthians 4 x 4 Santos - Pacaembu (São Paulo)
29/08/1965 - Corinthians 3 x 4 Santos - Morumbi (São Paulo)
14/11/1965 - Corinthians 2 x 4 Santos - Morumbi (São Paulo)
27/03/1966 - Corinthians 0 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
08/10/1966 - Corinthians 0 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
17/12/1966 - Corinthians 1 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
13/05/1967 - Corinthians 1 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
10/09/1967 - Corinthians 1 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
10/12/1967 - Corinthians 1 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
06/03/1968 - Corinthians 2 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
21/04/1968 - Corinthians 0 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
06/10/1968 - Corinthians 1 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
13/04/1969 - Corinthians 2 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
25/05/1969 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
08/06/1969 - Corinthians 1 x 3 Santos - Morumbi (São Paulo)
04/11/1969 - Corinthians 4 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
29/03/1970 - Corinthians 1 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
18/04/1970 - Corinthians 1 x 1 Santos - Parque Antártica (São Paulo)
02/08/1970 - Corinthians 2 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
30/08/1970 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
01/11/1970 - Corinthians 2 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
11/04/1971 - Corinthians 4 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
20/06/1971 - Corinthians 3 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
30/10/1971 - Corinthians 1 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
14/05/1972 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
30/08/1972 - Corinthians 1 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
26/11/1972 - Corinthians 0 x 4 Santos - Morumbi (São Paulo)
29/04/1973 - Corinthians 0 x 3 Santos - Morumbi (São Paulo)
22/07/1973 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
24/11/1973 - Corinthians 1 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
19/05/1974 - Corinthians 1 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
29/09/1974 - Corinthians 1 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
17/11/1974 - Corinthians 1 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
20/02/1975 - Corinthians 0 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
20/04/1975 - Corinthians 0 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
13/07/1975 - Corinthians 1 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
31/07/1975 - Corinthians 0 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
08/02/1976 - Corinthians 0 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
13/06/1976 - Corinthians 0 x 0 Santos - Vila Belmiro (Santos)
20/03/1977 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
29/05/1977 - Corinthians 4 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
04/08/1977 - Corinthians 2 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
04/09/1977 - Corinthians 2 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
29/01/1978 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
08/04/1978 - Corinthians 0 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
20/08/1978 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
26/11/1978 - Corinthians 1 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
11/02/1979 - Corinthians 2 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
10/06/1979 - Corinthians 1 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
15/07/1979 - Corinthians 1 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
23/09/1979 - Corinthians 0 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
06/07/1980 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
05/10/1980 - Corinthians 3 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
31/05/1981 - Corinthians 2 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
27/09/1981 - Corinthians 2 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
22/08/1982 - Corinthians 1 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
21/11/1982 - Corinthians 1 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
31/07/1983 - Corinthians 0 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
23/10/1983 - Corinthians 0 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
13/11/1983 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
27/11/1983 - Corinthians 0 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
16/09/1984 - Corinthians 0 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
02/12/1984 - Corinthians 0 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
10/02/1985 - Corinthians 1 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
24/03/1985 - Corinthians 0 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
11/08/1985 - Corinthians 2 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
17/11/1985 - Corinthians 2 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
19/01/1986 - Corinthians 2 x 0 Santos - Vila Belmiro (Santos)
20/04/1986 - Corinthians 0 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
26/07/1986 - Corinthians 2 x 0 Santos - Vila Belmiro (Santos)
03/05/1987 - Corinthians 0 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
07/06/1987 - Corinthians 2 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
16/08/1987 - Corinthians 5 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
22/08/1987 - Corinthians 0 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
27/09/1987 - Corinthians 0 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
21/02/1988 - Corinthians 1 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
03/04/1988 - Corinthians 3 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
03/07/1988 - Corinthians 3 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
17/07/1988 - Corinthians 2 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
14/12/1988 - Corinthians 1 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)
11/05/1989 - Corinthians 0 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
04/06/1989 - Corinthians 0 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
18/06/1989 - Corinthians 3 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
29/10/1989 - Corinthians 0 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
22/04/1990 - Corinthians 1 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
15/07/1990 - Corinthians 3 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
12/08/1990 - Corinthians 0 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
04/11/1990 - Corinthians 1 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
06/03/1991 - Corinthians 2 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
18/08/1991 - Corinthians 0 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
29/09/1991 - Corinthians 0 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
02/02/1992 - Corinthians 1 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
08/08/1992 - Corinthians 1 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
25/10/1992 - Corinthians 1 x 3 Santos - Morumbi (São Paulo)
31/01/1993 - Corinthians 0 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
21/03/1993 - Corinthians 5 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
16/05/1993 - Corinthians 2 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
27/05/1993 - Corinthians 0 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
20/11/1993 - Corinthians 3 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
08/12/1993 - Corinthians 2 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
20/02/1994 - Corinthians 4 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
24/04/1994 - Corinthians 3 x 4 Santos - Morumbi (São Paulo)
09/08/1994 - Corinthians 6 x 3 Santos - Morumbi (São Paulo)
11/08/1994 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
16/11/1994 - Corinthians 2 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
15/03/1995 - Corinthians 0 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
30/04/1995 - Corinthians 1 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
25/06/1995 - Corinthians 2 x 2 Santos - Santa Cruz (Ribeirão Preto/SP)
23/07/1995 - Corinthians 4 x 2 Santos - José Levy Sobrinho (Limeira/SP)
19/11/1995 - Corinthians 0 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
24/01/1996 - Corinthians 1 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
11/02/1996 - Corinthians 2 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
21/04/1996 - Corinthians 2 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
27/10/1996 - Corinthians 0 x 0 Santos - Morumbi (São Paulo)
06/04/1997 - Corinthians 3 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
10/05/1997 - Corinthians 0 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
24/05/1997 - Corinthians 4 x 3 Santos - Morumbi (São Paulo)
14/10/1997 - Corinthians 0 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
27/09/1998 - Corinthians 0 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
29/11/1998 - Corinthians 1 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
06/12/1998 - Corinthians 2 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
09/12/1998 - Corinthians 1 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
25/04/1999 - Corinthians 2 x 4 Santos - Vila Belmiro (Santos)
23/05/1999 - Corinthians 5 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
13/10/1999 - Corinthians 4 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
19/03/2000 - Corinthians 5 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
30/08/2000 - Corinthians 0 x 3 Santos - Morumbi (São Paulo)
18/03/2001 - Corinthians 5 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
06/05/2001 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
13/05/2001 - Corinthians 2 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
28/10/2001 - Corinthians 2 x 0 Santos - Vila Belmiro (Santos)
30/01/2002 - Corinthians 0 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
27/07/2002 - Corinthians 1 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
03/10/2002 - Corinthians 2 x 4 Santos - Pacaembu (São Paulo)
08/12/2002 - Corinthians 0 x 2 Santos - Morumbi (São Paulo)
15/12/2002 - Corinthians 2 x 3 Santos - Morumbi (São Paulo)
08/07/2003 - Corinthians 1 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
02/11/2003 - Corinthians 1 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
04/07/2004 - Corinthians 2 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
06/10/2004 - Corinthians 1 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
13/02/2005 - Corinthians 0 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
31/07/2005* - Corinthians 2 x 4 Santos - Vila Belmiro (Santos)
13/10/2005* - Corinthians 3 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
06/11/2005 - Corinthians 7 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
12/02/2006 - Corinthians 0 x 1 Santos - Morumbi (São Paulo)
28/05/2006 - Corinthians 0 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
05/10/2006 - Corinthians 0 x 3 Santos - Pacaembu (São Paulo)
28/03/2007 - Corinthians 1 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
03/06/2007 - Corinthians 1 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
02/09/2007 - Corinthians 2 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
26/03/2008 - Corinthians 1 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
22/03/2009 - Corinthians 1 x 0 Santos - Pacaembu (São Paulo)
26/04/2009 - Corinthians 3 x 1 Santos - Vila Belmiro (Santos)
03/05/2009 - Corinthians 1 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
31/05/2009 - Corinthians 1 x 3 Santos - Vila Belmiro (Santos)
02/09/2009 - Corinthians 2 x 1 Santos - Pacaembu (São Paulo)
28/02/2010 - Corinthians 1 x 2 Santos - Vila Belmiro (Santos)
30/05/2010 - Corinthians 4 x 2 Santos - Pacaembu (São Paulo)

* O jogo do dia 31/07/2005 foi anulado por ter sido apitado por Edilson Pereira de Carvalho, juiz que confessou ter manipulado resultados. A partida foi jogada novamente no dia 13/10/2005. O resultado original (Santos 4 x 2) e o posterior (Corinthians 3 x 2) estão ambos contando para esta estatística.

PC